Governo lança programa para levar internet de alta velocidade às escolas do país

O governo federal lançou ontem (23) a Política de Inovação Educação Conectada, programa que prevê conectividade na rede de ensino do país. A medida é uma parceria entre os ministérios da Educação (MEC) e da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e pretende universalizar o acesso à internet de alta velocidade nas escolas, a formação de professores para práticas pedagógicas mediadas pelas novas tecnologias e o uso de conteúdos educacionais digitais em sala.

594900a91d41c80565e5f1d8

Segundo o MEC, a etapa inicial do programa receberá R$ 271 milhões até 2018 e deve atender a 22 mil escolas em todo o país. Desse total, R$ 255,5 milhões serão aplicados na melhoria da infraestrutura e conexão das escolas, o que inclui a ampliação da rede terrestre de banda larga, serviços de conectividade, infraestrutura de wi-fi, compra de dispositivos e aquisição de um satélite de monitoramento.

Cerca de R$ 15,5 milhões serão destinados ao financiamento da formação de articuladores locais, construção de plataforma para cursos online e produção de conteúdos específicos. A previsão do Ministério da Educação é que até 2024 todas as escolas do país recebam conexão de alta velocidade.

De acordo com ministro da Educação, Mendonça Filho, a medida deve beneficiar 12,8 milhões de alunos, o correspondente a 40% do total de matriculados nos ensinos fundamental e médio.

O presidente Michel Temer disse que a medida leva “o Brasil para o século 21”. “Em poucas décadas, nós sabemos, a internet transformou a vida de todos. Jamais tivemos um volume de informações tão ao alcance”, afirmou. “Agora, com essa Educação Conectada, vamos trazer de vez o mundo digital para as nossas escolas. Não se trata apenas de entregar equipamentos e promover acesso à educação, mas trata-se, mais que tudo, de preparar nossos jovens para interagir com uma realidade que se renova a cada dia”.

Uso pedagógico

O programa Educação Conectada prevê um plano de formação continuada para professores e gestores com cursos específicos sobre práticas pedagógicas mediadas por tecnologia, cultura digital e recursos educacionais como robótica. Segundo o MEC, entre 2017 e 2018 serão oferecidas bolsas de três meses para 6,2 mil articuladores que atuarão localmente, no processo de construção e implementação de ações na rede de ensino.

O programa também inclui a Plataforma Integrada de Recursos Educacionais Digitais, que foi produzida com base no conceito de rede social. A plataforma vai integrar materiais digitais já desenvolvido pelo Ministério da Educação e por instituições parceiras. A adesão à plataforma já está disponível por meio do Sistema Integrado de Monitoramento, Execução e Controle (Simec). As secretarias de educação estaduais e municipais indicarão as escolas que desejam compartilhar a nova política e que, posteriormente, deverão apresentar um plano de inovação e tecnologia da educação de acordo com calendário a ser divulgado pelo MEC.

Hospital do Câncer da Amazônia

Pela manhã, Michel Temer participou da inauguração da segunda parte do Hospital do Câncer da Amazônia, em Porto Velho (RO). A nova unidade é responsável por distribuir e ampliar os serviços oferecidos pela matriz, o Hospital do Câncer de Barretos (SP), basicamente com os mesmos serviços: quimioterapia, radioterapia, pesquisa, banco de tumores, emergência, radiologia com duas salas de raios-X, três aparelhos de ultrassom, uma ressonância magnética, um mamógrafo e um para tomografia.

Além disso, o Hospital de Câncer da Amazônia terá também laboratório de análises clínicas com seis salas de coleta e duas salas de exames, ambulatório com 20 consultórios, centro cirúrgico com quatro salas cirúrgicas, internação geral com 24 leitos, pediátrica com 16 leitos, indígena com 20 leitos e unidade de terapia intensiva (UTI) com oito leitos.

Por Agência Brasil

Procurador no Ceará pede suspensão das provas do Enem

Exame está marcado para ocorrer este fim de semana, mas ocupações nas escolas estão adiando as provas para mais de 191 mil estudantes

O procurador da República no Ceará, Oscar Costa Filho, ajuizou uma ação na 8ª Vara da Justiça Federal do estado pedindo a suspensão das provas do Enem em todo o país, que estão programados para ocorrer neste fim de semana. Segundo o Ministério Público Federal no Ceará, a redação é o principal motivo para o impasse em dividir o Enem em duas provas, já que existiriam dois temas diferentes. Além disso, os estudantes que fariam a prova depois teriam mais tempo para se preparar. 

1

Os exames estão oficialmente agendados para este sábado (5/11) e domingo (6), porém, devido a ocupações em 304 escolas em todo o país, eles serão realizados em 3 e 4 de dezembro para para 191.494 estudantes.

Estudantes do país ocupam colégios há cerca de um mês, em oposição à Medida Provisória que prevê reforma no Ensino Médio e a Proposta de Emenda de Emenda à Constituição (PEC) 241. Apesar das ocupações, o Instituto Nacional de Educação e Pesquisa (Inep) afirmou que o cronograma das provas não será alterado e não houve tempo necessário para encontrar outros locais de prova para evitar  adiamento.

No Distrito Federal, cinco escolas que receberiam o Enem estão ocupadas:

CEM 304 de Samambaia 

CEM Taguatinga NoRte (CEMTN) 

Centro Educacional 1 de Planaltina (Centrão) 

Instituto Federal de Brasília (IFB) – Campus Riacho Fundo I 

Instituto Federal de Brasília (IFB) – IFB Campus Samambaia

Do Correio Braziliense

Cachoeirinha-PE: Crianças, jovens e adultos vão às ruas durante ação de combate ao Aedes aegypti

Em pleno século XXI, na era mais moderna de todos os tempos, com constantes avanços científicos, o Brasil está sendo palco de um cenário que representa o medo e ao mesmo tempo, uma população que se dedica em fazer com que este sentimento deixe de existir.

Crianças estão nascendo com malformação no cérebro, onde a doença que está em alta no país, a microcefalia, já tomou conta de cerca de 580 recém-nascidos. Segundo estudos clínicos de especialistas da saúde que desde o ano de 2015 dedicam-se em encontrar a causa desta doença, há a suspeita de que as mamães contraíram o Zika Vírus durante a gravidez, sendo este o motivo no qual fez com que o desenvolvimento fetal de suas crianças fossem modificados.

A outra doença que tem tomado conta da população brasileira, principalmente os nordestinos pernambucanos, é a chikungunya. O mosquito Aedes aegypti é o transmissor da dengue e das doenças citadas acima, e o que mais se vê e ouve nos telejornais e até mesmo em comerciais de televisão ou rádio, são as mobilizações que têm sido realizadas nas cidades brasileiras, onde o combate ao Aedes aegypti é o motivo principal das ações.

Na cidade de Cachoeirinha-PE não é diferente. No início desta última semana, uma equipe do NASF (Núcleo de Apoio a Atenção Básica) esteve na Escola de Referência e Ensino Médio Corsina Braga, onde na ocasião profissionais da saúde do município presidiram palestras acerca dos tópicos utilizados como meios de combater o mosquito nas residências dos alunos. Com o tema “Juntos na luta contra o Mosquito Aedes Aegypti – Promoção e Prevenção à saúde”, estes servidores públicos também estiveram percorrendo as escolas da rede municipal de ensino durante toda a semana.

IMG-20160225-WA0002 IMG-20160225-WA0004 IMG-20160225-WA0006 IMG-20160225-WA0007 IMG-20160225-WA0008 IMG-20160225-WA0009 IMG-20160225-WA0010 IMG-20160225-WA0011 IMG-20160225-WA0015

Já nesta sexta-feira (26), aconteceu uma ação conjunta entre todas as secretarias municipais, redes de ensino estadual e municipal, onde alunos, professores e servidores públicos foram às principais ruas da cidade, em passeata, trajando roupas à caráter como de especialistas da saúde, carregando cartazes que levavam frases educativas que transmitiam mensagens relacionadas ao combate ao mosquito e distribuição de panfletos.

10400214_1710202945861814_7653532907913079101_n 12043053_1710203915861717_9021411758094448503_n 12096609_1710204992528276_3581039598161805630_n 12512259_1710203089195133_1315780528348636722_n 12729214_1710205055861603_7744139544341543582_n 12790876_1710204882528287_1741964615349477991_n 12791040_1710203842528391_524222871738618717_n 12794494_1710205189194923_5748766627859602035_n 12794540_1710202509195191_3231873498550426389_n 12795439_1710202839195158_1058190188269602917_n 12799091_1710205315861577_4863634866151743333_n 12801612_1710204665861642_7957972729918662721_n 12802847_1710202665861842_8197259734642830380_n 12802955_1710205379194904_2857256777967497156_n 12805654_1710203165861792_2841265131287705202_n 12805741_1710203262528449_7743246118919208270_n IMG-20160226-WA0051 IMG-20160226-WA0052 IMG-20160226-WA0054 IMG-20160226-WA0055

É importante ressaltar que o objetivo desta ação que envolve crianças, jovens  e adultos, estudantes, gestores e funcionários públicos em geral, é o de chamar a atenção da população e transmitir as informações necessárias para que todos os moradores cachoeirinhenses tenham o conhecimento de como deve-se combater o Aedes dentro de suas residências. O trabalho de eliminar a proliferação do mosquito não cabe apenas aos agentes de endemias ou de saúde, mas sim de todo ser humano que tenha a consciência de que pode fazer algo em prol do benefício social.

Há um princípio bíblico que diz: “Ensina o teu filho no caminho em que deve andar e mesmo quando for idoso, não se desviará dele” – (Provérbios 22:6). Educa o teu filho a não jogar papel de bala no chão, ensina-o a emborcar garrafas plásticas ou de vidro que estejam em suas casas, peça ajuda ao seu filho na hora de cobrir a cisterna com a tela de proteção ao mosquito e ensine-o a afastar-se da mesma quando não houver a supervisão de um adulto.

O combate começa em casa, quando toda a família fiscaliza as atitudes que são essenciais para eliminar a proliferação do mosquito. Ações como esta, realizada nesta sexta (26), mostra que há pessoas que estão preocupadas com a qualidade de vida da população. Faça a sua parte, pois se cada um colaborar, com certeza o futuro será bem melhor.

Fotos: Divulgação/ Redes Sociais.

Caruaru-PE: Cartão LEVA já cadastrou 20 mil usuários do transporte coletivo

PRF_2579

Foto: http://www.blogdeigormaciel.com.br

Os primeiros meses de cadastro do cartão LEVA realizado em 2013 pela Associação das Empresas de Transportes de Passageiros de Caruaru – AETPC, registra um total de cerca de 20 mil usuários presenciais do transporte público cadastrados no Sistema de Bilhetagem Eletrônica de Caruaru – SIBE. Desde o dia 4 de novembro, quando deu início ao procedimento, foram cadastrados 10.129 idosos, 1.990 servidores públicos, 2.898 usuários comuns, 269 estudantes, 1.800 pessoas com deficiência, 810 empresas e 188 escolas.

Em um prazo de um ano, a estimativa é que cerca de 90% dos usuários de todas as categorias estejam inseridos no sistema de bilhetagem eletrônica no município. A primeira fase do cadastro encerra no dia 28 de fevereiro de 2014, a partir daí, ações específicas serão desenvolvidas, para que pessoas que pagam em dinheiro façam uso do sistema.

“Esperamos que o sistema esteja em pleno funcionamento ate o final de março de 2014 e daí termos um panorama do que é transportado em Caruaru, observando todas as categorias. Isso vai facilitar muito na tomada de decisão das empresas”, ressalta Ricardo Henrique, diretor institucional da AETPC.

Empresas – O que mais chamou a atenção foi o número de empresas e escolas cadastradas que dobrou, em relação à quantidade de vales transportes em papel, comprado na Destra. Com o bilhete eletrônico, as empresas passam a contar com um serviço rápido na hora da compra dos créditos e passagens para os funcionários por meio do www.cartãoleva.com.br .

TV Replay, o que é bom se repete!

Caruaru-PE: Jajá reune imprensa e presta contas de mandato

O vereador Jajá (PPS), reuniu a imprensa na manhã dessa terça-feira (17), num café da manhã para prestar contas do mandato. O pós-comunista fez um resumo das ações no ano e relembrou fatos importantes sobre o primeiro ano do mandato na Câmara Municipal de Caruaru. O número de requerimentos, projetos de Leis e indicações foi apresentado por ele é pela assessoria, com ações significativas durante o ano de 2013. O vereador ainda apresentou slides com as visitas que ele fez durante o ano em vários locais, como escolas, hospitais e prédios públicos.

A assessoria de imprensa do edil apresentou material com os bairros mais beneficiados pelo vereador. De acordo com o material, os bairros Petrópolis, Pinheirópolis e José Carlos de Oliveira foram os mais citados pelo edil em 2013. Na ocasião, Jajá destacou a dificuldade em ser oposição e citou vários exemplos em que eles deixou de ser atendido, por não ser da base governista. Ele disse ainda que o ano de 2014 será de mais desafios para conseguir mais ações para ele e toda equipe.

Fonte: http://blogdomarioflavio.com.br/vs1/

Assista, comente, curta, compartilhe e divulgue. Mande sugestões e críticas.

Nossos contatos:

Facebook: TV REPLAY

Email: tvreplay@tvreplay.com.br

Site: www.tvreplay.com.br

Confira!

TV Replay, o que é bom se repete!

Campanha de combate à violência contra a mulher será levada com música para as escolas de todo o país

A segunda fase da campanha de combate à violência contra a mulher, lançada hoje (22), no centro da capital fluminense, vai focar as ações na conscientização de crianças e adolescentes. Serão apresentados dois videoclipes musicais em escolas, um gravado por artistas e outro por crianças, para informar os jovens sobre os altos índices de violência doméstica.

O evento de lançamento da campanha “Quem ama abraça – fazendo escola” reuniu centenas de estudantes, mulheres e artistas. O projeto foi idealizado em conjunto pela Rede de Desenvolvimento Humano (Redeh) e o Instituto Magna Mater (IMM), com o apoio do governo federal, por meio da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres e do Instituto Avon.

A ministra Eleonora Menicucci, titular da pasta, considerou fundamental que o foco dessa campanha seja voltado para crianças e adolescentes. “Com ela [a campanha] eu tenho certeza de que conseguiremos mudar valores e cultura que são impregnados nas crianças que passam a achar até natural a violência contra as mulheres. Por outro lado, eu tenho certeza que essa campanha nas escolas vai mudar definitivamente essa cultura”.

1

A campanha vai promover ações em todo o território nacional no ano de 2014 para conscientizar os cidadãos e diminuir o número de mortes de mulheres no Brasil. De acordo com estatísticas divulgadas pela Redeh, a cada duas horas, uma mulher é assassinada no país; 30% das mulheres já sofreram algum tipo de violência doméstica; e, a cada dois minutos, cinco mulheres são violentamente agredidas. Em 2012, 50.617 casos de estupro foram registrados.

O secretário de estado de Assistência Social e Direitos Humanos, Zaqueu Teixeira, ressaltou a importância do Rio de Janeiro no lançamento da campanha. “A campanha dá o pontapé para os 16 dias de ativismo contra a violência praticada contra as mulheres. Nós temos o orgulho de receber a campanha. E o Rio de Janeiro é o tambor. Tudo o que a gente faz aqui repercute bem. Eu vejo que trabalhar o não preconceito, trabalhar o amor junto às crianças é fundamental porque elas é que serão os balizadores do nosso futuro”, disse o secretário.

A cantora Leila Pinheiro, que trabalhou como diretora musical do clipe feito pelas crianças, disse que, por meio dos jovens, é mais fácil sensibilizar um adulto. “Acho que, pelas crianças, os adultos se sensibilizam de uma forma mais forte, mais contundente. As crianças sofrem por ver a mãe sendo vítima da violência. Ficou lindo [o clipe]. A música do Gabriel Moura e do Rogê é espetacular. Tomara que caia nos ouvidos do Brasil e que a gente consiga reduzir esses índices astronômicos de violência contra a mulher”.

O lançamento da segunda fase da campanha ocorre dentro dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência, de 25 de novembro, quando é celebrado o Dia Internacional de Luta pela Não Violência contra as Mulheres, a 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos. No dia 25, o Cristo Redentor, no Corcovado, zona sul do Rio, será iluminado com a cor lilás. Já o estádio Jornalista Mário Filho, o Maracanã, exibirá em todos os jogos mensagens pelo fim da violência contra as mulheres.

A iniciativa integra o Programa Mulher, Viver sem Violência, que visa a sensibilizar e conscientizar a população sobre os direitos das mulheres e o fim da impunidade para seus agressores. As campanhas “Compromisso e atitude pela Lei Maria da Penha” e “Desperte para essa causa”, também fazem parte do programa federal.

Edição: Lana Cristina

Fonte: Agência Brasil

Programa Tema Livre #03 – Preconceito




Apresentando:
Wagner Alex
Convidados:

Roberto Peixoto – Diretor do Colégio Criativo
Antonio José Trajano – Diretor do Sindicato dos Professores
Emanuella Chagas – Psicologa

Temas:

Preconceito na sociedade e Bullying nas escolas e seus efeitos

 

Altinho-PE: 5ª Copa Pernambucana de Bandas e Fanfarras

A Prefeitura de Altinho, no Agreste, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes, em parceria com a Associação de Bandas, Fanfarras e Regentes de Pernambuco, a Abanfare, realiza no próximo domingo (14), das 8h às 21h, no Ginásio Municipal Edvanilson de Barros Melo, a 5ª Copa Pernambucana de Bandas e Fanfarras.

1

De acordo com a organização, a ideia é incentivar a atividade musical nas escolas, além de resgatar os valores cívicos dos jovens. São esperadas 40 bandas e fanfarras de Pernambuco distribuídas entre 2.400 componentes.

Uma comissão julgadora vai avaliar cinco categorias: banda, mor, baliza, regente e corpo coreográfico. Serão premiados os três primeiros lugares.

Fonte: http://ne10.uol.com.br/canal/interior/agreste/noticia/2013/07/11/cidade-de-altinho-recebe-a-5-copa-pernambucana-de-bandas-e-fanfarras-430281.php

Lajedo-PE: Prefeitura entrega Peixe a população carente

A prefeitura realizou nesta quinta-feira (28.03.2013), junto com a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, a distribuição de 10.000 Kg de peixes para a população carente.
Uma das primeiras escolas a receber o caminhão carregado de peixes, foi a Escola Municipal Irene Leão, localizada no bairro Bom Jesus.

Foram 34 escolas públicas municipais, dentre elas: urbanas e rurais que distribuíram o alimento.

TV Replay, o que é bom se repete!

Curtam nossa página no facebook: www.facebook.com/tvreplaybr

Lajedo-PE: Reunião de abertura do ano letivo 2013 – Parte II (Final)

Ocorreu na última quinta-feira (29/02), às 8:30, no Millenium Sport Club, uma reunião preparatória para o início das aulas. O atraso no início das aulas se deu devido ao péssimo estado em que as escolas se encontravam.
Essa reunião teve o objetivo de promover a integração dos professores, visando melhorar a qualidade de ensino do município.
As autoridades que estiveram presentes foram: Prefeito do município de Lajedo, Rossine Blesmany; Vice-prefeito, Ramos; Primeira-dama, Marconeide Félix; Gestor da GRE, Paulo Lins; Diretora de Planejamento e Políticas Pedagógicas, Paula Lisboa; Deputado Estadual, Vinícius Labanca; além dos vereadores, secretários municipais, gestores, e professores.

TV Replay, o que é bom se repete!

Lajedo-PE: Reunião de abertura do ano letivo 2013 – Parte I

Ocorreu na última quinta-feira (29/02), às 8:30h, no Millenium Sport Club, uma reunião preparatória para o início das aulas. O atraso no início das aulas se deu devido ao péssimo estado em que as escolas se encontravam.
Essa reunião teve o objetivo de promover a integração dos professores, visando melhorar a qualidade de ensino do município.
As autoridades que estiveram presentes foram: Prefeito do município de Lajedo, Rossine Blesmany; Vice-prefeito, Ramos; Primeira-dama, Marconeide Félix; Gestor da GRE, Paulo Lins; Diretora de Planejamento e Políticas Pedagógicas, Paula Lisboa; Deputado Estadual, Vinícius Labanca; além dos vereadores, secretários municipais, gestores, e professores.

TV Replay, o que é bom se repete!

TRF garante matrícula de menores de 6 anos no primeiro ano do ensino fundamental em Pernambuco

Decisão tomada nesta quinta-feira (25), por unanimidade, em sessão do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5), assegurou que crianças com menos de 6 anos poderão ser matriculadas no primeiro ano do ensino fundamental nas escolas de Pernambuco. Assim, os menores de seis anos têm o direito assegurado de serem alfabetizados, sem que caiba mais recurso ao TRF5, pois a decisão foi unânime. Se houver recurso dos Ministérios da Educação (MEC) ou Público Federal (MPF), deverá ser feito no Supremo Tribunal Federal (STF) ou Superior Tribunal de Justiça (STJ).

A decisão do desembargador-relator do processo, Lázaro Guimarães não abrangeu todo o País, restringiu-se ao Estado, e vale para o ano letivo de 2013. Autor da ação, o MPF pretendia que a decisão tivesse eficácia para todo o território nacional. “Entendo, assim como decidi nos autos da medida cautelar (MCTR3146), que as Resoluções de n.º 01, de 14/01/2010, de n.º 06, de 20/10/2010, extrapolam a norma legal, que atribui o dever de acesso da criança de seis anos ao ensino fundamental”, afirmou.

Histórico

O MEC editou em 14/01/2010 a Resolução 1. Em 20 de outubro de 2010, editou a Resolução 6, que definia as diretrizes operacionais para a adoção do ensino fundamental, limitando à idade mínima de 6 anos o acesso do aluno. A Resolução 6 fixou diretrizes para o ingresso na pré-escola.

Por considerar inconstitucionais as Resoluções 1 e 6, o MPF ajuizou ação civil pública na Justiça Federal, distribuída para a 2.ª Vara Federal de Pernambuco, requerendo a suspensão das vigências e a garantia da matrícula na 1.ª série do ensino fundamental aos menores de 6 anos. A sentença do juiz Cláudio Kitner foi para permitir a regular matrícula no ensino fundamental, em todas as instituições de do País, das crianças menores de 6 anos, em 31 de março do ano letivo a ser cursado. A decisão proibiu até mesmo a edição de quaisquer normas de conteúdo semelhante.

O Juízo de Primeira Instância determinou que o conteúdo da decisão fosse comunicado a todas as secretarias estaduais de Educação e do Distrito Federal, no prazo máximo de 30 dias, sob pena de incidência de multa diária no valor de R$ 10 mil, revertida igualmente para o Fundo de Defesa de Direitos Difusos. Esse ponto da sentença indicava que a decisão valeria para todo o país.

Fonte: http://www.folhape.com.br