Blog de Airton Sousa: No Mineirão deu Grêmio

Costumamos dizer, que a última partida depende do resultado da primeira. Geralmente é assim e ontem não foi diferente com um Atlético totalmente entregue ao Grêmio, e com o time gaúcho competente do início ao fim do jogo. O time mineiro não se encontrou em campo, com uma defesa confusa e sem ter condição de evitar que um só jogador do Grêmio, Pedro Rocha, mandasse na retaguarda atleticana.

Já no final do primeiro tempo, o Grêmio foi ao vestiário, vencendo por 1 x 0 e tendo a tranquilidade de voltar com essa vantagem. E que foi  ampliada no início da segunda fase. A partir daí uma reação do Atlético, na marcação do gol, porém em seguida, outra vez, com o sistema defensivo do time de Marcelo Oliveira, permitindo a marcação do terceiro gol, e então mesmo com a expulsão de Pedro Rocha, o tricolor do Rio Grande do Sul, era mais determinado e venceu por 3 x 1, em pleno Mineirão.

Para a partida final na Arena do Grêmio no próxima quarta-feira (30), o time de Renato Gaúcho joga por qualquer resultado de empate, podendo perder por 1 x 0 e ser campeão, e até por 2 x 0 para levar a decisão para os pênaltis. Podemos dizer que o título tem 75% de chance de ficar no Rio Grande do Sul, porque na primeira partida, em casa, o Atlético não teve a competência suficiente de fazer um placar que pudesse lhe favorecer.

Blog de Airton Sousa: Reta final da Copa do Brasil

Começa nesta quarta-feira(23), a decisão em 180 minutos envolvendo o Grêmio e o Atlético Mineiro. Duas escolas de um futebol diferente, de um lado o futebol forte e rigoroso do Rio Grande do Sul, do outro lado, um futebol mais cadenciado e técnico das Minas Gerais. A pergunta é a seguinte: Quem tem mais qualidade para ser campeão? É uma resposta difícil de ser colocada, em face de que pela tradição e experiência nas decisões nacionais e internacionais dessas equipes, sem dúvida teremos um jogo estudado, e quem sabe truncado e muito disputado.

De uma coisa nós temos certeza, se o título ficar com o Grêmio estará em boas mãos. E a mesma colocação podemos dizer se ficar com o time do Atlético Mineiro. Uma boa disputa também no comando técnico, o experiente Marcelo Oliveira e o agitado Renato Gaúcho. Quanto aos jogadores, no Atlético a qualidade de Robinho, que apavora qualquer defesa, do outro lado o time do Grêmio, que tem na garra do grupo, um ponto extremamente forte.

O resultado de hoje, poderá ser o retrato do que vai acontecer na segunda partida. Porém se tivermos um bom saldo de gol, para qualquer dos times, com certeza essa vantagem será transportada para a última partida. É difícil apontarmos um favorito, por todos esses detalhes. No entanto, poderemos ter uma decisão baseada em um lance ou em um erro. Só nos resta esperar, que a competência outra vez, possa ser o norte dessa primeira decisão, entre duas partidas finais da Copa do Brasil 2016. Só para lembrar, o campeão automaticamente, já tem vaga na Libertadores de 2017..