Temer assina decreto de intervenção no Rio: “Vamos restabelecer a ordem”

Em solenidade em Brasília, Temer declarou guerra ao crime organizado e confirmou o nome do general Walter Souza Braga Neto como interventor da segurança no Rio de Janeiro

“Nós, que já resgatamos o progresso e retiramos o pais da pior recessão da sua história, agora vamos restabelecer a ordem”. Esta foi a afirmação do presidente Michel Temer durante o anúncio do Decreto de Intervenção na Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro. A solenidade foi realizada no começo da tarde desta sexta-feira, no Salão Leste do Palácio do Planalto. A decisão de intervir no Estado foi tomada na noite dessa quianta-feira (15/2), em reunião no Palácio do Alvorada.

Declarando guerra ao crime organizado, Temer afirmou que a crise na segurança é uma "metástase" que não se limita apenas ao estado, e está se espalhando pelo país e ameaçando a tranquilidade do povo brasileiro (foto: Ed Alves/CB/DA Press)

Declarando guerra ao crime organizado, Temer afirmou que a crise na segurança é uma “metástase” que não se limita apenas ao estado, e está se espalhando pelo país e ameaçando a tranquilidade do povo brasileiro
(foto: Ed Alves/CB/DA Press)

Declarando guerra ao crime organizado, Temer afirmou que a crise na segurança é uma “metástase” que não se limita apenas ao estado, e está se espalhando pelo país e ameaçando a tranquilidade do povo brasileiro. “Os senhores sabem que eu tomo esta medida extrema porque as circunstâncias assim exigem. Afirmou que a medida tomada para retomar o controle do Rio de Janeiro é uma “resposta dura” no enfrentamento contra o crime organizado e as quadrilhas que seguem dominando o país. “Não podemos aceitar passivamente a morte de inocentes. É intolerável que estejamos enterrando pais e mães de família, trabalhadores, policiais, jovens e crianças; vendo bairros sitiados, escolas sob a mira de fuzis e avenidas transformadas em trincheiras”, afirmou o presidente. 

Sem detalhar exatamente como será a intervenção no Estado, Temer falou que não será mais tolerado que “matem nosso presente e continuem a assassinando nosso futuro”. Ele reafirmou que a construção do decreto ocorreu com diálogo com o governado do Rio, Luiz Fernando Pezão e confirmou o nome do general Walter Souza Braga Neto como interventor. Ele deve assumir as funções de chefia na segurança pública do Rio de Janeiro. “Ele terá poderes para restaurar a tranquilidade do povo”, afirmou Temer.

“Desordem é a pior das guerras”

O presidente também comentou que policiais e as Forças Armadas estarão nas ruas, nas avenidas e comunidade, trabalhando unidas. “Combaterão e vencerão aqueles que sequestram do povo nossas cidades. Nossos presídios não serão escritórios de bandidos, nem nossas praças serão salão de festa do crime organizado”, afirmou. O líder do Planalto ressaltou que “a desordem é a pior das guerras”, mas que o decreto, ” extremamente importante para o futuro do país”, marca mais uma batalha em que o único final possível é o sucesso. 

A expectativa, segundo Temer, é de que quando a reforma da Previdência estiver para ser votada, com o aval das duas Casas, que a intervenção seja cessada. “Segundo os critérios das casas legislativas, farei cessar a intervenção”, explicou Temer.

Por Correio Braziliense

 

Número de homicídios no Brasil supera outros 52 países somados

O números absoluto de assassinatos em 2016 é maior que a do continente europeu inteiro e mais os Estados Unidos

Em 2016 o Brasil chegou à nefasta marca de 61,6 mil homicídios no ano. Para se ter uma noção, se somarmos o número total de assassinatos na Europa inteira, Estados Unidos e China; o Brasil ainda leva uma vantagem de quase 13 mil mortos.

Até em comparação com países subdesenvolvidos como a Indonésia, com 253 milhões de habitantes, O Brasil leva uma vantagem de mais de 60 mil vítimas no ano. Foto: Agência Brasil

Até em comparação com países subdesenvolvidos como a Indonésia, com 253 milhões de habitantes, O Brasil leva uma vantagem de mais de 60 mil vítimas no ano. Foto: Agência Brasil

Os números são ainda mais alarmantes quando se leva em consideração a dimensão populacional. A China, por si só, tem uma população quase cinco vezes maior e índices de crimes violentos quase seis vezes menor.

Até em comparação com países subdesenvolvidos como a Indonésia, com 253 milhões de habitantes, O Brasil leva uma vantagem de mais de 60 mil vítimas no ano.

Se somarmos os números de vítimas do México, África do Sul, Colômbia e Paquistão, ainda levamos uma vantagem de quase 8 mil mortos.

Dentre os países em desenvolvimento apenas a Índia tem números próximos aos brasileiros. Foram 41,6 mil mortes violentas contra 59 mil no Brasil (em 2015). Ainda assim, a população da Índia é seis vezes maior que a brasileira.

Realidades distintas

Apesar dos indicativos, é preciso entender que um país de dimensões continentais como o Brasil abriga realidades distintas. Um morador de Jardim Paulista, em São Paulo, usufrui de uma realidade similar a Suécia.

Por outro lado, um morador de Nossa Senhora da Apresentação, bairro de Natal, vive num clima de terror. Sendo o bairro mais violento da 10ª cidade mais conturbada do mundo, os moradores de Nossa Senhora conviveram com 40 homicídios apenas no primeiro semestre de 2017. Os primeiros seis meses do ano já tornam o bairro mais violento que a maioria dos países do hemisfério norte.

Por Diário de Pernambuco

Pernambuco enfrenta aumento no número de assassinatos e violência doméstica em outubro

De acordo com a Secretaria de Defesa Social, foram 432 mortes contra 410 do mês anterior

O estado voltou a registrar crescimento no número de assassinatos no mês de outubro. Segundo dados divulgados pela Secretaria de Defesa Social, foram 432 mortes notificadas. Em setembro, foram 410. Os casos de violência doméstica também cresceram. No último mês, foram 2.975, em setembro, 2.701. Por outro lado, a resposta dos investimentos em segurança pública já começa a ser percebida. A polícia prendeu 226 suspeitos de homicídio em outubro, 37 detenções a mais que em setembro, o que representa um aumento de 19,5%.

mortes-arte

“Apesar de ainda não termos obtido um declínio mais acentuado dos homicídios, depois de sairmos da casa dos 500 por mês, como ocorreu em março e abril deste ano, estamos prendendo cada vez mais homicidas e desarticulando grupos de extermínio. Considerando janeiro a outubro de 2017, são 1.998 assassinos presos”, disse o secretário Antônio de Pádua.

A secretaria destacou que ampliou, em outubro, a base de dados para consulta pública em seu site (www.sds.pe.gov.br), “ratificando o compromisso com a transparência”. A novidade é a publicação das estatísticas de roubos a ônibus e as motivações dos crimes violentos letais intencionais (CVLIs), assim como a condição penal das pessoas assassinadas, “possibilitando uma visão mais aprofundada deste grave problema social que hoje desafia a União e os estados brasileiros”.

QUEDA NOS CRIMES CONTRA O PATRIMÔNIO

Em outubro, os crimes violentos contra o patrimônio (CVPs) caíram pelo terceiro mês consecutivo e tiveram a menor frequência desde fevereiro de 2016. Foram 8.429 ocorrências, contra 9.487 em setembro – 14% a menos. Entre as modalidades, a maior redução se deu nas ações contra instituições bancárias. Foi consumada apenas uma investida em outubro, o melhor resultado para crimes contra instituições financeiras desde agosto de 2013.

VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER

Em outubro, foram denunciados e investigados 156 casos de estupro, contra 184 em setembro (- 17,95%). Já os casos de violência doméstica cresceram em relação ao mês anterior: 2.975 em outubro, contra 2.701 em setembro (+ 6,59% na média diária). 

ROUBOS A ÔNIBUS

Em outubro, as estatísticas de assaltos a ônibus obtidas por meio do cruzamento dos boletins de ocorrência e a notificação compulsória das empresas de ônibus (conforme portaria do Grande Recife Consórcio), apontaram 65 casos, contra 75 em setembro (- 16,13%) e 107 em outubro de 2016 (- 39,3%). Em 2017, a Força-Tarefa Coletivos prendeu 272 praticantes contumazes. Desde a implantação da FT Coletivos, o número de celulares roubados em ônibus diminuiu. Em setembro houve 360 ocorrências, menos 13,9% em relação ao mesmo mês em 2016. A redução foi ainda maior em outubro, com 239 casos: 37,4% a menos em comparação com o mesmo mês no ano anterior.  

Por Diário de Pernambuco

VIOLÊNCIA – Vinte e quatro ônibus assaltados nas últimas 72 horas em Pernambuco

Vinte e quatro ônibus foram assaltados nas últimas 72 horas em Pernambuco, sendo oito casos registrados nas últimas 24 horas. Nem mesmo que resolveu aproveitar o feriadão na praia escapou da violência.

Um ônibus de turismo foi interceptado na BR-232 entre os municípios de Bezerros e Gravatá, Agreste do estado. Seis homens armados com revólveres de espingardas calibre 12 que seguiam um um Fiat Strada cinza entraram no coletivo que seguia para a praia de Gaibu, no litoral Sul. Os suspeitos fugiram levando os pertences dos passageiros.

Na Avenida Caxangá, um coletivo da linha CDU/ Caxangá/ Boa Viagem foi assaltado nas imediações do Banco Santander. Na Avenida Cláudio Gueiros Leite, no bairro do Janga, Paulista, o alvo foi um ônibus da linha 
Pau Amarelo.

De acordo com balanço do Sindicato dos Rodoviários, o mês de ourubro soma 134 investidas e o ano, 3.120 assaltos a ônibus no Grande Recife.

Por Diário de Pernambuco

Insegurança: Grupo armado incendeia carro com dois corpos próximo do shopping em Boa Viagem

Delegado avalia que incidente é parte da disputa do comando da criminalidade na Comunidade Entra A Pulso por um bando da comunidade Dórote, da Imbiribeira

Famílias que residem nas imediações da Rua Bruno Veloso, saída do Shopping Center Recife, viveram mais momentos de terror em Boa Viagem, Região Sul do Recife, no começo da noite deste domingo (17). Quatro homens armados chegaram quase na esquina das ruas Arnaud Holanda com a Bruno Veloso em dois carros, um Chevrolet Agile de placas terminadas em 8816 e um sedã Honda de placas não anotadas. Desferiram vários tiros pro alto e depois atearam fogo no primeiro veículo, onde foram encontrados dois corpos de homens.

 20170918000932835849u

Delegado Jorge Ferreira acredita que os dois homens cujos corpos foram encontrados dentro do carro já estavam mortos antes de serem incendiados com o veículo. Foto: Nando Chiappetta

Delegado Jorge Ferreira acredita que os dois homens cujos corpos foram encontrados dentro do carro já estavam mortos antes de serem incendiados com o veículo. Foto: Nando Chiappetta

Para o delegado Jorge Ferreira, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a principal linha de investigação é a de que se trata de uma espécie de “recado” de um bando criminoso de outra comunidade, a Dórote, da Imbiribeira, para o que restou do bando criminoso da comunidade Entra A Pulso, que teve seu chefe morto. “Possivelmente eles querem tomar o comando da (criminalidade) na comunidade”, avalia.

Viaturas do 19º Batalhão da Polícia Militar de Pernambuco (PMPE) foram mobilizadas, mas realizaram apenas o isolamento da área para que uma equipe do Corpo de Bombeiros debelasse as chamas para permitir a perícia pela equipe do Instituto de Criminalística (IC) e, depois, o recolhimento dos corpos pelo IML, numa operação que começou às 20 horas e terminou às 21h11.

Por: Osnaldo Moraes do Diário de Pernambuco

Lajedo-PE: Entidades públicas e poder Executivo reúnem-se em reunião para traçar estratégia no combate à criminalidade

Nesta quarta-feira (14.09), às 11h, foi realizada uma reunião na sede do Ministério Público com a presença da Exma Dra Daniely, Promotora Pública de Justiça da Comarca de Lajedo-PE, o Ilmo Prefeito do Municipio Sr. Rossine e o Capitão Leone, Comandante da Companhia de Polícia. A reunião teve o propósito de traçar planejamentos para diminuir a violência. Assuntos diversos foram abordados como iluminação pública, ausência de delegado no município, reforço de policiamento e horário de funcionamento de bares.

O chefe do executivo local frisou dizendo que já manteve contato com o Chefe de Polícia Civil do Estado de Pernambuco, externando a necessidade de um delegado titular para promover as investigações bem como se prontificou em realizar gestões para conseguir um imóvel para alocar a sede da Companhia de Polícia Militar, a fim de acomodar mais policiais e por fim ratificou a iniciativa de implantação do sistema de câmeras de vigilância eletrônica em toda a cidade, cuja central de monitoramento ficará na sede da Companhia.

O comandante do policiamento local solicitou ao representante do Ministério Público a implantação de um TAC, a fim de regular os horários de funcionamento dos bares no município, tudo com o objetivo de diminuir a violência, ficando marcado pela Sra Promotora, o dia 27/10/2015 para a realização de audiência onde se apresentará as propostas aos comerciantes.

12168113_604669329671537_695869137_n

TV Replay, o que é bom se repete!

Caruaru-PE: Marco zero do município foi palco de ato contra aumento da violência realizado pelo SINPOL

Na manhã desta quarta-feira (14), a partir das 8h, policiais civis realizaram um protesto contra o aumento da violência na cidade de Caruaru, Apreste Pernambucano. O ato aconteceu no Marco Zero da Cidade e contou com a presença de policiais da região e representantes de ONGs e movimentos sociais.O ato repete o realizado na Praia de Boa Viagem, em Recife, capital do estado, onde centenas de cruzes foram fixadas na areia representando as mortes causadas pela crescente violência em Pernambuco.

DSC01177 DSC01178 DSC01180

De acordo com o presidente do Sinpol (Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco), Áureo Cisneiros, o índice alarmante no número de homicídios no Estado é reflexo do descaso do Governo do Estado com os órgãos operativos da Segurança Pública, principalmente com a Polícia Civil que trabalha desmotivada com os baixos salários e a falta de estrutura.

Dados levantados até o último dia 12 de outubro, mais de três mil homicídios já foram registrados em Pernambuco. Destes, mais de 160 só na cidade de Caruaru e o número chega a mais de 300 homicídios nas regiões próximas ao município.

TV Replay, nós estamos onde a notícia está!

Gameleira-PE: Autoridades e população, juntos contra a violência!

A equipe da TV Replay esteve presente na Câmara Municipal em Gameleira, cidade da Mata Sul de Pernambuco, onde acompanhou a audiência pública voltada sobre a violência.

Estiveram presentes algumas autoridades, tais como: vereadores, comandantes da Polícia Militar e Civil, líderes religiosos, secretários, prefeita, sindicato e ONG para discutir soluções quanto a segurança dos munícipes.

Na ocasião entrevistamos o Sr. José Antônio, Padre da Paróquia Nossa Senhora da Penha, que foi uma das vítimas da violência:

Foto0196“Esperamos que as providências sejam tomadas pelas autoridades e que essa audiência pública venha ser colocada em prática, como também não só as dificuldades que as autoridades têm, mas também cobrar um quantitativo maior de policiais para fazer a segurança das pessoas, responsáveis pela segurança pública, por que as cidades estão entregues a violência. Antes disso, se deve buscar primeiro a palavra de Deus e se deixar ser guiado por ela, para que tenhamos uma sociedade melhor. É preciso tomar as providências em relação a segurança pública que cada vez mais o povo não só da cidade de Gameleira, como também das demais regiões do país está carente .”

O Sr. Marcos Antônio Oliveira Luna, Comandante da 2ª CPM de Ribeirão, falou quais serão as medidas a serem tomadas para erradicar a violência em Gameleira:

IMG-20150311-WA0012“Viemos intensificar algumas operações policiais aqui no município de Gameleira através de estratégias traçadas e voltadas à diminuição do índice de violência que alcançou a cidade. Daremos mais suporte às viaturas que temos em Gameleira, as viaturas de Ribeirão e demais viaturas de outras cidades, para que a primeira medida seja exatamente, as realizações preventivas que assegurem o cidadão, garantindo-lhe o direito de ir e vir sem a presença ou receio do medo. Além disso, tomaremos algumas medidas que ainda faltam e que foram prometidas pela Sra. Yeda Augusta, Prefeita do município, que também vai nos favorecer sem sombra de dúvidas. Diante da dificuldade que nos foi repassada, os assaltos que vêm ocorrendo com estudantes, iremos implantar a partir de hoje o bloqueio nas entradas da cidade nos horário entre 22h até 0h, que é basicamente o horário que mais crítico porque os bandidos agem justamente nessa calada da noite e o comandante do deslocamento local de Gameleira já foi informado para que se implante a partir de hoje.”

A Sra. Lóide Rodrigues, Vereadora do Partido PSB, fez seus comentários a respeito da reunião, dizendo:

Foto0075“O assunto discutido foi de suma importância, pois nós sabemos que a violência tem crescido gritantemente aqui em nosso município e vemos as dificuldades da sociedade em si, dos comerciantes, igrejas e instituições de ensino. Espero que juntamente com toda essa comissão, os assuntos aqui discutidos sejam levados ao conhecimento do governador de Pernambuco e que o mesmo tome as providências cabíveis, voltadas a segurança dos moradores. Primeiramente, devemos direcionar nossos pensamentos para Deus e depois enfatizar o vínculo familiar que é de onde é formado um cidadão de bem e ter um bom caráter.”

É viável que se juntem, formando uma aliança para buscar mecanismos que solucionem e assegurem o direito de ir e vir, porque a onda de violência no município tem crescido, assolando comerciantes, estudantes, autoridades, entre outros.

A TV Replay, agora faz parte da vida dos gameleirenses, desta forma a notícia será noticiada todos os dias e em todos os momentos, fazendo com que Gameleira possa se comunicar em tempo real e deixar assim seus moradores informados de tudo que acontece e em todos os lugares.

Assista, comente, compartilhe e divulgue. Mande sugestões e denúncias. Nossos contatos:

 Facebook: Central Gameleira

 Email: jornalismo@tvreplay.com.br

Watssapp: 81- 9648-5369

Reportagem: Patrícia Silva e Maickel Douglas

TV Replay, o que é bom se repete!

 

Gameleira-PE: Em audiência pública no combate a violência da cidade, participantes clamam por segurança e traçam estratégias

Gameleira, cidade Mata Sul de Pernambuco contou com o apoio de autoridades nesta quarta-feira (11.03) para compor a audiência pública que foi realizada na Casa Marquês de Olinda para tratar da situação crítica de violência que encontra-se o município.

Estiveram presentes algumas autoridades, que por sua vez, apontaram dificuldades e estatísticas decorrentes do índice de violência de Gameleira; também foram apontados planos de ação, novas estratégias para erradicar a violência enfrentada nas escolas, por moradores, comerciantes, representantes religiosos, e toda a massa popular que convive e são vítimas diariamente do perigo que está assolando a vida dos munícipes.

11056912_793020504108460_1235973191_nFoto0053IMG-20150311-WA0012Os representantes da área policial traçaram e descreveram estratégias que serão aplicadas nos principais pontos da cidade, sendo estas voltadas para o comércio em geral e vias de entrada e saída do município; como também foram apontadas as dificuldades enfrentadas com o deslocamento das viaturas, a ausência de denuncias devido a falta de comunicação, áreas de incidências e quantitativo de policiamento nas ruas.

Demais convidados presentes no ato público discutiram a falta de iluminação da cidade, uma vez que a escuridão toma conta das ruas, tornando cada vez mais eficiente o crime organizado, a falta de ronda, principalmente quando os alunos vem a noite das faculdades e demais escolas, o roubo nas escolas e uso de drogas nos arredores das mesmas.

Na ocasião, alguns participantes citaram o esquecimento da cidade pelo governador do estado, fizeram apelos para que as famílias sejam acompanhadas, pois os jovens precisam de incentivos através de projetos  para sair da criminalidade, até mesmo por que todos são iguais e precisam de oportunidades.

E assim, estaremos acompanhando o transcorrer destas ações na prática, na torcida de dias melhores para a cidade de Gameleira.

Assista, comente, compartilhe e divulgue. Mande sugestões e denúncias. Nossos contatos:

 Facebook: Central Gameleira

 Email: jornalismo@tvreplay.com.br

Watssapp: 81- 9648-5369

Reportagem: Patrícia Silva e Maickel Douglas

TV Replay, o que é bom se repete!

 

 

Gameleira-PE: Vereador Bio do Canto esclarece audiência pública e convoca população a se juntar por segurança na cidade

A TV Replay esteve na manhã desta terça-feira (10) na Câmara Municipal de Vereadores da cidade de Gameleira, onde ouviu informações a cerca da audiência pública que acontecerá nesta quarta-feira (11/03).

O vereador Sr. Severino Ramos do Canto Filho, do Partido PC do B, nos deu maiores informações sobre o que irá se referir essa audiência de caráter público, em função de quê e porque estará sendo realizada:

Biu-do-Canto“Essa audiência pública foi marcada para amanhã que, por sua vez, foi convocada em nome de toda a Câmara Municipal. O motivo de nós nos mobilizarmos aqui, deixando claro que não é responsabilidade nossa e sim, do governo, mas como temos haver com o município, pelo fato de sermos vereadores, a finalidade é encontrarmos uma saída para a segurança pública em benefício da população gameleirense, que vem sofrendo com isso e até hoje não temos segurança. Por isso decidimos mandar os benefícios para as autoridades (promotora, juíza, delegado, comandante, o padre e demais autoridades) para juntos, encontrarmos rumos para a nossa segurança. Até hoje nossos cidadãos estão assustados, presos e sofrendo muitos tipos de ameaças, das quais, nosso povo está apavorado devido o índice de violência, inclusive o furto em Gameleira está muito grande. Acredito que amanhã iremos pôr em prática o que já foi pedido na Câmara pelo vereador João Rogério, sobre um Projeto de Lei referente aos motoqueiros que trafegam sem o capacete e provavelmente isso irá ser discutido também.”

As pessoas convocadas serão a Sra. Prefeita Yeda Augusta, a Exma. Sra. Juíza substituta Marília Ferraz, Dra. Fabiana, Promotora substituta, o Delegado Sr. Paulo Roberto, o Comandante local, o Sr. Jairo José da Silva Filho, o Comandante do 10º BP de Palmares, o Padre da Paróquia Nossa Senhora da Penha, o Sr. José Antônio de Souza, igrejas, comunidades e demais autoridades.

“Não adianta apenas juntarmos as autoridades e sim, o povo que está sendo as maiores vítimas. Peço a toda comunidade que compareça amanhã às 10:00 horas  e compartilhe conosco esse sentimento de lutar pela nossa segurança.”

Conforme informações cedidas pelo vereador Bio sobre a onda de violência que cerca os munícipes da cidade de Gameleira, cabe as autoridades e sociedade estar presente buscando melhorias na segurança pública.

Assista, comente, curta, comente e divulgue. Mande sugestões e denúncias. Nossos contatos:

Facebook: CENTRAL GAMELEIRA
Email:jornalismo@tvreplay.com.br
Portal:www.tvreplay.com.br
Watssapp: 81 – 99317525

TV Replay, o que é bom se repete!

 

Gameleira-PE: Trabalhador Rural é assassinado (Imagens fortes – Impróprias para menores de 18 anos)

Ao tomar conhecimento de mais um homicídio da cidade, nossa equipe de jornalismo, foi até a Delegacia de Polícia Civil, localizada Rua Euclides Mota de Farias, Vila Santo Antônio, para buscar informações sobre a onda de violência que vem tomando conta do município de Gameleira, na Mata Sul Pernambucana.

Desta vez a vítima foi um trabalhador rural, o Sr. José Cícero Estevão da Silva, aparentando 38 anos de idade.

Na delegacia, entrevistamos Ozeias Idalino da Silva, Comissário de Polícia Civil de plantão, que nos contou mais detalhes sobre o crime.

305699_510600568976148_254621089_n

“Neste domingo tivemos mais um homicídio na cidade, desta feita no Engenho Bom Sucesso, nas proximidades do lixão e às margens da PE 73, onde vitimou o Sr. José Cícero Estevão da Silva, profissão ignorada, aparentando 38 anos de idade.

O mesmo não portava documentos e foi vítima de vários disparos de arma de fogo ocasionando em sua morte no local do crime.

A linha de investigação ainda não foi traçada por causa do tempo, e ainda não chegamos a uma conclusão concreta sobre os motivos que ocasionaram mais este homicídio em nossa cidade.

É precoce afirmar de fato o que realmente aconteceu, apesar de que a maioria dos homicídios ocorridos nessa cidade é correlata ao tráfico de drogas pela inexperiência política que engloba a população do nosso município.

Muitos não têm emprego, nem renda e por isso que, em sua maioria são adolescentes que preferem optar pelo ato delituoso.

Ainda não conseguimos descobrir a autoria do caso, mas com as investigações chegaremos ao autor desse bárbaro homicídio.”

Foto1063 Dup(01)20150201_174239

A polícia realiza investigações sobre o caso, e mantém em sigilo o nome de alguns suspeitos para não atrapalhar as investigações.

Nossa equipe está atenta aos fatos e tão logo surjam novidade sobre o caso, informaremos de imediato.

Assista, comente, curta, comente e divulgue. Mande sugestões e denúncias. Nossos contatos:

Facebook: CENTRAL GAMELEIRA
Email:jornalismo@tvreplay.com.br
Portal:www.tvreplay.com.br
Watssapp: 81 – 99317525

TV Replay, informações é aqui!

Cortês-PE: Sequestro, estupro e morte no Engenho Diogo

Noite de muita violência na cidade

Noite na Cidade de Cortês-PE

                                   Noite na Cidade de Cortês-PE

Era por volta das 20h desta terça-feira (11), quando um casal de namorados estava indo à uma pizzaria, e de repente segundo informações, dois homens ainda não identificados sequestraram os jovens.

Os indivíduos levaram o casal de namorado e seguiram com destino para o Engenho Diogo, local conhecido como “Pé de Cajá”; Lá, a moça teria sido estuprada e o jovem Alef Roberto da Silva, com a idade de 21 anos foi brutalmente assassinado.

Foto: Reprodução/Facebook

Foto: Reprodução/Facebook

Jovem de 21 anos brutamente assasinado em Cortês-PE

Jovem de 21 anos brutalmente assassinado em Cortês-PE

8

TV REPLAY, INFORMAÇÕES É AQUI!

 

 

 

Cachoeirinha-PE: 675 Alunos da Rede Municipal de Ensino concluem o PROERD

Alunos da rede municipal de ensino, pais, professores e instrutores participaram na tarde desta segunda-feira (22), no Cachoeirinha Fest Show, da solenidade de formatura do PROERD – Programa Educacional de Resistência às Drogas. Na oportunidade os alunos fizeram o juramento de que se manterão distante das drogas e, ainda, receberam certificado de aluno proerdiano.

Durante 2 semanas, os instrutores do curso, Sgt. Ednelson Magalhães e o Sgt. Antônio, estiveram passando para os estudantes das escolas da rede municipal, uma mensagem de valorização à vida e da importância de não se aproximar das drogas e da violência. 

Após dias de compartilhamento e construção de conhecimentos na prevenção e resistência ao uso de drogas e a violência, os alunos foram incentivados pelos instrutores proerdianos a produzirem redações a partir do tema “Uma vida saudável longe das drogas”.  Desses textos, no momento da solenidade, os instrutores apresentaram as redações dos alunos que mais se destacaram durante a entrega dos certificados.

O PROED busca promover a educação social de prevenção às drogas e a violência na vida das crianças, assim, as mesmas se manterão distantes desse mal. 

A TV Replay esteve acompanhando um dos instrutores do PROERD, o Sgt. Ednelson, durante os dias em que o mesmo esteve ministrando as aulas e você confere como foi todo o entrosamento do policial com essas crianças aqui na TV Replay.

CONFIRA!

20140807_091707 20140807_091902 20140807_092300 20140807_092308 20140807_100812 20140807_100841 20140807_100859 20140807_100915 20140807_101509 20140807_101542 20140807_101629 20140807_102438 20140807_103432 20140807_104418 20140807_105705 20140922_164443 20140922_164759 20140922_164909 20140922_164919 20140922_164927 20140922_164929 20140922_164931 20140922_164947 20140922_165025 20140922_165034 20140922_165043 20140922_165503 20140922_170001 20140922_170209

TV REPLAY, O QUE É BOM SE REPETE!

Garanhuns-PE: Governo Municipal participa de roda de conversa na UPE

Uma roda de conversa, em comemoração ao Dia da Psicologia, que vai tratar do olhar da psicologia sobre a violência contra a mulher, será realizada hoje (26), em Garanhuns. A discussão do tema será realizada às 19h, no auditório da Universidade de Pernambuco (UPE), localizada na Rua Capitão Pedro Rodrigues, nº 105, no bairro São José.

A conversa será ministrada por Dr. Henrique Carneiro, que vai abordar o tema “Violência, Laço Social e Mitos Estruturantes”, Juliana Coelho debaterá com o tema “Violência Obstétrica: Uma Cicatriz Invisível?”, e Maria Suely de Barros encerra o momento com: “Um Olhar para os Autores de Violência: Uma Luta Pelo Fim da Violência Contra a Mulher”.

Foram convidados profissionais de psicologia, estudantes do curso da UPE, Coordenação Colegiada e Secretarias da Mulher, Comunicação e Cultura de Garanhuns. O público em geral pode participar. O evento é uma iniciativa do Conselho Regional de Psicologia – Subsede Agreste Meridional, em parceria com a Comissão de Interiorização do CRP–02 e a Universidade de Pernambuco (UPE).

A participação é gratuita, porém as vagas são limitadas, sendo assim necessária a confirmação de participação, que pode ser realizada por meio dos telefones (87) 3761-3299/9633-2796 ou pelo site crppe.agrestemeridional@crppe.org.br.

Foto: imagem da internet

Foto: imagem da internet

TV Replay, o que é bom se repete!
Matéria: Ruthe Santana

Pernambuco: João Lyra Neto propõe debate sobre a origem do vandalismo e da violência

Com o objetivo de identificar as reais causas e coibir os atos de vandalismo e violência em Pernambuco, o governador João Lyra Neto, anunciou, nesta segunda-feira (26/05), a realização de um estudo de cunho comportamental. O levantamento, que será contratado até o final desta semana, vai nortear futuras ações do Governo do Estado na área da segurança pública.

A decisão do governador é uma resposta às ocorrências de desequilíbrio social registradas durante a paralisação da Polícia Militar de Pernambuco. O anúncio foi feito ainda pela manhã, durante entrevista concedida ao comunicador Geraldo Freire, da Rádio Jornal de Pernambuco, no Recife.

O estudo vai aprofundar a discussão sobre os motivos que levam uma pessoa sem antecedentes criminais a cometer um delito. É importante ressaltar que o vandalismo e a violência têm aumentado no Brasil, e o Governo de Pernambuco, apesar de ser o único Estado a reduzir estes índices nos últimos sete anos, se mantém em busca de uma solução permanente. “A repressão não deve ser a única alternativa para resolver, pois temos que entender e nos aprofundar ainda mais nessa questão”, disse governador, enfatizando que a gestão vai continuar monitorando a questão e garantindo a ordem para os pernambucanos.

“Além de uma reforma política e tributária, o Brasil precisa de um novo pacto social”, afirmou o governador, explicando que as recentes manifestações representam um reflexo do inconformismo com a atual conjuntura brasileira.

Segundo Lyra Neto, o Brasil tem avançado bastante nesses últimos anos, mas as conquistas ainda não satisfazem uma parcela da população. “Há uma falta de sintonia entre os governantes e a maioria do povo brasileiro”, pontuou o chefe do Executivo pernambucano, enfatizando que o estudo encomendado vai trabalhar nas comunidades envolvidas nos recentes incidentes.

Foto: Eduardo Braga/ SEI

Foto: Eduardo Braga/ SEI

TV Replay, o que é bom se repete!

Existe um país que é lindo e que tudo está bem, porém ele tem 16 cidades entre as 50 mais violentas do mundo – Que país é esse?

Parece mentira, mas vivemos em um país onde seria melhor estarmos em guerra, pois com certeza morreria menos pessoas por aqui. Segundo a ONG mexicana Conselho Cidadão para a Segurança Pública e Justiça Penal, o Brasil tem 16 municípios, ou tem o maior número de cidades entre as 50 mais violentas do mundo. O estudo utiliza taxas de homicídio do ano de 2013 para classificar as cidades como mais ou menos violência.

Maceió em AL, está no quinto lugar do ranking e tem uma taxa de 79,76 homicídios por 100 mil habitantes. A capital cearense é a sétima mais violenta: Fortaleza tem uma taxa de homicídios de 72,81. João Pessoa (PB), que está na nona colocação, apresenta uma taxa de 66, 92.

Ainda estão presentes na pesquisa Natal (RN) com 57,62; Salvador (BA) com 57,61; Vitória (ES) com 57,39; São Luís (MA) com 57,04; Belém (PA) com 48,23; Campina Grande (PB) com 46; Goiânia (GO) com 44,56; Cuiabá (MT) com 43,95; Manaus (AM) com 42,53; Recife (PE) com 36,82; Macapá (AP) com 36,59; Belo Horizonte  (MG) com 34,73; e Aracaju (SE) com 33,36.

Quem lidera o ranking como mais violenta, é a cidade hondurenha de San Pedro Sula. Este já é o terceiro ano consecutivo que o município da América Central ocupa esta triste posição. A cidade tem uma taxa de 187,14 por 100 mil habitantes.

Caracas, na Venezuela, é considerada a segunda cidade mais violenta, com taxa de 134,36. A terceira é Acapulco, no México, com uma taxa de 112, 80, segundo a pesquisa da ONG mexicana.

1

Fonte de Pesquisa: Jornal do Brasil e UOL Notícias

Canhotinho-PE: Mais um estabelecimento assaltado na cidade

Mais um assalto a estabelecimento ocorreu na cidade, foi neste sábado (23), por volta das 20h50. A vítima desta vez foi a X Games e Internet.

Segundo informações, um homem chegou de moto, entrou no estabelecimento sem capacete e anunciou o assalto. O mesmo fugiu levando cerca de R$ 200,00.

1379735_451939761582180_263035085_n

TV Replay, informações é aqui!

Canhotinho-PE: Homem escapa de tentativa de homicídio

Aconteceu neste sábado (09), por volta das 20h, uma tentativa de homicídio na Rua Santo Antônio.

Segundo informações de populares, a vítima, conhecido por Fábio, irmão de Zé Carlos, estava bebendo em um bar, na Rua Santo Antônio, quando dois elementos chegaram em um veículo Astra, de cor prata, e efetuaram dois disparos, um deles acertou o rosto da vítima, que conseguiu fugir. Os elementos evadiram-se tranquilamente.

Segundo informações do médico de plantão, o tiro que atingiu a vítima transfixou, entrou de um lado e saiu do outro. Aparentemente o estado da vítima não é grave, o mesmo estava consciente. Foram realizados os primeiros socorros, e em seguida o mesmo foi encaminhado para o Hospital Dom Moura, em Garanhuns.

DSCF3944 DSCF3945 DSCF3947 DSCF3949 DSCF3951 DSCF3952 DSCF3953 DSCF3954 DSCF3955

TV Replay, informações é aqui!

Caruaru-PE: Programa de Capacitação de violência contra as mulheres

O repórter Edvaldo Magalhães entrevistou Sileide Oliveira, Assessora da Diretoria Geral de enfrentamento da Violência, que realizou Programa de Capacitação de Violência Contra as Mulheres.

Confira!

TV Replay, o que é bom se repete!

Revejam o Programa Tema Livre #06 – Violência nos bairros de nossas cidades




Apresentado por Wagner Alex.

VIOLÊNCIA NOS BAIRROS DE NOSSAS CIDADES

Participação dos convidados:

  • Ivo José de Santana Jr – Com. do 3º P. da PM de Toritama-PE ;
  • Jorge Casagrande – Pres. da Ass. de Moradores do Boa Vista I e II;
  • Gislane Oliveira  - Psicóloga

Lajedo-PE: … E a violência não para! Mais um crime de morte

Lajedo tem se destacado nos noticiários policiais nos últimos tempos… o índice de violência tem aumentado cada dia mais e a população lajedense vem temendo tantos assaltos, furtos, latrocínios e homicídios.

Neste sábado, por volta das 13h mais um crime na cidade.

A vítima, conhecido Como Willian, dono de uma lojinha de Celular foi alvejado por vários disparos de Arma de fogo, o mesmo veio a óbito no local. 

1

TV Replay, informações é aqui! 

Violência homicida migra do Sudeste ao Norte e Nordeste

1

Violência homicida migra do Sudeste ao Norte e Nordeste. Foto: Blenda Souto Maior/DP/D.A Press/Arquivo

Em dez anos, a violência homicida no Brasil migrou do Sudeste para o Norte e o Nordeste. Enquanto os índices de São Paulo e Rio chegaram a cair 80%, capitais nordestinas bateram recordes de assassinatos. Entre os 5,6 mil municípios do País, 15 ultrapassaram a marca de 100 mortes por 100 mil habitantes, revela o Mapa da Violência 2013 – Homicídios e Juventude no Brasil, com base no DataSUS.

Em 2011, dez cidades do Nordeste e três do Norte atingiram a marca de mais de 100 homicídios por 100 mil habitantes – acima de 10 a taxa é considerada epidêmica. Em 2010, apenas Simões Filho, na Bahia, registrara esse índice.

A migração foi detectada por estudo preparado pelo sociólogo Júlio Jacobo Waiselfisz. A atração causada por novos polos econômicos e a abertura de novas fronteiras econômicas, somadas à falta de estrutura das regiões para lidar com a violência, permitiu a escalada das mortes onde antes se conhecia relativa tranquilidade.

O Mapa da Violência mostra que, na Bahia, a taxa de homicídios por 100 mil habitantes cresceu 223,6%. Na Paraíba, 202,3%. No Rio Grande do Norte, 190,2%. Como em toda a violência no País, essa mudança também atinge principalmente os jovens. Em Alagoas, morrem 156, 4 jovens a cada 100 mil habitantes, quase oito vezes superior à de São Paulo.

A epidemia de assassinatos que atinge o Nordeste pode ser traduzida pelos números das capitais. Em 1999, Salvador era a área metropolitana mais tranquila do País. Em 12 anos, pulou para a 3.ª colocação, a taxa de homicídios passou de 7,9 por 100 mil para 69 por 100 mil. Maceió, a 1.ª do ranking atualmente, com 111 assassinatos por 100 mil, era apenas a 14.ª há 12 anos.

Das oito cidades que compunham a lista das capitais mais violentas, apenas Vitória e Recife ainda continuam entre as primeiras. A capital do Espírito Santo caiu do 1.º para o 5.º lugar e Recife, da 2.ª para 4.ª posição. São Paulo, que era o 3.º lugar em 1999, hoje é a capital menos violenta do País.

A análise feita por Jacobo mostra que o eixo da violência acompanha seis tipos de alterações no perfil socioeconômico do País. A principal são os novos polos de desenvolvimento, que cresceram não apenas nas capitais do Norte e do Nordeste, mas no interior dos Estados. Entre 2003 e 2011, a violência aumentou 23,6%, enquanto nas capitais, caiu 20,9%, com a concentração maior nas cidades do Sul e Sudeste.

“A emergência desses novos polos de crescimento, atraindo investimentos e gerando emprego e renda, tornam-se também atrativos para a criminalidade por serem áreas onde os mecanismos da segurança são ainda precários ou incipientes, sem experiência histórica e aparelhamento para o enfrentamento das novas configurações da violência”, diz o estudo.

Limites

As fronteiras são outro foco de violência. Uma das duas únicas cidades fora do Nordeste que alcançaram a média de mais de 100 homicídios por 100 mil habitantes é Guaíra, no Paraná, na fronteira com o Paraguai e divisa com Mato Grosso. Jacobo elenca o turismo predatório e as causas tradicionais como os fomentadores da violência, como a presença das organizações criminosas, do tráfico e das milícias. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Fonte: http://www.diariodepernambuco.com.br/app/noticia/brasil/2013/07/18/interna_brasil,451242/violencia-homicida-migra-do-sudeste-ao-norte-e-nordeste.shtml

Caruaru-PE: Policiais da Delegacia da Mulher prendem homem acusado de espancar e ameaçar ex-companheira

Na tarde desta segunda-feira (01), agentes da Delegacia de Polícia da Mulher de Caruaru (DPMUL), prenderam o servente de pedreiro,Rosimar Severino dos Santos, de 33 anos, residente na rua R- 40, no bairro Cidade Jardim.
De acordo com a delegada da mulher, Dra. Polyanne Farias, há quatro meses o acusado foi denunciado por ter espancado a companheira. Eles se separou  da mulher e foi informado que não poderia se aproximar da vítima, pois a mesma solicitou segurança de vida e por isso foi expedida uma medida protetiva contra o agressor que recentemente foi a casa dela e a agrediu e ameaçou de morte, ela comunicou a Delegacia da Mulher que representou pelo seu recolhimento e a justiça expediu o seu Mandado de Prisão que foi cumprido nesta tarde.

1

O acusado foi encaminhado á Penitenciária Juiz Plácido de Souza (PJPS) em Caruaru.

Três primeiras turmas são formadas pelo projeto “De Olhos Abertos Contra a Violência”, em Caruaru

Na noite da última terça-feira, 10, o projeto “De Olhos Abertos Contra a Violência” finalizou a 1ª etapa do curso de capacitação para profissionais da rede de atendimento e enfrentamento à mulher vítima de violência. As três primeiras turmas receberam os certificados de conclusão na Academia Caruaruense de Cultura, Ciências e Letras de Caruaru (Acaccil), são profissionais que trabalham direta ou indiretamente com mulheres em situação de vulnerabilidade social e que agora dispõem de um atendimento especializado.

A secretária especial da Mulher, Elba Ravane, destacou a importância dessa iniciativa que é um resultado da parceria entre os governos municipal e federal. “O curso “De Olhos Abertos Contra a Violência” representa mais um marco histórico para a nossa cidade, iremos capacitar 500 pessoas nas temáticas de gênero e violência contra a mulher. O alinhamento entre a Prefeitura de Caruaru e o Governo Federal foi decisivo para a execução desse curso. Ontem, na solenidade de conclusão das primeiras turmas, pudemos ter a certeza que estamos no caminho certo, através do conhecimento e da mudança cultural estamos transformando a cidade em uma Caruaru de mais igualdade e a cada dia mais pessoas se engajam nessa luta”.

Para a concluinte Jane Sueli, diretora do Centro de Recuperação Rosa de Sarom, o curso foi uma oportunidade de orientar sobre como proceder em casos de agressão além de possibilitar a identificação dos tipos de violência. “Enriqueceu o conhecimento, eu não sabia que existia os outros tipos de violência que foram expostos pelo curso”, finalizou.

O projeto “De Olhos Abertos Contra a Violência” capacita 60 profissionais da rede de atendimento à mulher

A Secretaria Especial da Mulher realiza nesta terça-feira, 10, a solenidade de conclusão da 1ª etapa do projeto “De Olhos Abertos Contra a Violência”.  O evento acontecerá na Academia Caruaruense de Cultura, Ciências e Letras (Acaccil), localizado no centro da cidade, ao lado da Câmara de Vereadores, às 19h. Na ocasião, os 60 primeiros profissionais da rede de enfrentamento e atendimento à violência, participantes do curso, receberão os certificados de conclusão, ao todo o curso capacitará 500 pessoas.

O projeto “De Olhos Abertos Contra a Violência” é resultado de um convênio com a Secretaria Nacional de Políticas para Mulheres do Governo Federal. O objetivo é fortalecer e integrar os/as profissionais e serviços de atendimento à mulher em situação de violência. A meta é desconstruir preconceitos a cerca da violência contra a mulher e proporcionar discussões sobre gênero e direitos.