Blog de Airton Sousa: Náutico se complica na Copa do Nordeste

Esperava-se que o time de Milton Cruz, apresentasse um futebol pelo menos diferente e criativo, no entanto, foi o mesmo time medíocre de sempre. Enquanto isso, o técnico Sergio China, estudou o time timbu e anulou na marcação, as principais peças do Náutico, principalmente Marco Antonio, que é um jogador diferenciado e não teve espaço para jogar, complicando dessa maneira, o sistema que seria responsável pela criatividade e transição para o ataque.

Poucas foram as oportunidades do time pernambucano, e o Campinense, pela orientação do seu treinador, passou a jogar por uma única bola. No entanto, os dois times pouco criaram e chutaram no primeiro tempo. Porém, para o visitante, o empate era um bom resultado, e foi assim que o time campineiro se comportou no primeiro tempo, que terminou em 0 x 0.

Na segunda fase, o Campinense se fechou mais ainda, mesmo assim, obrigou o goleiro Tiago Cardoso a fazer duas grandes defesas, enquanto que o Náutico somente aos 45 minutos do segundo tempo, teve a melhor chance através do jogador Everton Páscoa, que no desespero e na falta de capacidade de finalização, desperdiçou a grande chance, deixando a pequena torcida presente na Arena de Pernambuco, desesperada.

Com o empate, o Campinense assumiu a liderança do grupo, com oito pontos e um jogo a mais, enquanto que o Náutico tem complicada a sua situação, com apenas quatro pontos, e tendo pela frente, o clássico contra o Santa Cruz e o Uniclinic, no Ceará. Quanto ao técnico Milton Cruz, saiu decepcionado com o que viu e está consciente das dificuldades que virão. Fora da Copa do Brasil, e com remotas possibilidades de continuar no Nordestão, o Náutico agora pensa no Estadual, e em breve, também começam os preparativos para o Brasileiro da Série B.