Blog de Airton Sousa – Sport perde e entra na zona de rebaixamento

                                           botafofo

O que era esperado há muito tempo, terminou acontecendo na noite desse sábado (25). O Sport finalmente entrou na zona de rebaixamento, após perder para o Botafogo pelo placar de 2 x 0 no Rio de Janeiro. Era um fato adiado a cada rodada, as vezes porque os adversários ajudavam, outras porque o próprio resultado contribuía.

Além da limitação técnica, o time jogou também desfalcado dos laterais titulares, Raul Prata e Sander. Sem ter jogadores de origem para as posições, o treinador Eduardo Batista se viu na obrigação de improvisar, o que tornou a situação ainda mais difícil, facilitando assim o trabalho para o adversário;

No primeiro tempo, foi visível a vantagem do time Botafoguense, onde os jogadores Luiz Fernando e Jair exploraram os lados  rubro-negro, pressionando e levando geralmente perigo para a meta do goleiro Magrão, que outra vez foi o salvador da pátria, evitando que já na primeira fase o seu arco caísse, terminando o primeiro tempo em 0 x 0.

Na segunda fase, as coisas mudaram. A pressão do time da estrela solitária aumentou, o Sport esbarrou na sua limitação em todos os setores, e logo saiu o primeiro gol, apavorando o time Pernambuco. Perdendo por 1 x 0, o Sport apresentou ainda mais fragilidade, mesmo com as modificações feitas pelo técnico Eduardo Batista.

Dentro desse clima de inferioridade, o Sport tomou o segundo gol. Perdendo pelo placar de 2 x 0, sem nenhuma reação na partida, o rubro-negro entrou na zona de rebaixamento, porque além da derrota, logo cedo o Atlético do Paraná, conseguiu vencer ao Grêmio pelo placar de 2 x 1, deixando a zona de rebaixamento e colocando o Sport.

O time continua com 20 pontos, é o décimo sétimo colocado. A depender dos resultados do Vitória e do Ceará que ainda jogarão, o rubro-negro poderá  cair mais ainda de posição. Foi a décima primeira derrota no campeonato. É bom lembrar que para se garantir na primeira divisão, o time tem que somar no mínimo quarenta e sete pontos.

Obrigatoriamente o Leão terá que vencer nove das partidas restantes, para chegar aos quarenta e sete pontos, o que começam a diminuir as chances pela desenvoltura do time. O próximo adversário é o Paraná, lanterna absoluto da competição. O jogo será na Ilha do Retiro, e logo vem a pergunta: Dá para ganhar?

Blog de Airton Sousa: Sport perde e entra na zona de rebaixamento

sport-x-botafogo-banner_DJ5N_grande

Mais um pernambucano aumentou a sua ameaça de rebaixamento. Jogando na noite dessa quarta-feira (8) na Ilha do Retiro, o Sport Clube do Recife voltou a perder, desta feita para o time do Botafogo pelo placar de 2 x 1. Uma noite em que tudo aconteceu, inclusive o bom goleiro Magrão dando de presente o primeiro gol do jogo.

O Sport começou marcando no campo do adversário, tendo algumas oportunidades. Patrick aos 10 minutos, Oswaldo aos 12 minutos e lamentavelmente com uma falha de Magrão o jogador Bruno Silva aproveitou marcando aos 15 minutos o primeiro gol do jogo. Com o impacto do gol , coincidência ou não, de novo uma falha desta feita do zagueiro Henriquez e Marcos Vinicius chutou, fazendo o segundo gol .

Com a ampliação do placar o Sport se rendeu ao adversário, e a partir daí o time carioca passou a ser dono das ações, criando outras oportunidades, enquanto que o Sport no desespero tentava a todo custo rifar a bola na área, trabalho perdido porque a zaga do Botafogo ganhava todos os lances, terminando o primeiro tempo em 2 x 0. E o Botafogo sendo absoluto no jogo, ainda no primeiro tempo Daniel Paulista aos 24 minutos, tira Wesley e coloca Marquinhos.

No segundo tempo, o Sport voltou um pouco mais organizado e já aos 5 minutos Samuel Xavier chutou contra a meta de Gatito, Marquinhos chutou uma bola perigosa aos 12 minutos, no entanto o time leonino esbarrava na sua limitação, desde os laterais, o miolo de zaga e a fraca produção da meia cancha, incluindo-se também a improdutividade do ataque. Enquanto isso alguns jogadores do Botafogo mandavam no jogo: Bruno Silva, Marcos Vinicius, João Paulo e Brener.

Na acomodação do Botafogo, aos 41 minutos André aparece na área e chuta indefensável  , fazendo o gol do time da Ilha do Retiro. Com a derrota o Sport entrou na zona de rebaixamento, também porque o Vitória venceu na Bahia ao Palmeiras, jogando o time pernambucano para a décima sétima posição, consequentemente na zona de rebaixamento.

É bom lembrar que no primeiro turno, o Sport fechou na sexta posição, caindo totalmente no segundo turno, e aí faltando  cinco rodadas o time está na zona de rebaixamento. O próximo jogo será neste domingo (12), contra o Atlético de Goiás, onde mais uma vez só a vitória interessa. Se porventura o time não voltar com uma vitória, as coisas ficarão praticamente irreversível.

Blog de Airton Sousa: Já temos os finalistas da Copa do Brasil

flamengo x cruzeiro

Tivemos na noite dessa quarta-feira (23), as duas partidas das semi-finais para conhecer-mos  os finalistas da Copa o Brasil 2017. Em Minas Gerais, o classificado foi o Cruzeiro, depois de vencer no tempo normal e devolver o placar ao Grêmio. No Maracanã o classificado foi o Flamengo, que venceu no tempo normal por 1 x 0, levando vantagem pelo fato do primeiro jogo ter sido 0 x 0

O Cruzeiro demonstrou competência, determinação e muita aplicação tática, diante de um Grêmio sem vontade e entregue ao adversário, que se impôs durante todo jogo e não deu espaço para  os comandados de Renato Gaúcho, esboçarem nenhuma reação. A classificação do Cruzeiro foi pertinente e merecida, pelo domínio acontecido ao longo dos dois tempos de jogo. Portanto, foi mais do que justo o Cruzeiro ir para a decisão.

No Maracanã não foi diferente, também houve uma supremacia do Flamengo, diferente da primeira partida onde o time da Gávea não teve determinação no decorrer da partida. Um grande público, na grande maioria torcedores do Flamengo, provocou uma certa retração aos comandados do técnico Jair Ventura, que deixaram  levar-se  pelo adversário.

No final vitória de 1 x 0 para o  Flamengo, com muita justiça pelo domínio exercido ao longo da partida, também pelo embalo do torcedor rubro-negro. Agora teremos dois jogos entre Cruzeiro e Flamengo, com datas marcadas para o mês de setembro, respectivamente, a depender do sorteio na CBF, com a previsão de mais dois grandes jogos, para conhecermos o campeão da Copa do Brasil de 2017.

Blog de Airton Sousa: Rodada decisiva da Copa do Brasil

Gremio v Atletico MG - Copa do Brasil Final 2016Teremos na noite desta quarta-feira ( 23 ), as duas partidas que decidirão os finalistas da Copa do Brasil 2017. No Rio de Janeiro: Flamengo e Botafogo. Em Belo Horizonte: Cruzeiro e Grêmio. A primeira partida entre cariocas , não passou de um empate em zero a zero, tornando o jogo desta quarta-feira (23)mais emocionante, em razão de que as equipes entram em igual condição.

O Botafogo tecnicamente tem melhor apresentação,  mesmo entendendo-se que trata-se de um clássico carioca, e qualquer erro poderá ser fatal, tornando-se assim um jogo cheio de detalhes, que poderá  ser decidido em um lance apenas. Emoção é o que não vai faltar, e esperamos que após a partida, não tenhamos os espetáculos degradantes que ocorreram no primeiro jogo.

Enquanto isso, também muita emoção é esperada para o Mineirão, no jogo entre Cruzeiro e Grêmio. Essa partida tem uma historia diferente, porque tivemos um vencedor no primeiro jogo, quando o Grêmio conseguiu aplicar 1 x 0 no Cruzeiro, levando para o Mineirão a vantagem de qualquer empate, ou no caso de uma derrota simples, levar a decisão para os pênaltis.

O time comandado por Renato Gaúcho teve um futebol mais envolvente e ofensivo, tentando levar para o segundo jogo, uma vantagem maior. Enquanto isso, o Cruzeiro foi um time acuado, na retranca, jogando com o regulamento em baixo do braço. Porém a tática não deu certo, porque o time cruzeirense saiu de campo derrotado e terá que se abrir, para reverter a vantagem do time gaúcho.

Se nos fosse dado o direito de apontar os dois finalistas, tomaríamos a liberdade de dizer, pelo que vimos na primeira partida que existe mais probabilidade de uma decisão entre Botafogo e Grêmio, porém futebol na maioria das vezes prega surpresa, é por isso que leva tanta emoção para as torcidas. Então só resta  esperar para ver quais serão os finalistas.

Blog de Airton Sousa: Continua o calvário do Santa Cruz

Para quem vinha perdendo de goleada, perder em casa por 1 x 0, já foi um progresso. Isso é o que deve pensar o torcedor tricolor mais otimista. A questão é que foi mais uma derrota, aumentando o descrédito e diminuindo cada vez mais os argumentos e a vontade do elenco de terminar a competição com uma recuperação, mesmo sem a perspectiva de se manter na primeira divisão do Campeonato Brasileiro. No jogo contra o Botafogo, nessa quarta-feira(19), tivemos um primeiro tempo que  terminou 0 x 0, e até a metade do segundo, o time aguentou a pressão do Botafogo. No entanto, terminou cedendo, e ao final, perdeu por 1 x 0.

Um público pífio, e não podia ser diferente, pois a tendência é a diminuição cada vez mais, para os três jogos restante em casa, já que o tricolor, tem fora do Arruda, outros três jogos, para aumentar mais ainda o sofrimento do torcedor. Mais importante do que preocupar-se com o restante dos jogos, é saber o que está pensando a Diretoria, com relação a estruturação para 2017, caso contrário,  poderemos ter  novos desastres, se os dirigentes não começarem a preparar um planejamento e execução de trabalho, através da seleção de jogadores, da manutenção ou não do técnico Doriva, as questões salariais, no sentido de se manterem atualizados. Enfim, tem que começar mesmo, antes que tenha o encerramento do Brasileiro da série A de 2016. E mais um detalhe, torcedores e dirigentes, não podem se enganar com os resultados de competições regionais, porque elas não medem nada, a exemplo do que aconteceu esse ano.

Blog de Airton Sousa: Santa Cruz derrotado, é novidade?

Jogando neste domingo (03), em Juiz de Fora, o Santa Cruz amargou mais uma derrota. Muitos questionamentos a respeito da campanha tricolor e de mais um resultado negativo. Culpa do técnico e da mudança de esquema a cada partida? Time limitado para uma primeira divisão? Jogadores de segunda, atuando na primeira divisão? Diretores que contrataram errado, e se acomodaram com os primeiros resultados? Situação financeira refletindo na qualidade das contratações?

A verdade é que o tricolor afunda a cada rodada, e se não tomarem cuidado, o rumo será a volta para a segunda divisão, depois de tanto sacrifício para chegar à primeira outra vez. São muitos os problemas, a começar pelo técnico que tem errado no esquema tático e tem feito substituições precipitadas. Quando tenta reparar no  decorrer do jogo, já é tarde.

Na derrota contra o Botafogo, o primeiro tempo do Santa Cruz, a exemplo de outros jogos foi terrível, ninguém acertava nada, inclusive o goleiro Tiago Cardoso, que a cada partida vem falhando, e já não é mais um paredão, talvez contagiado com a fraca qualidade dos companheiros. No segundo tempo, o tricolor marcou um gol, o Botafogo ficou encurralado, porém o time Pernambucano não teve competência de empatar, saindo com mais uma derrota, e deixando a sua torcida apavorada com a situação.

Vem por aí, mais um forte adversário. O Internacional de Porto Alegre, tradicionalmente uma equipe que envolve os nossos representantes, e na atual situação que está o futebol Pernambucano, fica difícil acreditar que o Santa Cruz se recupere com uma vitória. É preocupante, e muito, a situação do time tricolor, diante de tantos resultados de derrotas que estão acontecendo.

Foto: Internet

Foto: Internet

Santa Cruz: Com direito a gol do estreante, Tricolor vence, fica a cinco pontos do C4 e ainda quebra Tabu de 28 anos

Neste sábado (08), o Santa Cruz recebeu o Botafogo no estádio do Arruda, pela décima sétima rodada do Campeonato Brasileiro Série B. O jogo de grandes expectativas que fez o torcedor ir em peso para o estádio, quando a bola rolou inicialmente não confirmou as expectativas, até quando em seis minutos do segundo tempo, momento em que o estreante Grafite fez o gol da vitória do Tricolor.

01

Com a vitória, o Santa cruz chegou aos 25 pontos e agora ocupa a oitava colocação, estando agora há apenas cinco pontos do C4. A vitória de hoje, também quebrou um Tabu de vinte e oito anos em vitória do Santa contra o Fogão no Campeonato Brasileiro.

02

No primeiro tempo, o jogo começou “amarrado”, muito estudado pelas duas equipes. O time Tricolor ficou muito preso a marcação do adversário, que impossibilitou o time da casa de chegar com perigo ao gol. O Botafogo também não agrediu, tentou aproveitar algumas falhas da defesa Coral, mas sem sucesso.

03

No segundo tempo, o Tricolor começou com tudo, partindo para cima. E Logo aos seis minutos abriu o placar com Grafite, que estava de volta ao Santa Cruz depois de treze anos. A jogada saiu dos pês de João Paulo, que cruzou da direita para a esquerda, o atacante mergulhou de cabeça para mandar a bola para as redes. Santa Cruz 1 x 0, festa da torcida Tricolor.

04

Depois do gol o Botafogo tentou ir ao ataque, mas não teve sucesso, parou na defesa do Santa Cruz que bem postada conseguiu conter a pressão alvinegra.

E terminou assim, festa para a torcida do Santa, que pode ver o time vencer o Botafogo que estava a várias rodadas como líder do campeonato, e pode comemorar a recuperação da equipe, que agora entrou de vez na briga pelo acesso.

Agora o Santa Cruz joga contra o Mogi Mirim próxima terça-feira (11), às 19h, no Arruda, pelo Campeonato Brasileiro Série B. Já o Botafogo joga contra o ABC também na terça (11), às 21h30, em casa, pela Série B.

05

Ficha do Jogo:

Santa Cruz: Tiago Cardoso; Vítor (Moradei), Danny Morais, Néris e Marlon (Lúcio); Bileu, Wellington Cézar e João Paulo; Lelê, Anderson Aquino e Grafite (Luisinho). Técnico: Marcelo Martelotte.

Botafogo: Jefferson Luis Ricardo, Renan Fonseca, Diego Giaretta e Carleto; Serginho (Daniel Carvalho), Willian Arão, Diego Jardel e Octavio (Lulinha); Neilton (Sassá) e Navarro. Técnico: Ricardo Gomes.

Arbitro:  Flavio Rodrigues Guerra. Assistentes: Vicente Romano Neto, Carlos Augusto Nogueira. Gol: Grafite (06′ do segundo tempo). Cartões Amarelos: Anderson Aquino, Danny Morais, Luisinho, Serginho, Lulinha.

TV Replay, o que é bom se repete!

Santa Cruz: Bom retrospecto em casa e euforia pela estréia de atacante fazem o torcedor acreditar na vitória

Hoje (08), se enfrentarão Santa Cruz e Botafogo no Arruda, pela décima sétima rodada do Campeonato Brasileiro Série B. Em posições distintas no campeonato, o Fogão que no início da rodada era o líder, mas com a vitória do Bahia, perdeu a liderança e agora está na terceira colocação. O Santa Cruz que ocupa a 12° posição, tem um fato em comum: dois novatos na equipe. 

01

Para o Botafogo, que agora tem Ricardo Gomes no seu comando há apenas dez dias, nele foi depositada a confiança de levar o time para a elite do futebol nacional. Por outro lado, a estreia do Tricolor mexe com os ânimos tanto da equipe quanto do seu torcedor, que promete lotar o estádio hoje, onde mais de 37 mil ingressos já foram vendidos.

02

Durante a semana de treinos havia uma dúvida se Grafite poderia começar jogando ou se iria para o banco e entraria em jogo no decorrer da partida, mas essa dúvida foi tirada ontem (07), pelo técnico Marcelo Martelote, que definiu a equipe do Santa dessa forma: Tiago Cardoso, Vítor, Danny Morais, Neris, Marlon, Wellington Cézar, Bileu, Lelê, João Paulo, Anderson Aquino e Grafite. O jogo marca a estréia de Grafite que volta ao Santa depois de treze anos. 

Além da euforia pela estreia do novo atacante, a torcida Tricolor se apega ao bom retrospecto que a equipe vem tendo em casa; foram quatro vitórias nos últimos quatro jogos e isso faz o torcedor acreditar em mais uma vitória nessa partida. 

Caso vença, o Tricolor vai para 25 pontos e ocuparia a 10° colocação, sem precisar de uma combinação de resultados, pois o Oeste e Bragantino perderam; caso percam, também Criciúma e Macaé, o Santa Cruz pularia para o 8ª colocação. 

grafite

No jogo de hoje a segurança será feita por 466 policiais, onde 130 estarão na área interna do estádio, e na externa e principais vias de acesso terão 215 policiais. Além dos patrulhamentos nas principais estações de metrô e terminais integrados da cidade do Recife. 

O jogo acontece às 16h, no estádio do Arruda, válido pelo Campeonato Brasileiro Série B.

TV Replay, o que é bom se repete! 

Náutico: Timbu sofre segunda derrota seguida; novamente um carioca atrapalha os planos do time de Lisca

Neste sábado (18), o Botafogo recebeu o Náutico no Engenhão pela décima terceira rodada do Campeonato Brasileiro. O Jogo valia a liderança, as equipes estavam com a mesma pontuação, portanto, quem vencesse assumiria a ponta da tabela. E foi melhor para o Botafogo, com a vitória por 1 x 0, o time carioca assumiu a liderança do campeonato. O gol foi marcado por Lulinha.

01

No primeiro tempo, a postura do Timbu foi de ataque, a equipe foi para cima para buscar o resultado, mas novamente esbarrou no seu problema crônico, falta de bons finalizadores. Com isso, o Náutico pecou nas finalizações, deixando escapar as chances de fazer o gol. Depois de alguns minutos de pressão, o time da casa começou a reagir, o Botafogo depois da pressão inicial feita pelo Náutico, conseguiu se encontrar na partida. E começou a criar chances de gol. Porém a finalização do time da casa também não estava boa.

02

No segundo tempo, a história foi outra, o Botafogo começou pressionando o Náutico e logo no início da segunda etapa, criou as melhores oportunidades de fazer gol. O tempo passava e os times não conseguiam chegar ao gol. Quando aos trinta e um minutos o Botafogo abriu o placar. Depois de cruzamento, Luís Henrique recebeu dentro da área, chutou, Júlio César espalmou, e no rebote Lulinha mandou para as redes.

03

Depois de ter tomado o gol, o Náutico não conseguiu mais se encontrar em campo. Pecou nas saídas de bola, não conseguiu mais armar um contra-ataque, não conseguia preparar as jogadas; só veio ter uma chance de gol no final do jogo, quando Renato mandou a bola no travessão.

05

Agora o Náutico joga contra o Vitória-BA, próximo sábado (25), às 16h30, na Arena Pernambuco. Já o Botafogo joga contra o Bahia próximo sábado (25), às 16h30, fora de casa.

Ficha do jogo: 

Botafogo:  Jefferson; Luís Ricardo, Renan Fonseca, Diego Giaretta e Garleto; Dielson, Fernandes (Diego), Otávio (Sasá) e Gegê; Rodrigo Pimpão (Lulinha) e Luís Henrique. Técnico: Jair Ventura.

Náutico: Júlio César; Gil Mineiro, Flávio, Fabiano Eller e Gastón Filgueira; João Ananias, Marino, William Magrão (Rogerinho) e Hiltinho (João Paulo); Josimar (Renato) e Douglas. Técnico: Lisca.

Arbitro:  Eduardo Valadão. Assistentes: Cristhian Sorence,  Evandro Ferreira. Gol: Lulinha (31′ do segundo tempo). Cartões Amarelos:  Gaston Filgueira, Flávio, Fernandes, Lulinha, Luís Ricardo, Garleto.

TV Replay, o que é bom se repete!

Náutico: Timbu vai ao Rio de Janeiro em busca da liderança e tenta esquecer a eliminação que sofreu na Copa do Brasil

Neste sábado (18), Náutico e Botafogo se enfrentam no Rio de Janeiro, às 16h30, pela décima terceira rodada do Brasileirão Série B. O Jogo vale a liderança do campeonato, liderança essa, que diminuiria o clima de tensão nos clubes. Já que os dois foram eliminados está semana na Copa do Brasil, jogando em seus domínios. A pior situação está a do Botafogo, que após ser eliminado, teve seu técnico demitido. O time do carioca não vence a três jogos.

foto reprodução

O Náutico que vem de uma derrota para outro carioca, o Flamengo, tenta esquecer a Copa do Brasil e focar na Série B, campeonato que o Timbu tem grande regularidade. Ficou de fora do G4 apenas duas rodadas. Portanto, o time de Lisca procura hoje (18), esquecer a derrota sofrida no meio da semana e diante o Fogão conseguir uma vitória.

nau 3

Os dois times tem a mesma pontuação, 24 pontos, o Botafogo temporariamente está na segunda colocação, já que o Vitória venceu seu jogo e foi a 26 pontos, porém tem um jogo a mais. Caso o Fogão vença, vai a 27 pontos e retoma a liderança. Para o Náutico voltar a ser líder, precisa vencer o Botafogo, assim iria a 27 pontos e também torcer para o Bahia e o América-MG, não obter vitória no seu jogo, pois eles tem a mesma pontuação, porém, estão na frente do Timbu por critério de desempate.

foto reprodução

O técnico Lisca não poderá contar com Ronaldo Alves, que está de suspensão, Guilherme e Pedro Carmona, que estão lesionados, Stéfano Yuri, Patrick vieira.

O jogo acontecerá no estádio do Engenhão, às 16h30.

TV Replay, o que é bom se repete!