Blog de Airton Sousa: Sport e Náutico jogam mal e perdem

Abrindo a segunda fase do Brasileiro série B, o Náutico jogou na Arena Pernambuco e perdeu para o Criciúma pelo placar de 1 x 0. Um jogo em que nada deu certo, com todos os setores do time jogando mal, errando passes e finalizações. O técnico Alexandre Galo viu a derrota acontecer, sem qualquer condição pelo menos para empatar o jogo. No final, as explicações não convincentes e as justificativas que não tem qualquer sentido. Com essa derrota, o Náutico se afastou mais ainda do G4 e vem a preocupação, porque nessa fase, será imprescindível que a vitória em casa aconteça, além de jogando fora, ocorram empates ou vitórias, para que se tenha uma boa classificação na série B. O próximo adversário do time alvi rubro será o Vila Nova em Goiás, onde o Náutico tem que recuperar pontos, em razão da derrota em casa.

O Sport também perdeu, e perdeu de goleada para o Botafogo. Até então na zona de rebaixamento, com essa vitória, o time carioca aproximou-se dos dez primeiros colocados, respirando na competição e partindo para uma recuperação total. Por outro lado o técnico Oswaldo de Oliveira, saiu revoltado com o futebol que o time jogou, não quis dar entrevista e prometeu mudanças durante a semana, para o jogo contra o Internacional em Recife. A facilidade com que os gols do Botafogo aconteceram, foi algo impressionante. O primeiro gol, aos 47 minutos da primeira fase, uma falha individual do jogador Paulo Roberto e o goleiro Magrão, entregando de presente, ao jogador Sassá . O segundo gol, já no segundo tempo, também uma falha, desta feita de Magrão que largou a bola nos pés do atacante Sassá, que só fez empurrar para as redes. Quando se esperava mais empenho e correções do time leonino, aí veio o terceiro gol, também uma bola largada pelo goleiro Magrão nos pés do jogador Camilo. O técnico do Botafogo Jair Ventura, descobriu ao longo do jogo, que o mapa da mina era em cima de Renê, que voltou a jogar e jogar muito mal. Esperar para ver o que vai acontecer contra o time gaúcho no próximo final de semana.

Blog de Airton Sousa: Náutico faz bem o dever de casa

Após resultados extremamente negativos , o Náutico volta para a Arena e vence bem ao time do Avaí pelo placar de 3 x 1, fica na sétima posição e volta a dar esperança a sua torcida para mais uma vitória, desta feita também na Arena, contra o Tupi de Minas Gerais, na próxima semana. O time timbu, vem de um sobe e desce no Campeonato Brasileiro, deixando transparecer a cada jogo, irregularidade e inconstância. Tem sido assim a participação do Náutico, que ao contrário, se mantivesse uma regularidade, já teria ultrapassado os percentuais desejados nessa primeira etapa do Brasileiro da série B. No entanto em face disso, soma apenas vinte e quatro pontos. Mas de qualquer maneira a vitória foi importante, porque foi um passo para entrar em campo na próxima semana com mais credibilidade, e com amplas possibilidades de somar mais três pontos, pela fragilidade do time do Tupi.

Quanto ao jogo contra o Avaí, o Náutico começou a construir o placar aos seis minutos do primeiro tempo, ampliou em seguida, fechando o placar parcial de 2 x 0, e também com o time de Santa Catarina terminando a primeira etapa com dez jogadores. Na volta para  o segundo tempo, houve um certo equilíbrio, no entanto o Náutico ampliou para três e o Avaí fez o seu gol, terminando o jogo em 3 x 1, a favor dos comandados do técnico Galo. De qualquer maneira, para quem tomou dez gols em três jogos,  reconhecemos que houve uma consistência maior na zaga, que sofreu apenas um gol no jogo, dando ao treinador Alexandre Galo a esperança de ter encontrado agora, uma defesa mais sólida. Entretanto, para o que pretendem dirigentes, comissão técnica e torcedores, o time timbu ainda apresenta percentuais de aproveitamento extremamente deficientes, principalmente no sistema ofensivo e na criatividade. Porém, como dizem os torcedores, o importante é vencer, e foi isso o que aconteceu nessa sexta-feira(22/07), na Arena Pernambuco. Esperar agora o próximo jogo e torcer que o resultado também seja satisfatório para o Náutico e consequentemente para o futebol de Pernambuco.

Blog de Airton Sousa: Náutico a caminho da recuperação

Com um saldo de dez gols tomados em três jogos e a perda dos dois zagueiros titulares, o técnico Alexandre Galo, tenta com modificações na escalação do time alvi rubro, somar três pontos, melhorar na classificação e voltar a ter a confiança do torcedor e o respeito dos adversários. É o que se espera nesta sexta-feira(22/07), no jogo entre o Náutico e a equipe do Avaí. O time Pernambucano entra em campo na décima primeira posição, enquanto que o adversário está na décima terceira. Se acontecer a vitória, os comandados do técnico Alexandre Galo podem recuperar até 4 posições na tabela.

Sem revelar oficialmente, o treinador timbu deixou transparecer que executará algumas mudanças, principalmente na frente da área e na zaga, visto que foram os setores mais falhos nos últimos jogos, levando o time a ter hoje a segunda pior defesa da série B. No momento o Náutico tem seis vitórias, três empates e sete derrotas. Em contra partida, o Avaí tem cinco vitórias, cinco empates e seis derrotas, campanhas tecnicamente muito parecidas.

Independentemente de qualquer número que seja apresentado pelas estatísticas, o time timbu se obriga a vencer o jogo contra o Avaí, se não quiser afundar mais ainda tecnicamente, na pontuação e no descrédito na competição. Vencendo o jogo, os comandados do técnico Alexandre Galo se reabilitam, mesmo porque continuam em casa, já que o próximo jogo também será na Arena Pernambuco, desta feita contra o Tupy de Minas Gerais, que está na zona de rebaixamento. É aguardar para ver, no entanto, é inconcebível que o time volte a errar como nos últimos jogos.

Blog de Airton Sousa: Uma baixa temperatura espera o Náutico

O alvi-rubro pernambucano, volta a campo nessa terça-feira diante do Londrina. Contusões, cartões, improvisações, são muitas as dificuldades encontradas pelo técnico Alexandre Galo para escalar o time pernambucano. O Náutico vem de uma derrota fora e uma vitória em casa, somando três pontos em duas rodadas. É muito pouco, principalmente pelo fato de que a diretoria e o técnico prometeram a torcida, brigarem para voltar a primeira divisão no Brasileiro deste ano.

As perspectivas não são das melhores para o Náutico.  Além das dificuldades internas, a temperatura com  estimativa de chegar a 8°,  é um obstáculo a mais para o alvi-rubro. No entanto, em face das circunstâncias, podemos considerar até um empate como um bom resultado, pelo fato de ser na casa do adversário.

Quanto ao Londrina, vem de uma derrota em casa, na estréia, e um empate fora, contra o Goiás, na cidade de Goiânia. Esperar, só esperar, para ver o que pode acontecer, essa noite na fria Londrina, e torcer que o técnico timbu, faça o seu time ser valente e que o ataque que vem devendo gols a torcida, possa realmente mostrar o contrário.

Assim é o Campeonato Brasileiro, também na série B, com jogos complicados e muito próximos um do outro. É preciso ter elenco, um time só não basta, é isso o que está acontecendo com o grupo de conselheiro Rosa e Silva.

Foto: Internet

Foto: Internet