Blog de Airton Sousa – Sport tenta primeira vitória em casa

                                                              1355

Depois de conseguir sua primeira vitória fora de casa, contra o América Mineiro, o Sport volta a jogar em casa, desta feita contra o bom time do Londrina.  É a tentativa do Leão de conseguir a sua primeira vitória na Ilha do Retiro, mesmo porque até agora nos dois jogos cuja chamada foi do rubro-negro, tivemos dois empates, deixando a torcida frustrada.

O resultado positivo do ultimo jogo deixou o elenco mais confiante, na expectativa de ter começado a recuperação na competição. Nós sabemos que ainda existem carências dentro do plantel, no entanto o fato de ter ganho a primeira partida  fora de casa, motivou o time  e também a torcida.

O Sport hoje tem seis pontos, é o oitavo colocado da série B, e com a mesma pontuação temos CRB, Oeste, Paraná e Figueirense, onde a diferença de classificação está apenas nos critérios, daí a importância do rubro-negro vencer essa partida, mesmo porque o jogo é nos seus domínios.

Quanto ao time do  Londrina que está na segunda colocação da série B com dez pontos, mesma pontuação do Bragantino, a diferença é somente nos critérios, daí podermos entender as dificuldades que o Sport irá enfrentar. Espera-se um bom público, mesmo porque a vitória contra o América Mineiro, serviu  de crédito para o jogo desta sexta-feira (24) na Ilha .

 

Blog de Airton Sousa – O Central estreia, Náutico, Santa Cruz e Sport também jogam

                                                           1.-LOGO-FUTEBOL-PE-FUNDO-TRASPARENTE

A  esperada estreia do Central, acontecerá  neste sábado à tarde em Fortaleza, contra o Atlético Cearense. O treinador patativa Celso Teixeira, com algumas dúvidas para escalar o time, inclusive alguns jogadores com pendência de regularização, o que é um fato extremamente preocupante.

O alvi-negro de Caruaru, se desfez praticamente  de todo elenco que participou do Campeonato Pernambucano, teve divergências administrativas, inclusive com a saída do diretor de futebol Sinvaldo Oliveira  em razão de discórdia com os demais dirigentes da patativa.

Houve uma queda na folha de pagamento, para tentar se adequar a realidade do clube. São muitas as perguntas referentes a campanha do Nacional, em um grupo que tem o Atlético Cearense, Altos e Maranhão, considerado um grupo difícil em razão de que os concorrentes se reforçaram para a competição.

Por sua vez o Náutico também joga neste sábado à noite nos Aflitos, tentando a recuperação, já que vem de duas derrotas (Campeonato Brasileiro e Seletiva da Copa do Nordeste). A defesa tem preocupado muito e os demais setores também não tem correspondido. Uma vitória é emergente contra o Imperatriz, para sinalizar a bandeira da recuperação.

 Já o Santa Cruz que estreou empatando em casa contra  o Treze em 2 x 2,  joga no domingo a tarde contra o Ferroviário em Fortaleza. O time deverá sofrer alterações para essa partida, na tentativa de recuperar-se do empate da estreia. A diretoria está em busca de reforços para dá mais condição ao técnico Leston Junior.

Na segunda-feira (6) é a vez do Sport, o time rubro-negro joga fora de casa contra o Bragantino, em Bragança Paulista. É a tentativa leonina de dá a volta por cima, depois de estrear empatando em casa contra o Oeste. São muitos os problemas do clube, técnica  e financeiramente. Até um empate poderá ser considerado um bom resultado.

Blog de Airton Sousa: Como estão os nossos Clubes?

                                              s p c

Matemática, cálculos, esperança, decepção, estimativas.Tudo isso tem sido utilizado pelo torcedor Pernambucano, nessa fase do Campeonato Brasileiro das séries A e B. Como seria diferente se a essa altura da competição, pudéssemos comemorar  a manutenção e subida de categoria dos três times da Capital.

No entanto, a campanha, o sobe e desce, os resultados mostram um outro quadro, sim, um outro quadro negativo, ameaçador, decepcionante. Todos eles ameaçados, de uma maneira ou de outra, para tristeza daqueles que torcem e promovem os nossos representantes na competição Nacional, e as vezes também em competições Internacionais.

Praticamente, é igual a situação de todos eles. O Sport que está na divisão primeira da competição, vem perdendo jogos a cada rodada, além da vergonha  do ultimo jogo em Recife,  pela Sul-Americana quando perdeu na Ilha para o Junior Barranquilha pelo placar de 2 x 0, deixando transparecer as dificuldades para o jogo de volta.

Quatro técnicos até agora, um elenco recheados de jogadores apenas razoáveis, uma folha de pagamento altíssima, e a  perspectiva de não continuar na série-A. Hoje o Sport tem 35 pontos, muito pouco para o investimento, estando na décima quinta posição. Tendo pela frente Chapecoense, Botafogo, Atlético de Goiás, Palmeiras, Bahia, Fluminense e Corinthians. Obrigatoriamente terá que somar 46 pontos, em média. Faltando 11 pontos, ou seja: 3 vitórias e 2 empates. Vai ou não  reagir e se manter na categoria principal, eis a pergunta?

Outros que estão na mesma situação, ou um pouco parecida, são o Náutico e o Santa Cruz. O primeiro já rebaixado, sem chances de se manter na série-B. Sem estádio próprio, sem identificação com o torcedor, troca de técnicos quatro vezes e a contratação de aproximadamente 50 jogadores, com qualidade extremamente limitada.

Tem seis jogos até o final  da competição: Santa Cruz, Paysandu, Londrina, Criciúma, Vila Nova e Luverdense. Com 28 pontos, na décima nona posição, as chances foram aos poucos desaparecendo e agora só resta cumprir a tabela e começar a preparação para a série-C,  em 2018. O que serão caminhos tortuosos para o Clube, infelizmente.

Quanto ao Santa Cruz, também não foi diferente nas mudanças de técnicos e contratação de jogadores de qualidade duvidosa. E o resultado não foi outro, fracasso e decepção para o torcedor que a esta altura está frustrado pela decadência do Clube, tendo pela frente o retrato do que aconteceu alguns anos atrás. O tricolor soma 32 pontos, é o décimo oitavo colocado.

A expectativa  agora é o jogo deste sábado (4), contra o seu rival o Náutico. A depender do resultado, os dois poderão morrer de braços dados. Caso aconteça a vitória do Santa Cruz, surge ainda um fio de esperança porque o time tem restantes: Náutico, Vila Nova, Boa Esporte, Paraná, Paysandu e Juventude. Jogos difíceis, em casa e fora de casa. No entanto a esperança começa sábado contra o Náutico, para se saber se o tricolor será mais um dos nossos a voltar para a terceira divisão. Foi realmente um ano extremamente negativo.

Blog de Airton Sousa: Náutico ganha e o Santa Cruz perde

                                                  sere b

Nesse sábado (14), os dois clubes de Pernambuco na série B estiveram em ação. O Náutico jogando no Estádio Lacerdão em Caruaru, venceu ao Guarani de Campinas pelo placar de 2 x 0, enquanto que o Santa Cruz voltou a perder, desta feita em Santa Catarina para o Figueirense por 2 x 1.

Em Caruaru, mesmo com um equilíbrio no jogo, o Guarani foi impotente para evitar a derrota, cabendo ao Náutico fazer o dever de casa, mesmo sem apresentar um bom futebol, no entanto  a  peça ofensiva funcionou e a soma de três pontos ajudaram ao Náutico se aproximar principalmente do Santa Cruz.

O Náutico com a vitória soma 26 pontos, três a menos que o Santa Cruz e oito a menos que o Luverdense que soma 34 pontos e é o ultimo do Z-4. No entanto, ainda é muito difícil a situação do time alvi-rubro, que vai continuar na luta tentando evitar o rebaixamento, fato que é praticamente impossível.

O Santa Cruz tem a sua situação também complicada, porque perdeu para um concorrente direto, o Figueirense por 2 x 1. O tricolor vem caindo a cada rodada, e também está ameaçado do rebaixamento, acompanhando o time alvi-rubro, o que será terrível para o futebol Pernambucano.

Quanto ao jogo contra o Figueirense, tivemos um  primeiro tempo  foi bastante equilibrado, porém no segundo tempo o time da casa se impôs, fez 2 x 0 e posteriormente o Santa Cruz marcou o seu gol, no entanto não teve forças para correr em busca do empate. Alguns jogadores do tricolor saíram de campo sem dá entrevista aos órgãos de imprensa, numa demonstração clara da situação de desespero que o time passa .

 

 

Blog de Airton Sousa: Santa Cruz vitória ou nada esta noite

santacruz

O Santa Cruz, que a exemplo do ABC, Náutico e Figueirense se encontra na zona de rebaixamento, entra em campo essa noite para o jogo contra o Goiás, décimo sexto colocado da série B com 25 pontos. A situação do time tricolor ficará mais complicada ainda se porventura, não conseguir uma vitória em razão da sequencia de jogos anteriores, apenas com derrotas e empates.

A contratação do técnico  Marteloti, ainda não mostrou a nova cara do time, mesmo sabendo-se que foi apenas um jogo. Se acontecer a vitória contra o Goiás, o clima com certeza haverá de melhorar, trazendo uma certa tranquilidade para o  treinador, o grupo e a torcida. Caso contrário , se a vitória não vier, temos que dizer que a situação começa  a ficar insustentável.

Espera-se que na noite dessa sexta-feira (15), a torcida tricolor possa aliviar um pouco a tensão, vendo o time ressurgir e trazer outra vez  de volta  esperança a sua torcida. O Goiás, a exemplo do Santa Cruz também está em queda livre, daí quanto mais cuidado melhor por parte dos Pernambucanos

Contra o ABC em Natal, no último jogo do time no dia (09), houve uma sequencia de êrros em todos os setores , trazendo muita preocupação principalmente ao técnico Marteloti, que fazia naquela oportunidade a sua estreia. Vamos vê que resposta o time dará  dentro de campo, para podermos avaliar o que será o Santa Cruz  após o jogo contra o time  goiano.

Blog de Airton Sousa: Última rodada do primeiro turno neste fim de semana

 

roberto fernandes

Teremos a última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro das séries A e B neste final de semana.  O Náutico joga nesta sexta-feira (04), na Arena de Pernambuco contra o time da Luverdense. Este jogo marca a estreia do técnico Roberto Fernandes, e coincidência ou não, na véspera do jogo contra o Vila Nova em Goiás, a diretoria fechava contrato com o treinador, e o Náutico venceu depois de muito tempo.

Muita expectativa para o jogo contra a Luverdense, em razão de que o treinador faz a sua estreia, e teve três dias para começar o seu trabalho junto ao grupo. Todos sabem a situação do time timbu, e o treinador veio coinsciente da atual realidade do clube. É a quarta vez que Roberto Fernandes passa pelo Náutico, e só resta esperar a resposta no jogo contra a Luverdense.

O Santa Cruz que está descendo a ladeira, tem um compromisso difícil contra um dos melhores times da série B, o Juventude neste sabado (5) a tarde . O jogo é na cidade de Caxias, e isso é mais um motivo de preocupação, além dos problemas técnicos e financeiros que o tricolor está sofrendo. O time está na décima quinta colocação, três pontos da zona de rebaixamento. É preciso que a recuperação aconteça, caso contrário a situação irá complicar mais ainda.

Por sua vez, o Sport que decepcionou a sua torcida, no jogo de quarta-feira contra o Palmeiras, tem um compromisso difícil em São Paulo, contra o líder Corinthians. Um jogo considerado complicado, onde o clube pernambucano vem de um empate na Ilha do Retiro contra o Palmeiras, deixando a torcida em alerta. Vê qual será o comportamento do grupo neste sábado (05), e de que maneira o técnico Wanderdey  Luxemburgo, montará a sua equipe.

Enquanto isso, o Salgueiro que vem de uma derrota no Ceará, joga no sertão pernambucano, contra o Botafogo da Paraíba. Importante lembrar que o time Salgueirense se recuperou, após o termino do Campeonato Pernambucano. Vencendo, o Salgueiro poderá está de volta ao G-4, e irá continuar sonhando com a série B.

Blog de Airton Sousa: Náutico perde mais uma

Jogando na noite desta terça-feira (30), no Rio Grande Sul, o Clube Náutico Capibaribe perdeu pelo placar de 2 x 0, para o Brasil de Pelotas. Mais uma vez,  o técnico Waldemar Lemos tentou escalar o time com as condições que ele tem, porém, nada mudou. O técnico teve uma equipe fragilizada, com pouca criação e também sem a mínima criatividade.

Com um detalhe, o adversário do time Timbu, ainda não havia vencido na competição, demonstrando também a sua fragilidade. No entanto, aproveitando o fraco futebol do time Pernambucano, somou três pontos e melhorou a sua classificação na série-B. Quanto ao Náutico, sem esboçar nenhuma reação, demonstrou ao longo do jogo, uma fragilidade repetida nas partidas anteriores.

Oito foram os jogos sem o Náutico vencer, pior ainda, quatro sem marcar um gol se quer, e com isso, a qualidade do elenco é demonstrada a cada partida, e isso tem trazido muita preocupação para a comissão técnica, e muito mais para a torcida, que ver o time descendo na classificação cada vez mais. O próximo jogo alvi-rubro será na Arena de Pernambuco, neste final de semana contra o Oeste, o mesmo Oeste que evitou o ano passado que o Náutico subisse para a primeira divisão.

Blog de Airton Sousa: Ceará derrota ao Náutico na Arena

Jogando uma partida abaixo da crítica, sem se encontrar momento algum em campo, perdendo pênalti e se rendendo ao time de Givanildo Oliveira, o Náutico perdeu mais um jogo na Arena de Pernambuco. Foi o terceiro jogo no Campeonato Brasileiro da série-B, onde o time teve até agora, um empate e uma derrota na Arena, além da goleada sofrida contra o Figueirense, em Santa Catarina.

É muito difícil a situação do alvi-rubro, um time fraco tecnicamente, sem recursos para contratar, vendo os jogos acontecerem e sem ter forças para reagir. Problemas financeiros, questões políticas, sem condições para voltar para o seu estádio, enfim, uma situação onde se vislumbra um horizonte, não muito claro para o time de Conselheiro Rosa e Silva.

Falando do jogo, o Ceará dominou o tempo todo, o goleiro Jeferson evitou que o time tomasse uma goleada, e nenhum dos setores funcionou, pelo menos razoável. Para completar, aos 40 minutos do primeiro tempo, o atacante Anselmo perdeu um pênalti, que se convertido, poderia mudar a história do jogo. No segundo tempo, o time voltou mais perdido ainda. Tomou o primeiro gol, aos 30 minutos com Roberto, e segundo gol, aos 41 minutos com Felipe Meneses.

O próximo jogo do Náutico, será nesta terça-feira (30), no Rio Grande do Sul, contra o Brasil de Pelotas, outra dor de cabeça para o treinador Waldemar de Oliveira, que não sente segurança nos comandados, e que a cada partida, a fragilidade é cada vez mais visível. A derrota de 2 x 0 para o Ceará, e a maneira como o time se comportou, é no mínimo preocupante. Providências urgentes terão que acontecer para evitar o rebaixamento.