Caruaru-PE: Suplentes tomaram posse nesta quarta

Foram reempossados no final da manhã desta quarta-feira (08) os suplentes de vereador Joel da Gráfica (DEM), Tenente Tibúrcio (PMN), Duda do Vassoural (DEM), Carlos Santos (PRB) e Rodrigues da Ceaca (PRTB). Eles assumem as vagas de Evandro Silva (PMDB), Neto (PMN), Val Lima (DEM), Val das Rendeiras (PROS) e Jadiel Nascimento (PROS), respectivamente, afastados por determinação do Tribunal de Justiça devido à Operação Ponto Final II.

“Estamos aqui para fazer o que manda o TJPE – temos que seguir as normas e as leis do Regimento Interno da Casa”, disse o presidente da Câmara Municipal de Caruaru, vereador Leonardo Chaves (PSD). O presidente externou ainda a sua preocupação com a folha de pagamento: “Vamos tentar não demitir nenhum funcionário e fazer o melhor para não afetar a folha de pagamento de nenhum funcionário e vereador”.

Recém-reempossado, o vereador Carlos Santos afirmou sua disposição em trabalhar pelo povo pelo tempo em que estiver na Casa Legislativa. “Temos o compromisso de mudar pra melhor, de somar nessa Casa para benefício da população caruaruense. Se formos convocados, independente do tempo que vamos passar, temos que cumprir com o nosso dever”, garantiu o vereador.

unnamed

 

TV Replay, o que é bom se repete!

Caruaru-PE: TJPE decide por novo afastamento de cinco vereadores indiciados pela Operação Ponto Final 2

O Tribunal de Justiça de Pernambuco decidiu afastar nesta terça-feira (26), cinco vereadores de Caruaru dos cargos devido a desdobramentos da Operação Ponto Final II. São eles: Evandro Silva (PMDB), Neto (PMN), Val de Cachoeira Seca (DEM), Pastor Jadiel e Val das Rendeiras (ambos do Pros). A ação diz respeito ao julgamento do mérito do mandado de segurança impetrado pela defesa junto ao TJPE. A decisão da volta dos vereadores as funções legislativas era do Desembargador Gustavo Lima.

No entanto, Lima está em férias e não participou do julgamento do mérito. Votaram na questão Marco Maggi, Alexandre Assunção e Odilon Oliveira. Por 2 votos a 1, a liminar que mantinha os parlamentares no cargo foi derrubada. De acordo com a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), a decisão foi realizada por maioria de votos nesta terça-feira (26) e proferida pelo desembargador Alexandre Assunção, da 4ª Câmara Criminal do TJPE. Em documento, o desembargador afirma que o afastamento ocorreu “com vistas a evitar a utilização do mandato de vereador para a prática de novas infrações penais, bem como assegurar a produção de provas, tendo em vista a presença de fortes indícios de que os denunciados ameaçaram testemunhas e autoridades públicas”.

De acordo com o advogado Marcelo Cumaru os vereadores irão entrar com recurso. “A defesa entende que foi uma decisão equivocada, haja vista não só o próprio Tribunal, como a própria Câmara julgou no sentido entendendo pela desnecessidade do afastamento. Nesse mesmo caso conseguimos manter os vereadores em outros dois processos na área cível e criminal”, disse.

A Câmara ainda não foi notificada da decisão e os vereadores irão participar da sessão ordinária de hoje. Assim que for notificada, o presidente da Casa, Leonardo Chaves (PSD), deve convocar os suplentes para assumir temporariamente as funções na Câmara. São eles: Pastor Carlos (PRB), Rodrigues da Ceaca (PRTB), Tenente Tibúrcio (PMN), Duda do Vassoural (DEM) e Joel da Gráfica (DEM). Com essa nova decisão, a Câmara deve voltar a pagar salário a 28 parlamentares.

PONTO FINAL 2 - Os vereadores foram presos e afastados devido a Operação Ponto Final 2 por ter aprovado a CPI da CGU. De acordo com a Polícia Civil os cinco criaram a Comissão para tentar obter vantagens junto ao prefeito José Queiroz. Todos negam a acusação e afirmam ser vítimas de uma armação.

CGU – A CPI foi criada para investigar denúncias de mal uso da verba do Fundeb pela prefeitura de Caruaru. De acordo com a Controladoria Geral da União, houve prejuízo em R$ 17 milhões por não uso do dinheiro. No entanto, nunca sequer houve uma reunião da CPI, já que a primeira seria realizada no dia 18 de dezembro de 2013, mesma data da prisão de dez vereadores da cidade.

Foto: Mário Flávio

Foto: Mário Flávio

TV Replay, o que é bom se repete!

Caruaru-PE: Existe uma recompensa de 2 mil reais para quem der informações dos vereadores foragidos

O Disque-Denúncia Pernambuco está oferecendo recompensa de até R$ 2.000,00 (dois mil reais) para quem tiver informações sobre a localização de vereadores foragidos por conta da Operação Ponto Final II – que investiga a instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar denúncias de mau uso de verba pública no relatório da Controladoria Geral da União em 2011, no município de Caruaru.

O uso da imagem dos vereadores para auxiliar as buscas com a distribuição de cartazes ou por qualquer outro meio de comunicação foi autorizada pelo Juiz Pierre Souto Maior, da 4ª Vara Criminal de Caruaru.

O Disque-Denúncia de Pernambuco funciona durante 24h, todos os dias da semana e o anonimato é garantido. Para fazer uma denuncia, pode-se telefonar para:

Região Metropolitana: 3421-9595
Interior do Estado: 3719-4545

Ou acessar o site: www.disquedenunciape.com.br

O oferecimento dessa recompensa objetiva estimular populares a informarem os paradeiros de três vereadores que estão foragidos desde quarta-feira (29). São eles:

Jadiel José do Nascimento Pastor Jadiel (PRTB)

Jadiel José do Nascimento
Pastor Jadiel (PRTB)

Joseval Lima Bezerra Val de Cachoeira Seca (DEM)

Joseval Lima Bezerra
Val de Cachoeira Seca (DEM)

images

Averaldo Ramos da Silva Neto
Neto (PMN)

TV Replay, o que é bom se repete!