Primavera-PE: Presidente do COMDICA pede que a população vote consciente nas eleições para Conselheiro Tutelar

No próximo dia 04 de outubro, acontecerá em todo Brasil, as eleições para Conselheiros Tutelares.

c1

O Conselho Tutelar da cidade de Primavera-PE será composto por cinco membros eleitos por voto direto da população, que irão exercer um mandato de quatro anos, iniciando em 2016 e finalizando em 2019.

A principal função do conselheiro tutelar é fiscalizar e garantir a proteção da criança e do adolescente.

c2

Na cidade de Primavera, município da Zona da Mata Sul do Estado, a Presidente do COMDICA, Mirian Bezerra de Sá, falou com exclusividade para a nossa equipe sobre o pleito eleitoral.

CAM00146

“As eleições que acontecem neste domingo(04), está tudo dentro da mais cristalina normalidade. Foram feitas várias reuniões do Ministério Público, entre algumas destas, com os candidatos, ficou tudo bem claro do que se pode e não pode fazer neste período eleitoral, bem como no dia da eleição. Estamos com 19 candidatos, que estão concorrendo a cinco vagas, sendo que um  deles ainda está sob recurso, e até que saia esta decisão, a campanha continua normalmente para este candidato, só não posso revelar o nome dele, para não prejudicá-lo. O conselho tutelar é um órgão muito importante para o município, a consciência da população em um momento tão importante é fundamental para que as crianças e adolescentes da nossa cidade, estejam protegidos. Com isso, peço a população que neste domingo vote consciente no seu candidato e no momento em que tivermos o resultado, estaremos divulgando a todos e à imprensa” – afirmou Mirian Bezerra.

As urnas estarão abertas a partir das 8h e encerrando às 16h, com previsão do resultado para as 22h.

TV Replay, o que é bom se repete!

Gameleira-PE: Você já sabe em quem vai votar para conselheiro tutelar? Conheça alguns dos candidatos

Neste domingo, dia 04 de outubro, acontecerá em todo Brasil, as eleições para conselheiros tutelares.

O Conselho Tutelar é composto por cinco membros eleitos por voto direto da população, que irão exercer um mandato de quatro anos, iniciando em 2016 e finalizando em 2019.

Para ser Conselheiro Tutelar, em seu Art. 133 o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente, preconiza que a pessoa deve ter mais de 21 anos, residir no município e possuir reconhecida idoneidade moral, porém cada município pode criar, através de decreto  pode exigir outros critérios para a candidatura a Conselheiro .

Tendo a principal função do Conselheiro, fiscalizar e dar proteção a criança e o adolescente.

Na cidade de Gameleira, município da Zona da Mata Sul do Estado, houve uma recomendação do Ministério Público, para que fosse realizada uma nova prova com os candidatos, porém todos entraram com recurso, e segundo o presidente do COMDICA, Roberto Batista, a eleição permaneceu mantida para amanhã, dia 04 de outubro.

Na cidade estão apitos a serem votados 15 candidatos, confira alguns dos candidatos a conselheiro tutelar do município.

CT1 ct2 ct3 ct4 ct5

CAM00046

CAM00047 CAM00048

CAM00049 CAM00052

CAM00060 CAM00061

CAM00063

CAM00065 CAM00066 CAM00067

CAM00068

TV Replay, o que é bom se repete!

Gameleira-PE: Presidente do COMDICA afirma que a eleição para Conselheiros Tutelares permanece mantida

Em entrevista exclusiva a equipe da TV Replay, o Presidente do Conselho Municipal de Direito da Criança e do Adolescente (COMDICA), Roberto Batista, afirmou que a eleição para escolher os Conselheiros Tutelares do município de Gameleira, permanece mantida para o dia 04 de outubro.

Roberto

Após o Ministério Público, fazer uma recomendação para que as provas realizadas para qualificar os candidatos fossem refeitas, o presidente do COMDICA, afirmou em entrevista, que todos os candidatos entraram com recursos e que a eleição irá acontecer, pois, uma Lei municipal dispensa o critério de utilização de uma prova, para a qualificação dos candidatos.

c1

Na cidade, 15 candidatos ao cargo de Conselheiro Tutelar, dentre homens e mulheres, estão disputando entre si.

c2

Para ser Conselheiro Tutelar, em seu Art. 133 o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), preconiza que a pessoa deva ter mais de 21 anos, resida no município e possua reconhecida idoneidade moral, porém cada município pode criar, através de decreto  pode exigir outros critérios para a candidatura a Conselheiro .

Imagens: Google

TV Replay, o que é bom se repete!