Recife–PE: Moradores terão curso de mediação de conflitos    

O Programa Governo Presente e Secretaria  Executiva de Justiça e Direitos Humanos (SEJUDH ), lançou o curso de formação de mediadores de conflitos para comunidade de Entra Apulso.

No último dia (14/10), na Escola Estadual Professora Inalda Spinelli, localizada na Rua Jonathan de Vasconcelos s/n na comunidade de Entra Apulso, no bairro de Boa Viagem,  uma reunião com lideranças e representantes da comunidade.

f4

O objetivo da reunião, foi de dar publicidade aos moradores deste curso , através das lideranças e articuladores na comunidade.

f3

A Sra. Alessandra de Lima coordenadora técnica da Gerência de Prevenção e Mediação de Conflitos (GPMC)  nos falou dos critérios e conteúdos do curso.

f2

“O curso tem como objetivo, apoiar o desenvolvimento comunitário na prevenção e mediação de conflitos.

Deste modo, buscarmos  prevenir a violência a partir da ação da própria comunidade, com a força que as pessoas tem, através de suas organizações comunitárias.

Pode participar do curso: moradores da comunidade, lideranças comunitárias, ONG’s/instituições, agentes de cidadania e organizações comunitárias, sendo necessário para as pessoas físicas, serem maiores de 18 anos.”

f1

O curso ele terá quatro módulos , com o total de 40 horas aulas dividido em 10 encontros. Os interessados deverão entrar em contato com a equipe de mediação da Estação Governo Presente de Santo Amaro. Através dos números abaixo.

Gerência: 3183-3160/3183-3192 ( Alessandra)

Técnicas : 9133-3113 (Samiramis/ Manina)

No próximo dia 21/ 10/ 2014 as 18h e :30mts na Escola Inalda  Spnelli na comunidade.

Reportagem e Imagens: Flávia Barros

TV Replay o que é bom, se repete!

Recife-PE: Dia de alegria para os pequenos na comunidade de Entra Apulso

Dia 12 de outubro, sinônimo de alegria, presentes e muita diversão, e foi deste jeito que muitas crianças da comunidade de Entra Apulso, no bairro de Boa Viagem, passaram o domingo.

Nossa equipe, esteve na Rua Bruno Veloso, e encontramos muitas crianças em clima de festa, pipoca, algodão doce, cachorro quente, sucos e bastante água para refrescar o dia quente.

f1

Conversamos com a responsável por toda essa festa de felicidade a Sra. Jaiza Métodio, moradora da comunidade há mais de trinta anos, que nos falou da alegria de fazer essa festa:

f2

“Já fazemos essa festa há 7 anos, com muitas dificuldades, com ajuda de moradores, do Instituto Shopping Recife, e principalmente com ajuda da minha família.

Tivemos época que tínhamos 23 voluntários, hoje são apenas eu, minha família e alguns moradores.

Muita gente acha sacrifício, doar um dia para dar alegria para essas crianças, mais eu continuo e acredito.

Nossa comunidade, esta carente de tudo, educação, saúde e principalmente lazer para os futuros cidadãos da comunidade.”

A Sra. Maria Jose do Nascimento, também entrou no clima, e colocou a meninada para brincar.

f3

“É muito bom ver a alegria desses pequenos, eu vim com meus netos e também estou aproveitando a festa, pois mesmo com ausência do governo dentro da nossa comunidade, com a falta de políticas públicas voltadas aos jovens e as crianças, não iremos desistir dos nossos sonhos.”

A diversão estava completa, não encontramos nenhum dos atrativos vazios, pula pula, piscina para refrescar o dia, dança da laranja, cabo de guerra, tudo que criança gosta.

f5 f6E para encerrar a festa, não podia faltar o principal, um lindo bolo e um parabéns  mais que especial para essas crianças.

 Reportagem e imagens: Flávia Barros

TV Replay o que é bom, se repete!

Recife-PE: Escola Estadual pede Patrulha Escola por temer violência

Após o recebimento de uma denúncia, nossa equipe foi até a Escola Estadual Inalda Spinelli, localizada na Rua Jonathas de Vasconcelos s/n, Boa Viagem, para verificar falta de segurança em que vive os alunos.

f1

Fomos recebidos pela Diretora, a Sra. Eliude Melo, onde nos foi informado que há um ano que a escola está sem segurança nenhuma por parte da patrulha escolar.

f2

A escola tem mais 1200 alunos com três turnos, do 4°ano do ensino fundamental  ao 3° ano do ensino médio.

Já faz um ano que solicitamos ao Batalhão da Policia Militar, as rondas do Programa Patrulha Escolar e o retorno que foi passado é que existem outras escolas que o número de índice de incidentes são maiores e graças a deus a nossa escola ainda não está com esse número significativo, então nessa fila de espera ainda não chegou a nossa vez.”

Estamos trabalhando normalmente, mais sentimos a necessidade da segurança porque eu acredito que toda escola precisa de uma dupla de policias sempre, porque nem sempre a violência está dentro da escola ela também está fora e muitas vezes quando as aulas terminam os fatos acontecem lá fora.

Por isso que no meu entendimento, toda escola deveria ter segurança, se não dentro mais diariamente aquelas rondas em vários horários. Isso passaria segurança para os alunos, professores e a comunidade.”

Tentamos entrar em contato com o Batalhão responsável pela área mas no momento do nosso contato o comandante não estava interno, ficando da nossa equipe voltar em outro horário para verificar a possibilidade do pleito dos professores, diretora e alunos.

f5 f4 f3

Assista, comente, curta, compartilhe e divulgue. Mande sugestões e críticas. Nossos contatos:

Facebook: TV REPLAY

Email: jornalismo@tvreplay.com.br

Portal: www.tvreplay.com.br

Whatsapp./ Viber:  81- 9931-7525

TV Replay o que é bom se repete!

Reportagem e imagens: Flávia Barros

Recife-PE: Moradores sofrem com esgoto correndo a céu aberto

Rua 6° travessa Bruno Veloso, comunidade Entra Apulso, este é o endereço onde mora uma Senhorinha de 65 anos conhecida por todos como Vó Jardelina, (Jardelina Maria de Santana), moradora há mais de 20 anos na localidade e ao ver nossa equipe fez questão de chamar-nos e pedir para que mostrássemos a realidade em que vive numa tentativa de sensibilizar alguma autoridade municipal a resolver um problema que não é só dela e sim da comunidade quase toda que sofre com a falta de saneamento básico.

fj 4

São verdadeiros rios de esgoto a céu aberto, fezes são facilmente encontradas espalhadas pelas calçadas, bem, como o odor de urina, este é o cenário existente na travessa e como a Sra. Jardelina é idosa e tem dificuldades de locomoção o problema se torna ainda maior, pois não há pavimentação em sua rua.

fj 1

E um sofrimento minha caminhada dentro dessa comunidade e os esgotos aberto, os moradores colocam tabuas porque se não conseguimos andar. Sofro de reumatismo saio mim arrastando e segurando pelas paredes é um absurdo as pessoas só aparecem em época de eleição e vão embora. Eu tenho esperança de estar viva para ver a solução.

Acompanhamos o trajeto de dona Jardelina até a sua casa e vimos o sofrimento dela. Pois o acesso é precário.

Durante a reportagem nossa equipe encontrou-se com os Agentes de Direitos do Programa Governo Presente fazendo o acompanhamento das famílias da comunidade.

Informamos a situação aos Agentes de Direito para que fosse encaminhado como situação de risco para a secretária competente,  iremos esperar a resposta do Governo Presente de encaminhamento da demanda para voltarmos a rua e levarmos as boas novas a vó Jardelina

fj2 fj3

Reportagem e Imagens: Flávia Barros

TV Replay, o que é bom se repete!

Recife-PE: Árvore deixa em risco a vida de moradores na comunidade de Entra Apulso

Nossa equipe esteve no último dia (14/09) a pedido dos moradores da comunidade, na Rua Desembargador Jose Neves, no bairro de Boa Viagem na comunidade Entra Apulso, onde moradores das casas dos números 832, 830 e 75 estão correndo risco de morte, em função de uma árvore que esta prestes a tombar.

 f 1

A moradora Sra. Maria das Neves, dona de casa reclama da insegurança sobre sua casa.

“Eu moro com meus filhos e netos e minha mãe de 60 anos, não tenho paz, porque a todo tempo fica caindo galhos da árvore, estou vendo a hora de bater na cabeça da minha mãe ou das crianças, minhas paredes com rachaduras, não tenho nem calçada na frente de minha casa porque a raiz da arvore não para de crescer.”

f 2

Outra moradora da Rua com a casa de numero  830, a Sra. Alda Valeria de Souza fala também dos riscos e danos causados pela árvore.

“Os galhos quando caem ai no meu telhado ficam tapando a passagem da água nas telhas, deixando a casa com goteiras e mofo. Não é apenas danos matérias, é a vida de pessoas que circulam diariamente aqui na rua.”

 f 3

 A Sra. Erica dos Santos, moradora da casa n°75, também se queixa da árvore.

“Meu muro está totalmente rachado, cuido de 3 crianças e não posso deixar eles brincarem na área porque tenho medo do muro cair, ou um galho machucar elas e se a árvore cair junto, vai os fios da CELPE e de telefones, que tem entre os galhos. Moro há dez anos nesse endereço e há nove anos espero solução das partes públicas, entra candidato sai candidato e nada se resolve, quando houver algo pior ai sim, vai aparecer todo mundo.”

 f 5 f 4

 f 6 f 7 f 8Nossa equipe tentou entrar em contato com a EMLURB (Companhia Municipal de Limpeza Urbana) que é responsável pela polda de árvores na cidade, mas até o fechamento desta matéria não nos foi dado nenhum retorno.

Reportagem e imagens: Flávia Barros

TV Replay o que é bom se repete!

Recife-PE: Moradores da comunidade Entra Apulso se reúnem para discutir plano urbanístico

Aconteceu no último dia (02/09), na Associação dos moradores de Entra Apulso que fica localizada na Rua Jorge Couceiro da Costa Eiras,110 no bairro de Boa Viagem Recife, uma assembléia dos moradores para discussão do plano urbanístico da comunidade.   .

 f 1 ??????????

A comunidade existe ha mais de 70 anos no bairro de Boa Viagem, onde era mangue hoje esta aos olhos das construtoras e comércios, por ser uma área nobre. A maior  luta dessa comunidade é a urbanização da Rua Bruno Veloso, que fica dentro do estacionamento do Shopping Recife, localizado enfrente a comunidade.

 ??????????

Segundo a Sra Jaiza Metodio representante titular da COMUL de Entra Apulso, este plano foi escolhido em reunião junto com a comissão de urbanização,  no dia 27 de novembro de 2013. Onde foi definido o projeto com a abertura da rua Bruno Veloso com expansão de 16 metros de largura e a retirada das canaletas que passa o esgoto do shopping para fora da comunidade. Mais esse projeto não foi aceito porque esta totalmente diferente do que foi escolhido.

??????????

“Eles acham que Entra Apulso é órfã de pai e mãe, mais aqui tem pessoas que lutam para melhoria da comunidade”desabafou com esperança.”

Presente na Assembléia o Sra Jeize Zanon representante da URB Recife, que nos falou sobre a apresentação do projeto que foi eleito pela comunidade, onde sofreu alteração por conta que o nível da comunidade não permite algumas definições.

 ??????????

Presente também na assembléia o Sr° Paulo Virgínio onde em seu pronunciamento falou falou sobre a invasão das grandes empresas e a especulação mobiliaria que esta avançando dentro da comunidade, onde os terrenos indicado  pela comunidade para o seguimento do plano urbanístico foram ocupados por essas empresas.

 ??????????

A vereadora Isabella de Roldão que acompanha esse processo do plano urbanístico de entra apulso há mais de um ano, lamenta a não aceitação da comunidade sobre o projeto apresentado pela Prefeitura, que esta sendo refeito e reformulado mais uma vez hoje.

??????????

“Não foi decidido nada hoje, então vai ser mais um processo de discussão e a comunidade precisa decidir se aceita ou não o projeto apresentado pela prefeitura que seja viável e benéfico para comunidade. E essa decisão vai ser levada para uma grande assembléia dia 16 de setembro de 2014 na câmera municipal dos vereadores de recife às 9h, onde a mesma convida todas as  secretarias competentes como: EMLURB, URB RECIFE, COMUL ENTRA APULSO, ASSOCIAÇÃO DOS MORADORES DE ENTRA APULSO, SEC DE MOBILIDADE, COMPESA, SEC DE HABITAÇÃO, SEC DE SANEAMENTO, REPRESENTANTES DO SHOPPING RECIFE A SECRETÁRIA EXECUTIVA LUCIANA AZEVEDO e principalmente a comunidade.”

f 8

Encerrando a Assembléia o presidente da Associação dos Moradores de Entra Apulso o Sr. LOTT SENNA falou da luta da comunidade com URB e EMLURB para a urbanização da comunidade, que no dia 27 de novembro de 2005 foi definido o projeto que seria . 2 mt de calçada, 2mt de ciclovia, 10mt de enrolamento e 2mts de calçada, fosse cumprido mas o Shopping Center Recife e a CONIC construtora, vem dificultando a execução do  projeto.

E fala também que a comunidade é carente não apenas da urbanização mais de educação,saúde,segurança e lazer.

Reportagem e imagens: Flávia Barros

TV Replay, o que é bom se repete!