Náutico: Atacante desmente informação de mal relacionamento do elenco com Moacir Júnior

Renato afirmou que o time estava unido ao ex-treinador alvirrubro

Renato afirmou que o time estava unido ao ex-treinador alvirrubro

Quando foi anunciada a demissão do até então técnico do Náutico, Moacir Júnior, várias informações sobre a sua saída começaram a surgir nas redes sociais. Além da falta dos resultados, motivo alegado pela diretoria para demiti-lo, outra informação que o elenco não gostava de Moacir surgiu nos bastidores.

O que aumentou ainda mais essa especulação, foi o fato que os jogadores se negaram a falar com a imprensa na terça-feira (03), um dia após a demissão do Moacir.

Informação essa que foi de se estranhar pelo fato do ex treinador timbu ter destacado o bom relacionamento dele com todo o grupo, conforme ele mesmo afirmou nesse trecho da coletiva dada após o empate em 0×0 contra o time do Santa Cruz, no último domingo (08), antes de ser confirmada a sua saída do clube:

O atacante Renato, um dos jogadores que foi “resgatado” pelo treinador Moacir Júnior, foi indagado a respeito desse “mal relacionamento” e do fato da maioria dos jogadores não gostar do treinador, ele respondeu:

 

 

TV Replay, o que é bom se repete!

NÁUTICO: Moacir Júnior acredita que deixará para o novo treinador uma base pronta

Ex-treinador alvirrubro lamenta saída, mas sai com a certeza do trabalho realizado

Ex-treinador alvirrubro sai com a consciência tranquila referente ao trabalho realizado

Quando foi avisado na noite dessa segunda-feira (02) que não ficaria mais a frente do comando técnico do Náutico, Moacir Júnior recebeu a notícia com tranquilidade. Sabendo da pressão recebida referente aos últimos resultados, mesmo acreditando na continuidade do trabalho, era uma situação que poderia acontecer a qualquer momento. Como aconteceu.

“O momento não é pra falar muito, apenas para agradecer pelo convívio. Agradecer muito ao grupo de jogadores, pela determinação deles, pelo dia a dia, aos funcionários do clube, pela torcida. Era um projeto, um projeto longo, mas que não foi dado o tempo necessário para consolidá-lo”, lamentou Moacir.

Sobre as dificuldades encontradas no caminho, ele comentou:

A frente do Náutico ele teve nove jogos oficiais, entre campeonato pernambucano e copa do nordeste; somou apenas duas vitórias, quatro empates e três derrotas.

A diretoria espera anunciar o nome do novo treinador em até dez dias. Até a apresentação, Levi Gomes assume o cargo interinamente.

TV Replay, o que é bom se repete!

Náutico: Moacir Júnior não é mais treinador do time alvirrubro

Diretor alvirrubro diz que a saída foi por falta de resultados

Diretor alvirrubro diz que a saída de Moacir foi motivada por falta de resultados

Em entrevista coletiva após o último jogo do Náutico no domingo (01), quando o time empatou em 0×0 contra o Santa Cruz, o técnico Moacir Júnior disse a seguinte frase: “As malas não estavam prontas”, quando indagado sobre uma possível saída do clube, e dos rumores de sua demissão.

Após reunião realizada durante o fim da tarde, início da noite, desta segunda-feira (02), a diretoria  alvirrubra decidiu demitir o técnico Moacir Júnior. O motivo alegado pela direção do Náutico foi o fraco desempenho do time dentro de campo, e a falta de resultados.

“Contratamos o Moacir para realizar um trabalho principalmente com a base, mas ele não alcançou o resultado que esperávamos”, disse o diretor de futebol José Barbosa.

Sobre a saída de Moacir do comando técnico alvirrubro, ele comentou:

TV Replay, o que é bom se repete!

Náutico: Moacir júnior – “As malas não estavam prontas!”

Treinador alvirrubro disse que os jogadores estão com ele e não temia ser demitido

Treinador alvirrubro disse que os jogadores estão com ele e não temia ser demitido

Antes da bolar rolar no clássico entre Santa Cruz x Náutico, os comentários nos bastidores alvirrubros diziam que se o timbu perdesse o jogo,  Moacir Júnior também perderia seu cargo de treinador do time.

Mesmo com o empate em 0×0, resultado que manteve o técnico no cargo, Moacir mostrava um semblante tranquilo referente a pressão sofrida.

“As malas não estavam prontas, elas estavam lá no hotel desfeitas. O grupo está muito fechado comigo e eu estou com o grupo. Os meninos estão cem por cento comigo, enquanto houver um olho a olho, estarei tranquilo no cargo”, desabafou Moacir quando perguntado em coletiva após o jogo se estava tranquilo.

Sobre o jogo em si, ele comentou:

O Náutico que está na quinta colocação na classificação geral com seis pontos, um a menos que o Santa Cruz que é o quarto colocado.

TV Replay, o que é bom se repete!

Náutico: Na bronca! Técnico Moacir Júnior sai reclamando da arbitragem

Treinador não poupou críticas a arbitragem e nem a Federação

Treinador não poupou críticas a arbitragem e nem a Federação Pernambucana de Futebol

Após o apito final do juiz do jogo, Gilberto Castro Júnior, os jogadores do Náutico estavam revoltados com a atuação do árbitro da partida, pois o segundo gol do Santa Cruz, o gol que deu a vitória de virada aos tricolores, teria sido originado de um lance irregular, uma falta cometida em cima do lateral direito timbu, o David.

O técnico Moacir Júnior em coletiva, expressava sua opinião referente ao jogo, em alguns momentos ironizando a atuação do juiz da partida: “Aconteceu a mesma coisa no jogo contra o Sport, foi falta no meu goleiro, e o juiz não marcou. Contra o Santa, uma falta clara em cima do David, e o juiz também não marcou”, criticou.

Sobre o lance polêmico do gol do Santa Cruz, Moacir Júnior falou:

Jogadores que se reapresentam na tarde desta quinta-feira (26), já de olho no jogo de domingo contra o mesmo Santa Cruz, na Arena Pernambuco.

TV Replay, o que é bom se repete!

NÁUTICO: Moacir Júnior escondendo o jogo para o clássico

Treinador realiza treino secreto e não revela time para o clássico diante do Santa Cruz

Treinador realiza treino secreto e não revela time para o clássico diante do Santa Cruz

A sete chaves! É assim que está sendo mantida a escalação do time do Náutico para o confronto dessa quarta-feira (25), no clássico contra o Santa Cruz, às 22hs, na Arena Pernambuco, pela quinta rodada do hexagonal do título, do campeonato pernambucano.

O time alvirrubro está na terceira colocação com cinco pontos, enquanto o tricolor do arruda está na lanterna com apenas três. Diante desse cenário, o técnico Moacir Júnior sabe da importância de um resultado positivo, pois uma derrota, dependendo da combinação de alguns resultados, poderia deixar o time fora dos quatro melhores classificados.

Tanta precaução talvez tenha sido o principal motivo para realização de um treino de portões fechados, onde a imprensa só esteve autorizada a estar no local para as coletivas, e depois foi convidada a deixar o CT Wilson Campos.

“Na verdade é um jogo de 180 minutos, mais os acréscimos. Temos que encarar com muita responsabilidade, com muita intensidade, vamos fazer cada minuto desse 180 o melhor, porque sabemos que ao final desse tempo podemos estar muito bem perto da classificação”, disse Moacir.

Quando perguntado quem estava mais pressionado, Náutico ou Santa Cruz, ele foi categórico:

Sobre o provável time: Júlio César. David, Elivelton (Diego), Flávio e Gáston. João Ananias, Fillipe Soutto, Bruno Alves e Patrick Vieira. Renato (João Paulo) e Josimar.

TV Replay, o que é bom se repete!

Náutico: Para Moacir Júnior, o empate foi com sabor de vitória

Bastante aliviado técnico alvirrubro enalteceu poder de reação do grupo

Bastante aliviado técnico alvirrubro enalteceu poder de reação do grupo

Quando o árbitro da partida, Marcelo de Lima Henrique, assinalou o fim do jogo, o semblante do treinador Moacir Júnior era de um alívio sem igual. O gol de empate do Náutico, marcado pelo atacante João Paulo aos 47 minutos do segundo tempo, amenizou a pressão que mais uma derrota traria para o comandante timbu.

O placar final apontava um empate em 1×1 contra o Central, mas para Moacir não tinha nada de empate, pois a sensação foi de vitória diante de tudo o que aconteceu no jogo e da reação exercida por seu time que viu o primeiro tempo ser totalmente dominado pela equipe adversária, mas que mudou o cenário na etapa complementar.

Mesmo comemorando o empate, Moacir Júnior reconheceu falhas, principalmente no gol do Central logo no início do jogo: “O gol deles acabou surgindo, mais uma vez, de uma infelicidade individual. Não foi uma coisa coletiva. Tanto que o nosso goleiro, o Júlio César, trabalhou pouco no jogo. Isso significa que o coletivo funcionou”, comentou.

Sobre a mudança de atitude no segundo tempo, Moacir Júnior falou sobre o assunto:

TV Replay, o que é bom se repete!

Náutico: Técnico Moacir Júnior deve poupar jogadores para a partida contra o Central

Técnico alvirrubro vai esperar pelo setor de fisiologia do clube para confirmar a equipe

Técnico alvirrubro vai esperar pelo setor de fisiologia do clube para confirmar a equipe

A sequência de jogos tem gerado críticas por parte de alguns membros da comissão técnica do Náutico, entre eles o próprio treinador Moacir Júnior que já deixou nas entrelinhas a intenção de mandar a campo um time misto contra o Central, no domingo (22), em partida válida pela quarta rodada do hexagonal final do campeonato pernambucano.

Três jogos em menos de oito dias, incluindo duas viagens, diante desse cenário alguns jogadores do timbu apresentaram alto desgaste físico e podem desfalcar o time contra a equipe de Caruaru.

“Vamos esperar o setor de fisiologia do clube avaliar as condições dos atletas. Quem tiver bem, viaja e joga. Quem não reunir condições vai ficar no Recife se recuperando. O que não posso é escalar jogadores sem nenhuma condição física”, explicou Moacir Júnior.

Sobre a difícil sequência que terá pela frente, no domingo (22) Central, e em seguida dois clássicos seguidos contra o Santa Cruz, na quarta (25), e no domingo (01), ele foi categórico:

TV Replay, o que é bom se repete!

Náutico: Para treinador alvirrubro o importante é vencer, mesmo não jogando bem

Em jogo considerado decisivo, treinador alvirrubro sabe da importância da vitória

Em jogo considerado decisivo, treinador alvirrubro sabe da importância da vitória

Depois da vitória do Salgueiro por 3×0 sobre o Moto Clube-MA, na quarta-feira (18), o jogo do Náutico contra o Piauí-PI, que acontece nessa quinta (19), em Teresina, ganhou ar de decisão.

Precisando vencer a qualquer custo, pois o Salgueiro assumiu a liderança com cinco pontos, enquanto o Náutico é o lanterna com apenas um, o técnico Moacir Júnior tem três dúvidas para confirmar a equipe.  Como o setor defensivo do time alvirrubro sendo um dos mais criticados no último jogo, o retorno de Elivelton a zaga tranquiliza um pouco mais o comandante timbu.

Sobre a necessidade da vitória, o discurso do treinador Moacir Júnior é o de atenção: “Temos que encurtar o espaço deles dentro de campo, não podemos dar muito espaço ao adversário, mas o mais importante pra nossa equipe é termos atitude!”, falou.

Sobre a postura do time, ele falou que a vitória é o mais importante, nem que pra isso o time não jogue bem:

Com dúvidas para montar a zaga, o meio de campo e também o ataque, o provável time do Náutico: Júlio César. David, Elivelton, Flávio (Diego) e Gáston. João Ananias, Fillipe Soutto, Bruno Alves e Patrick Vieira (Jefferson Renan). Renato (Jefferson Nem) e Josimar.

TV Replay, o que é bom se repete!

Náutico: Para Moacir, a hora é de exaltar a vitória

Treinador alvirrubro comemorou bastante a primeira vitória no pernambucano

Treinador alvirrubro comemorou bastante a primeira vitória no pernambucano

Com certeza uma das pessoas que mais comemoraram a vitória do Náutico por 4×0 sobre o Serra Talhada, foi o seu treinador: Moacir Júnior. Mesmo sem se sentir pressionado pela falta de vitórias no pernambucano, foram dois jogos, sendo um empate e uma derrota, uma goleada é para tranquilizar qualquer ambiente de trabalho.

Moacir reconheceu que o Náutico não se portou bem no primeiro tempo, mas que depois de uma conversa no intervalo, conseguiu arrumar a casa.

“A postura do time no segundo tempo foi determinante, poderíamos ter colocado o time para trás e segurar o placar em 1×0, mas apostamos numa situação de pressionar, pressão a pressão!”, disse o técnico alvirrubro.

Sobre o bom futebol apresentado pelos garotos da base, ele também comentou:

Sem muito tempo para descanso, Moacir já trabalha na tarde dessa quinta-feira (12), de olho no próximo compromisso, sábado (14), contra o Moto Clube-MA pela Copa do Nordeste.

TV Replay, o que é bom se repete!

Náutico: Moacir Júnior com uma única dúvida para confirmar o time

Treinador alvirrubro entre Jefferson Renan e Patric Vieira para compor o meio campo

Treinador alvirrubro entre Jefferson Renan 0u Patric Vieira para compor o meio campo

Na noite dessa quarta-feira (11), às 21h20, na Arena Pernambuco, o Náutico entra em campo pela terceira rodada do campeonato pernambucano em busca da sua primeira vitória no certame, e o adversário será o Serra Talhada. O mesmo Serra que goleou o Santa Cruz por 3 x 0 na última rodada do estadual.

Para confirmar a equipe, o técnico Moacir Júnior sinalizou uma única dúvida: Jefferson Renan ou Patrick Vieira para formar o meio de campo alvirrubro. A provável escalação: Júlio César. David, Flávio, Diego e Gáston Filgueira. João Ananias, Fillipe Soutto, Jefferson Renan (Patrick Vieira) e Bruno Alves. Josimar e Renato.

“O Jefferson (Renan) jogou bem a primeira partida, mas na segunda não rendeu o esperado. Mesmo assim ele é importante para a equipe. Eles (jogadores) têm que entender que vou escalar por produção”, esclareceu Moacir.

Sobre a postura do time, e a necessidade da vitória, ele respondeu:

TV Replay, o que é bom se repete!

Para o treinador do Náutico, o time fez um jogo a beira da perfeição

Treinador alvirrubro elogiou a postura do time e lamentou a derrota

Treinador alvirrubro elogiou a postura do time e lamentou a derrota

“Realizamos um jogo a beira da perfeição até os vinte primeiros minutos do primeiro tempo”, com essa frase o treinador do Náutico, Moacir Júnior, começou a sua coletiva pós jogo após a derrota para o Sport por 1×0 no último domingo (09), na Arena Pernambuco.

Apesar da derrota os jogadores do Náutico acabaram surpreendendo dentro de campo, principalmente num quesito considerado fundamental no meio do futebol: vontade! Se ao Sport restou a superioridade técnica e uma maior organização, a equipe do Náutico sobrou em superação.

Com o gol rubro negro sendo bastante questionado, alvirrubros alegaram falta de Danilo no goleiro Júlio César antes da conclusão de Samuel para o gol, os jogadores do timbu saíram de cabeça erguida e aplaudidos pela torcida.

Sobre o jogo e a postura da equipe, Moacir Júnior comentou:

 

TV Replay, o que é bom se repete!

Náutico: Moacir afirma que a obrigação de vencer é do Sport

Técnico alvirrubro joga toda a responsabilidade para o adversário no clássico

Técnico alvirrubro joga toda a responsabilidade para o adversário no clássico

No primeiro clássico do ano para o Náutico, e também para o técnico Moacir Júnior, o adversário é o favorito, Sport. Ciente da base mantida pelo adversário, e da equipe em formação que ainda é o Náutico, o treinador alvirrubro foi logo dizendo: “A obrigação de vencer a partida, está do lado de lá”.

Sem ainda definir o time, pois aguardará até o último momento pra saber se contará com o zagueiro Elivelton, e o atacante Stéfano Yuri, ambos saíram machucados no jogo contra o Salgueiro pela Copa do Nordeste, Moacir não esconde que seria interessante tê-los no jogo, e falou também do próprio Sport:

O provável time do Náutico: Júlio César. David, Flávio, Diego (Elivelton) e Gáston Filgueira. João Ananias, Fillipe Soutto, Hélder Ribeiro e Bruno Alves. Josimar e Renato (Stéfano Yuri).

O jogo acontece às 18h30 desse domingo (08) na Arena Pernambuco.

TV Replay, o que é bom se repete!

Náutico: Moacir Júnior – “Não iremos realizar mudanças bruscas na equipe…”

Treinador pretende realizar mudanças em duas posições

Treinador pretende realizar mudanças em duas posições

No último treino realizado antes da estreia do Náutico pela Copa do Nordeste, o técnico Moacir Júnior sinalizou duas dúvidas para o confronto contra o Salgueiro, às 19h45, nessa quinta-feira (05), na Arena Pernambuco.

Na movimentação dessa quarta-feira (04), Moacir realizou um coletivo e mandou a campo a seguinte formação: Júlio César. David, Elivelton, Flávio e Gáston. João Ananias, Fillipe Soutto, Jefferson Renan e Bruno Alves. Renato e Josimar.

Depois ele tirou Jefferson Renan e colocou Hélder Ribeiro, e no ataque sacou Renato colocando Stéfano Yuri. Quando perguntado se ele iria promover a estreia de Fillipe Soutto e do Stéfano Yuri no jogo contra o Carcará, foi enfático: “Não iremos mudar muito na estrutura do time, não vou realizar mudanças bruscas, já que temos uma boa base montada”.

Sobre Fillipe Soutto e Stéfano Yuri: "São excelentes opções."

Sobre Fillipe Soutto e Stéfano Yuri: “São excelentes opções.”

TV Replay, o que é bom se repete!