Blog de Airton Sousa: Futebol pobre e o Náutico consegue a classificação

                                      na

No segundo jogo, não tivemos muita diferença na qualidade técnica da primeira partida na decisão da vaga para a Copa do Nordeste de grupos, entre Náutico e Itabaiana, na tarde desse sábado (13), na Arena de Pernambuco. Se no primeiro jogo em Sergipe, as reclamações da qualidade do futebol  foram constantes, também no segundo jogo nada mudou.

Porém, o que interessava era a classificação, e essa aconteceu. No tempo normal zero a  zero, na cobrança de pênaltis deu o alvi-rubro pernambucano, que agora prepara-se para estreia na competição, nesta quarta-feira (15), outra vez na Arena de Pernambuco, contra o desconhecido Autos do Piauí, mais um desafio para o técnico Roberto Fernandes e seus comandados.

Voltando ao jogo contra o Itabaiana, a análise mais concreta e objetiva sobre o Náutico, é de que o time apresenta deficiências em todos os setores, principalmente na meia cancha com ligação para o ataque, e o próprio ataque de uma limitação técnica classificada como de pouca qualidade. A prova foram os dois resultados contra o Itabaiana, cento e oitenta minutos de jogo e  nenhum gol marcado.

O destaque mesmo foi o goleiro Jeferson, que a exemplo do que fez no restante do Brasileiro da série B, salvou o time timbu nas duas partidas, com a bola rolando e nas defesas quando da cobrança de pênaltis pelo time Sergipano. A pergunta agora é a seguinte: Durante noventa dias, três competições: Copa do Nordeste, Campeonato Pernambucano e Copa do Brasil, com um calendário apertado, muitas viagens e com o prazo de sessenta e seis horas, de um jogo para o outro, sem poder utilizar os mesmos jogadores, que milagre fará o treinador?

Como notícia final: O Sport realiza na tarde deste domingo(14), valendo pela Copa Ariano Suassuna, um jogo na Ilha do Retiro contra o time argentino do  Atlético do Tucunam. Algumas estreias e  também ausências. Porém, será de boa avalia para o técnico Nelsinho Batista, porque nesta quarta-feira (15), o time já estreia no Campeonato Estadual, contra o Flamengo em Arcoverde.

Blog de Airton Sousa: Náutico empata em Itabaiana

                                       nauticoe itabaiana

Jogando na noite dessa segunda-feira (08) em Sergipe, pelo seletivo da Copa do Nordeste, o Náutico empatou em zero a zero contra o Itabaiana. Um jogo fraco tecnicamente, apesar da equipe Sergipana ter começado a temporada primeiro do que o alvi-rubro. Foi um primeiro tempo em que predominou o entrosamento do Itabaiana, porém a finalização dos dois times não funcionou.

O Náutico apresentou vários erros na criatividade e o ataque quase não apareceu, prevalecendo um bom trabalho do sistema defensivo, onde mais uma vez o goleiro Jeferson fez defesas importantes. O time sergipano teve um bom trabalho na criatividade, no entanto esbarrou na marcação antecipada da defesa timbu. Daí o placar de zero a zero, na primeira etapa de partida.

No segundo tempo, pouca coisa mudou nas duas equipes, mesmo com as modificações que foram feitas. No entanto, a exemplo do primeiro tempo o Itabaiana dominou o jogo, criou varias oportunidades de gol, e desta feita Jeferson repetindo o grande trabalho que teve  o ano passado, evitou por várias vezes que o seu gol fosse vazado,  tornando-se o melhor jogador em campo, e demonstrando a sua qualidade técnica.

O jogo de volta será na próxima semana na Arena de Pernambuco, onde o time Pernambucano pela necessidade técnica e financeira, não poderá deixar escapar a classificação. No entanto já se sabe, pelo que demonstrou o time do Itabaiana não será fácil e que exigirá dos comandados de Roberto Fernandes, mais qualidade para atingir o objetivo.

Agora, a torcida com certeza fará o seu papel apoiando o time que terá que jogar com mais acertos, principalmente os homens de ataque já que no jogo dessa segunda-feira(08), pouco ou quase incomodou o sistema defensivo adversário. O treinador Roberto Fernandes terá que fazer milagre outra vez, porque pelo primeiro jogo o grupo já demonstrou pelo futebol de algumas peças muitas limitações, mesmo entendendo-se que é inicio de temporada.

Blog de Airton Sousa: Expectativa na estreia do Náutico no Nordestão

                                     nautic

Com o torcedor  timbu se perguntando o que será o Náutico esse ano, o time estreia na primeira competição de 2018 na noite desta segunda-feira(08), no interior de Sergipe, contra o time do Itabaiana. Foram muitas decepções no ano que terminou, sem conquista nenhuma e o rebaixamento de divisão no Campeonato Brasileiro, daí esse sofrimento do fiel torcedor timbu.

Ressurge agora  a esperança financeira e técnica de que novos e promissores rumos o time poderá  tomar no ano que se inicia. E nada melhor do que a classificação para o Nordestão passando pelo seletivo, para motivar o torcedor e levantar o astral do grupo de jogadores, para um ano de melhores resultados.

O técnico Roberto Fernandes, ao contrário do que açonteceu em 2017, onde chegou praticamente no final da temporada, com um elenco vindo de vários treinadores e sem condição de mudar com contratações e novos investimentos . Agora é diferente, foi o próprio treinador que montou esse grupo.

Passar pelo seletivo e participar da Copa do Nordeste será, um outro caminho para os alvi-rubros, que estão cansados de tantas decepções e apostam todas as fichas, não apenas na Copa do Nordeste mais também no Campeonato Estadual, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro, sem contudo sonhar muito porque todos sabem que não será do dia para à noite que a recuperação acontecerá.

Portanto, agora é esperar o resultado do primeiro jogo e torcer que o time volte com um placar que não venha a decepcionar a sua torcida na noite desta segunda-feira(08) em Itabaiana, e que no jogo de volta na Arena de Pernambuco , a equipe possa carimbar o passaporte que dará o direito de participar da Copa do Nordeste 2018. Além de tudo, a premiação de quinhentos mil reais que terá direito o time classificado.

Blog de Airton Sousa: Está na hora de repensar o futebol Pernambucano

Começamos os jogos do final de semana, com o Santa Cruz sofrendo a segunda derrota seguida. O Goiás na terça-feira (06), por 2 x 1, e na sexta-feira (09), no Arruda para a equipe do Londrina por 2 x 0. As derrotas, a perda da chance de decidir o Campeonato Pernambucano, a Copa do Nordeste, e a eliminação da Copa do Brasil, também a insatisfação  da torcida, provocaram a queda do treinador Vinicius Eutrópio.

No balanço da participação de Vinicius Eutrópio, tivemos 32 jogos; 16 vitórias, 7 empates, 9 derrotas e 57.2 % de aproveitamento. Só um detalhe: Do time do ano passado, restaram menos de 4 jogadores para o técnico iniciar o trabalho. Daí, o treinador ter que montar o time, no decorrer das competições, o que não é fácil.

Quanto ao jogo, o Santa Cruz sofreu um pênalti duvidoso, aos 47 minutos do primeiro tempo, sem esboçar muita reação durante a primeira fase, e para complicar, tomou o segundo gol, no início da segunda fase, em uma falha do zagueiro Anderson Sales. A partir daí, o time ficou mais disperso ainda, com ou o terceiro gol aos 34 minutos, e João Paulo descontou, aos 39 minutos, terminando com o placar de 3 x 1. O próximo jogo será nesta terça-feira (13).

Na tarde de sábado, mais um Pernambucano a ser derrotado, o Náutico. O que já não é mais novidade, vitória do Internacional pelo placar de 4 x 2.Um jogo que teve de tudo, duas expulsões, quatro pênaltis, e uma sequência de erros do time timbu, que demonstrou mais uma vez, uma fragilidade em todos os setores.

O técnico Waldemar Lemos, já não tem mais o que improvisar, alterar ou inventar, porque tudo ele tem tentado, no entanto o problema  é mais sério. Fragilidade técnica, jogadores sem condições de vestirem a camisa do time, em uma competição, que exige no mínimo: garra e determinação. O próximo jogo será em casa, contra o Paraná. A lanterna continua sendo o troféu do alvi-rubro Pernambucano.

Para não ser diferente, o Sport perdeu para o Vasco da Gama, por 2 x 1, com o técnico Wanderley Luxemburgo fazendo substituições e experiências nas horas erradas, tornando o time leonino frágil, principalmente no segundo tempo. Provando mais uma vez, que o time está carente de jogadores de qualidade, e que a vitória contra o Flamengo, não foi por mérito da equipe rubro-negra.

É preciso dar mais tempo ao treinador, no entanto, além disso, também se faz necessário oferecer mais qualidade ao time; continuamos dizendo que com esse grupo, o Sport não chega a lugar nenhum. Estão sendo repetidos todos os erros anteriores, com Falcão,Oswaldo de Oliveira, Ney Franco, Daniel Paulista, e agora com Wanderley Luxemburgo. O próximo jogo será nesta quarta-feira (14), na Ilha do Retiro, contra o São Paulo, ainda sem Diego Sousa, de volta ao time.

Se é para falar de derrota, vamos continuar. Desta feita o Central, que foi a Bahia, com todos os problemas do mundo, e perdeu para o Juazeirense pelo placar de 3 x 0, demonstrando mais uma vez, a limitação em todos os sentidos do alvi-negro. Com a derrota, fica complicada a situação, onde o Central terá mais um jogo fora de casa, contra o time do Coruripe, no próximo final de semana. É muito séria a situação da patativa, só não ver quem não quer. A classificação no grupo do Central, é a seguinte: Juazeiro 8 pontos, Sousa 5 pontos, Coruripe 4 pontos e o Central com 4 pontos.

Outros resultados dos Pernambucanos: O Salgueiro conseguiu um empate contra o ASA, em 1 x 1, e a diretoria já avisou que se a decisão do Campeonato não for no dia 18 deste mês, o time jogará com a equipe reserva, porque após o dia 30, a maioria dos contratos estarão encerrados.

O Atlético Pernambucano empatou em casa, contra o time do Itabaiana, com o placar de 2 x 2. E finalmente, o América foi ao Rio Grande do Norte, e perdeu para o time do Globo por  1 x 0. Um final de semana para Pernambuco, com um balanço extremamente negativo, com 5 derrotas e 2 empates. Consequentemente ninguém venceu.

Blog de Airton Sousa: Todos os Pernambucanos em ação neste fim de semana

O Santa Cruz volta a campo nesta sexta-feira (09), contra o Londrina, no Arruda. Em casa até agora, o time tricolor está imbatível, foram três vitórias, enquanto que as duas derrotas foram fora do Arruda. Há de convir, que dentro das limitações, a campanha do time é de razoável para boa, principalmente levando em consideração os 100% de aproveitamento em casa.

Quanto ao jogo desta sexta-feira (09), só tem um resultado, a vitória, para que o time permaneça no G-4, e siga buscando a primeira vitória fora de casa, cujo jogo será contra o time do Ceará. Para o jogo desta noite, o técnico Vinicius Eutrópio tem a tranquilidade de poder repetir o mesmo time, ou fazer substituições, já que ultimamente ganhou algumas peças para reforçar o elenco, e qualificar o banco. Portanto, espera-se que o Santa Cruz hoje, possa errar menos no seu sistema defensivo, evitando o que aconteceu no jogo contra o Goiás.

Para o sábado (10), o Náutico que até agora não conseguiu vencer uma partida se quer, joga contra o Internacional no Beira Rio. Não precisa dizer que o Inter, é favorito, mesmo sem está bem na competição, porém, não podemos esperar muito do time timbu, porque até agora não venceu um jogo se quer, soma dois pontos, fez apenas um gol, e tem tido uma escalação a cada partida , o que demonstra a fragilidade do time.

A Diretoria dispensou essa semana os jogadores: Mailson, Anselmo, Jeferson Renan, Giva e William, tornando-se mais fragilizado ainda, mesmo recebendo como reforços os jogadores vindo do Atlético Paranaense, Renan Paulino e Bruno Mota, porém é muito pouco pelas carências que o time tem apresentado, e nada melhor do que a campanha, para chegarmos a esse denominador. Vejamos outra vez, o que vai acontecer.

O Sport depois da vitória espetacular contra o Flamengo, volta a campo, neste sábado à noite, desta feita contra o Vasco da Gama, fora de casa. O time Vascaíno perdeu na quarta-feira em casa, para o Corinthians pelo placar de 5 x 2, se deu mal e vai querer recuperar-se contra o time leonino. Foi muito boa a apresentação do Sport, que inclusive impôs mais velocidade do que quando o jogador Diego Sousa está no time.

Tudo indica, que o técnico Wanderley Luxemburgo, manterá o mesmo time que começou o jogo contra o Flamengo, e as possíveis modificações poderão ser feitas, no decorrer do jogo; comenta-se a possibilidade de Thomas entrar de início, no entanto, o treinador deixou uma interrogação, a respeito do assunto. Não resta dúvida, que a vitória contra o Flamengo, deixou o ambiente mais leve, o que oferece a perspectiva de um bom futebol. A depender do resultado do jogo, poderemos observar que efeito deixou a vitória da quarta-feira.

Quanto ao interior, o Central que mais uma vez viveu uma semana tumultuada, com os jogadores ameaçando não viajar, por falta de pagamento. A notícia que corre, é que o Presidente empenhou um bem particular, e arrumou a importância suficiente para pagar ao elenco, não sabemos até quando essa situação vai permanecer, e que futuro espera a patativa, na competição e na sua sobrevivência.

Nesse instante o Central, tem 4 pontos, é o terceiro colocado, tendo à sua frente com 5 pontos, o Sousa e a Juazeirense, daí a necessidade, no mínimo de um empate, e torcer que o Coruripe possa vencer ao Sousa, onde todos ficariam praticamente na mesma situação na tabela, as chances ficariam iguais para uma possível  classificação para a fase seguinte da série D. Esperar, porque no Central tudo acontece.

Finalmente, o Salgueiro que vem mal no seu grupo, joga em Arapiraca, contra o Asa, necessitando de uma vitória para respirar, porque há quem diga que o time está com a cabeça na decisão do Campeonato, contra o Sport, o que é perigoso, porque enquanto isso o Brasileiro está seguindo, e os resultados negativos acontecendo.

O Atlético Pernambucano, joga em casa com o Itabaiana, com a necessidade de vencer, para continuar brigando pela classificação, para a segunda fase. O América sai, enfrenta ao time do Globo, no Rio Grande do Norte. Esperar para ver o que pode acontecer também com os times que representam, ao lado do Central, o nosso estado na série D, do Campeonato Brasileiro.

Blog de Airton Sousa: Os Pernambucanos no Brasileiro deste final de semana

Agora, são os nossos clubes se voltarem para o Campeonato Brasileiro, porque já era Copa do Brasil, e a decisão do Campeonato só no dia 18 em Salgueiro. Daí, a necessidade de concentrarem  esforços, se aprimorarem tecnicamente,  para que não aconteçam os mesmos erros primários, das partidas anteriores.

O Sport, que não está bem na série  A, necessita voltar de Santa Catarina com uma vitória contra o Avaí, no domingo às 11 horas. É um adversário de médio porte, no entanto o jogo é na sua casa , o que torna a partida mais difícil para o time rubro negro. Agora sim, já podemos cobrar um pouco mais do técnico Wanderley Luxemburgo, que terá setenta e duas horas, para consertar parte dos erros, principalmente de fundamentos demonstrados contra o Botafogo.

Por sua vez o Santa Cruz, que a partir de agora só tem como competição, o Campeonato Brasileiro, tem que procurar melhorar o seu rendimento, mesmo entendendo que a campanha é boa, porém o futebol em alguns momentos causa preocupação ao seu torcedor, que inclusive derrama muitas criticas ao treinador Vinicius Procópio, que nós sabemos trabalha um grupo extremamente limitado.

No entanto, o treinador recebeu essa semana reforços de peso, o que poderá qualificar o grupo, e dá ao técnico mais opção de trabalho, na escalação e também nas possíveis substituições. O Santa Cruz tem 6 pontos, fruto de duas vitórias. Enfrentando neste sábado à tarde no Arruda, a equipe do ABC, um time modesto, porém com um técnico que conhece profundamente o nosso futebol. Geninho é  na verdade, um treinador sério, e que não podemos discutir a sua competência. Esse é um jogo  de seis pontos.

O Central, continua no Lacerdão, depois de perder para o Sousa e vencer ao Coruripe. No momento, o time patativa é o terceiro colocado do grupo, somando três pontos. A vitória contra o Juazeirense é fundamental, porque depois o time tem dois jogos fora de casa. A semana patativa foi tumultuada, com jogadores indo embora, os que ficaram ameaçaram não treinar na quinta-feira, porém esperamos que domingo, o time possa se empenhar no sentido de vencer ao time Baiano.

Outros jogos dos Pernambucanos : Botafogo x Salgueiro em João Pessoa. Itabaiana e Atlético Pernambucano em Sergipe. América e Globo em Pernambuco.

Blog de Airton Sousa: Santa nas semi-finais da Copa do Nordeste

Aí está a vantagem de fazer um resultado positivo na casa do adversário. No jogo deste sábado(01/04), o time tricolor entrou em campo sem a pressão de ter que vencer, enquanto o Itabaiana se obrigava a correr em busca de uma vitória  com mais de 2 gols.

Um jogo disputado no primeiro tempo, onde com um minuto o atacante Pereira, chuta perigoso contra a meta de Genivaldo. O Santa Cruz era melhor, produzia mais, tinha melhores jogadas através do meio de campo, e o lateral Vitor jogando solto pelo setor direito.

Novamente aos 20 minutos, Pereira dava uma cabeçada com perigo, e parecia a noite de Pereira que tinha chance novamente aos 33 minutos, além de uma oportunidade desperdiçada por Gino, chutando forte aos 39 minutos, contra a meta adversária. O Itabaiana teve apenas duas oportunidades, primeiro com Diego Neves aos 14 minutos, e depois o mesmo Diego Neves,  cabeceando uma bola na  trave, aos 28 minutos.

Podemos dizer que, mesmo sem jogar um futebol vistoso, o Santa Cruz atuou o suficiente para se beneficiar pelo regulamento, no primeiro tempo. Na segunda etapa, o técnico Vinícius Eutrópio, colocou logo no início o jogador André Luiz, em substituição ao jogador Everton Santos, na tentativa de explorar o setor esquerdo do Itabaiana, com o jogador Jailson madona.

Poucos foram os lances ofensivos até 20 minutos da segunda etapa, e o que não tinha acontecido no jogo, até então, surgiu,  com a marcação de uma falta próxima à meia lua da grande área do Itabaiana, aos 26 minutos. Aí a chance de Anderson Salles que, de novo, cobra com maestria, deixando o goleiro com água na boca, só com a vontade de defender. Gol do Santa Cruz, aos 27 minutos do segundo tempo.

A partir do gol, o Santa Cruz, jogou com mais tranquilidade, o treinador fez algumas substituições, e terminou a classificação tricolor acontecendo, para as semi-finais da Copa do Nordeste. Agora é esperar o jogo de amanhã entre Sport e Campinense, para saber dos dois, quem será o adversário do Santa Cruz.

Duas equipes fecharam a classificação neste sábado(01/04). O Vitória, que venceu pelo placar de 1 x 0, ao River, no Barradão, em Salvador. E o Santa Cruz, que também venceu de 1 x 0, desta feita ao Itabaiana, no Arruda. Amanhã conheceremos os outros dois semi-finalistas, entre Bahia e Sergipe, vantagem para o Bahia;  Sport e Campinense, vantagem para o time paraibano.

Blog de Airton Sousa: Santa Cruz avança para as semi-finais da Copa do Nordeste

Coincidência ou competência, a verdade é que nos três jogos realizados na noite desta quarta-feira(29), todos os visitantes conseguiram vencer. O Bahia venceu por 4 x 2 ao Sergipe, o Vitória venceu por 3 x 2 ao River, e o Santa Cruz venceu pelo placar de 1 x 0 ao Itabaiana, deixando transparecer uma vantagem substancial para os jogos de volta.

Falando especificamente do jogo do Santa Cruz contra o Itabaiana, podemos dizer que o time tricolor, não teve uma boa apresentação, porém, jogou o suficiente para vencer, e trazer para o  Recife, nesse sábado à noite, a vantagem de jogar por qualquer empate, tomando simplesmente a preocupação de respeitar o adversário, que demonstrou na primeira partida, muita fragilidade técnica.

O gol do Santa Cruz, aconteceu aos 20 minutos do primeiro tempo, na cobrança de falta por Anderson Sales,que vem de destacando nas bolas paradas. Poucas foram as chances de gol, exceção dois chutes no primeiro tempo para o Santa Cruz, aos 5 minutos com Everton Santos, e aos 8 minutos com Tomás. Enquanto que o Itabaiana, limitou-se apenas a uma oportunidade de gol, com Diego Neves, aos 22 minutos.

No segundo tempo, as equipes se abriram mais um pouco, e já aos 6 minutos André Luiz chutou forte, por fora, para o Santa Cruz; Geovani colocou uma bola na trave, aos 10 minutos a favor do Itabaiana; Anderson Sales cobrou uma falta perigosa aos, 17 minutos; e somente aos 35 minutos, o Santa Cruz vai ao ataque com o lateral Victor.

Com a vitória de 1 x 0, o Santa Cruz trás para o jogo do sábado às 18:30 h, no Arruda, a  vantagem de jogar por qualquer empate. Quanto ao técnico Vinícius Eutrópio, demonstrou pelo esquema aplicado, que  entende muito bem da maneira como atuar na série de mata-mata das competições. O time do Arruda, com a vitória dá um passo importante para chegar às semi-finais da Copa do Nordeste.

Blog de Airton Sousa: Começa segunda fase para o Santa Cruz

Começa nesta quarta-feira(29), a série de mata mata da Copa do Nordeste. Em Sergipe, o Itabaiana recebe o Santa Cruz, para a primeira partida da série de duas. Um jogo em que o time sergipano tem a obrigação de fazer o dever de casa. Enquanto isso o Santa Cruz, com a tentativa de voltar para casa com um resultado que favoreça para o jogo do sábado(01\04), às 18.30 h, no Estádio do Arruda.

Na primeira fase da competição, o Itabaiana deixou para trás no seu grupo,  o CSA, CRB e o ABC de Natal. Além disso, é o  primeiro colocado no Campeonato do seu Estado, com três vitórias e um empate. Por outro lado, o Santa conseguiu superar o Campinense,  Náutico e o Uniclinic, obtendo três vitórias, um empate e uma derrota. Portanto, duas campanhas relativamente boas.

Quanto ao jogo, tecnicamente o Santa Cruz tem um melhor elenco, tendo como destaque o atacante Pitimbú, além de estar bem no Hexagonal do Campeonato Pernambucano, ocupando a segunda colocação. Importante lembrar que o time tricolor, terá que fazer um resultado no jogo de hoje, para evitar a pressão na partida de volta em casa.

O Itabaiana, se obriga  a evitar um resultado negativo, porque é sabido a obrigação de fazer o dever de casa, para não complicar no segundo jogo, com todas as dificuldades de jogar no Arruda, principalmente com a participação e a pressão da torcida. Será um jogo extremamente equilibrado, podendo ser decidido em um lance.