Cachoeirinha/ São Caetano-PE: Policiais apreendem caminhão que supostamente havia sido roubado por dívida familiar

Nesta quinta-feira (14), a equipe do GATI realizava rondas pela cidade de Cachoeirinha, situada no Agreste Pernambuco, momento em que foi informada pelo PC 65 que um caminhão Mercedes 1113 de cor Azul, carregado de garrafões de água, havia sido tomado em um assalto na cidade de São Caetano-PE, por dois elementos.

Segundo os PM’s, ao passarem em frente a prefeitura da cidade de Cachoeirinha, os mesmos avistaram um veículo com as mesmas características citadas acima. Ao se aproximar do carro, a equipe avistou dois homens sentados ao lado do caminhão e ao abordá-los, o automóvel constava com roubado nos registros da PM.

Point Blur_Jan152016_183734

Os dois elementos se identificaram aos policiais como irmãos da proprietária do caminhão, onde alegaram que a mesma possuía uma dívida com os mesmos e por não quitá-la, eles teriam se apropriado do veiculo. (Relatos feitos pelos Policiais conforme B.O)

Os mesmos foram conduzidos e apresentados junto com o veículo na DP da cidade de São Caetano, para serem tomadas as medidas cabíveis.

Participaram da ocorrência:

  • Sgt Aciole;
  • Sd C. Alberto;
  • Sd Wilton;
  • Sd Wadenberg;
  • Sd T. Bezerra;
  • Sd Artur Neto;
  • Sd Freitas Junior.

Panelas-PE: Dois irmãos de 10 e 14 anos foram assassinados

Na manhã dessa terça-feira (02/07/2013), um duplo homicídio foi registrado pela Policia na cidade de Panelas, Agreste do Estado. As vitimas, os irmãos Cássio Olavo da Silva, conhecido Perua, de 14 anos, foi executado com 3 tiros na cabeça e o irmão Rosenaldo Olavo da Silva, conhecido Olho de Brecha, 10 anos, foi executado com dois tiros um na cabeça e outro no pescoço, eles residiam na conhecida Rua do Pato, e o Perua morreu abraçado ao corpo do irmão de 10 anos, o Olho de Brecha.

Segundo informações da polícia, os irmãos eram usuários de crack e maconha e eram envolvidos na pratica de vários furtos na cidade. O senhor Agnaldo Olavo da Silva, pai das vitimas, disse que pelo comportamento dos filhos, já esperava por isso e sabia que os filhos vinham sofrendo ameaças de morte.

DSC_0293 DSC_0294 DSC_0297 DSC_0298 DSC_0300 DSC_0301 DSC_0312 DSC_0314 DSC_0321
Os corpos dos irmãos foram encaminhados ao IML de Caruaru.

Homem é vítima de uma tentativa de homicídio em Caruaru. Os agressores que são irmãos foram presos pela PM

A vítima está entre a vida e a morte.

A Polícia Militar foi acionada para uma tentativa de homicídio por volta das 19: horas do último domingo (09), na rua Rosa de Medeiros, Favela da Cagepe, no bairro Divinópolis. A vítima, Junior Antonio da Silva, de 30 anos, reside na Rua Notredame, bairro Severino Afonso. Ele foi esfaqueado no pescoço por Manoel Luis da Silva Andrade, vulgo “Môco”, 23 anos, residente na rua Manoel Alves, bairro Fernando Lyra, que teve a ajuda do irmão, Marcos Luis da Silva Andrade, vulgo “Doutor”, de 34 anos, que mora na rua aonde aconteceu o fato e já foi preso por Maria da Penha.

De acordo com o soldado Santos Silva da Caça Homicida 02, que tem ainda como integrantes Moreira e Freire, a briga teve início entre a vítima e o “Môco” que chamou o irmão que acabou participando da pancadaria e em dado momento foi em casa e pegou uma faca-peixeira para o “Môco” matar o Junior, “Môco” desferiu uma violenta facada e atingiu o pescoço da vítima que foi socorrida desacordada para o HRA, em seguida devido ao seu estado clínico ser gravíssimo foi encaminhado ao Hospital da Restauração no Recife, onde permanece em observação.

De posse das informações da autoria do delito, os policiais foram até a casa do “Môco” e o encontraram dormindo, ele foi preso e o irmão que teve um ferimento, por ter sido atingido com uma paulada na cabeça, foi localizado e preso quando buscava socorro no HRA.

Moreira, Santos Silva....

Apresentados no plantão da Delegacia Regional, os irmãos foram autuados em flagrante delito por tentativa de homicídio, em seguida foram encaminhados ao presídio de Caruaru.

e Freire da GE Caça Homicida 03, prenderam os acusados.

"Môco"

"Doutor"