Blog de Airton Sousa – Mais uma rodada sem o Sport vencer

                                                                      1355

Na noite desta segunda-feira (06), o Sport Clube do Recife virou mais uma rodada sem vencer. Foi mais um empate, desta feita contra o Bragantino, em Bragança Paulista. No primeiro tempo tivemos um jogo corrido, agudo e  até certo bom. No entanto a criatividade dos dois times pouco funcionou, e as defesas sempre sendo superiores.

Aos poucos o jogo foi mudando de ritmo principalmente no segundo tempo, com a expulsão do jogador Lazarone, por jogada violenta. O Sport passou a jogar atrás, facilitando a pressão do adversário e sem conseguir sair para o jogo, mesmo porque estava com uma peça a menos e o cansaço começava a ser um obstáculo maior.

Foi o segundo empate do Sport no campeonato, já que com o mesmo placar empatou contra o Oeste em Recife, o que tornou o prejuízo maior. São duas partidas sem conseguir uma vitória e agora enfrenta no próximo sábado a tarde (11), na ilha do Retiro o time do Figueirense, com a obrigação de vencer.

O placar de 1 x 1 no jogo não foi ruim para o Sport, o que complica é que na estreia o time também empatou, acumulando quatro pontos de déficit onde era para ter vencido em casa o Oeste e não conseguiu . O Próximo jogo leonino será neste sábado (11) a tarde,  contra o time do Figueirense.

Blog de Airton Sousa: Náutico se aproxima do G4

Uma vitória considerada fundamental, foi exatamente o que o Náutico teve nesta terça feira(04), contra o time do Bragantino. No primeiro tempo, o time timbu com um futebol irreconhecível, principalmente na troca de passes, e na liberdade que o time de Bragança encontrou, com as bolas cruzadas na área, destacando-se principalmente o goleiro Júlio César, que foi inegavelmente o nome do jogo no primeiro tempo, evitando a vitória do time paulista, já na primeira fase. No entanto 0 x 0, foi o placar do primeiro tempo.

No segunda fase, pouca coisa mudou, porque o time pernambucano, chutou apenas uma bola, aliás uma bola parada, com uma bela cobrança de Marco Antonio, aos 39 minutos. Estranha-se no entanto, a diferença de futebol jogado contra o Bragantino, ao contrário da qualidade que o time apresentou diante do Vasco da Gama. Porém, não importa.  A essa altura, o que está valendo é essa sequência de resultados positivos, com o time no comando do técnico Givanildo Oliveira. Um balanço de dois empates e quatro vitórias, ou seja, 18 pontos disputados e somando 14 pontos, o que podemos considerar como um aproveitamento espetacular.

Agora o Náutico volta para casa, para enfrentar respectivamente o Brasil de Pelotas e o Ceará, dois adversários muito bem montados, onde teremos de novo, uma prova de fogo para o time de Givanildo Oliveira. Se o Náutico vence essas duas partidas, aí sim, pode começar a pensar de uma maneira mais concreta no G4 da série B. Agora, será importante também que o torcedor faça a sua parte, repetindo no mínimo, o que foi feito no jogo contra o Vasco da Gama. Cabe a Diretoria timbu, providenciar também a logística, para facilitar o deslocamento na ida e volta da torcida.

Blog de Airton Sousa: Náutico e Santa jogam neste sábado

Foto: Internet

Foto: Internet

O Náutico entra em campo neste sábado(18), tentando sua recuperação, em razão de ter perdido na última terça-feira(14), para o Vasco da Gama, em São Januário pelo placar de 3 x 2. O adversário timbu no Arruda, será o Bragantino, equipe de médio porte, porém sempre dá um toque especial quando enfrenta as equipes de Pernambuco. No entanto, pela campanha alvi-rubra, pelo fato de contar com a participação do seu torcedor, tudo leva a acreditar que os três pontos ficarão com o Clube Náutico Capibaribe. Nos últimos jogos, o ataque tem funcionado bem e acreditamos que esta boa sequência poderá acontecer nesta tarde de sábado(18).

Um problema que a direção timbu terá que administrar é o mando de campo. Os Aflitos com a possibilidade de recuperação, porém, a médio prazo, com a estimativa de liberação somente no próximo ano. O rompimento do contrato com a Arena Pernambuco, é um outro fator lamentável, pelos prejuízos que foram trazidos desde o começo. E agora, o time terá que aportar no Arruda, a exemplo do jogo deste sábado(18). Podemos dizer, que os jogos a serem chamados pelo Náutico,  serão em campos neutros, porque o time joga esporadicamente no Arruda.

Foto: Internet

Foto: Internet

Quanto ao Santa Cruz, venceu seu último jogo em casa, para o Figueirense pelo placar de 1 x 0, mesmo não satisfazendo a torcida, nem a crônica esportiva. O importante, porém, é que venceu, recuperou posições e somou três pontos. O time teve, durante a partida altos e baixos, em todos os setores, daí a insatisfação. Pior, enfrenta em São Paulo, a boa equipe do Palmeiras, que vem sendo destaque no Brasileiro da série A. Vantagem em todos os sentidos para o time alvi-verde. No entanto, surpresas acontecem, e vamos torcer que seja a favor do tricolor Pernambucano.

Todos estão conscientes, que o time precisa de reforços em todos os setores. A  direção está buscando, não está sendo fácil, porque os melhores jogadores, além de super valorizados, estão todos empregados. Trazer por trazer, como fizeram recentemente, não é a solução, é perder dinheiro, com jogadores limitados tecnicamente, fora de forma e muitas vezes com problemas clínicos sem recuperação. É difícil, principalmente em uma competição de jogos sucessivos, percentuais diferenciados entre os clubes participantes, e a questão financeira do Santa Cruz, complicada há muito tempo. O tricolor tem uma sequência de jogos difíceis: Palmeiras(fora), Flamengo(em casa) e Corinthians(fora).