Blog de Airton Sousa: Doriva entrega os pontos

Finalmente o treinador do Santa Cruz, Doriva,  reconhece que já não tem mais jeito. Um tanto tarde, porém dentro da realidade, porque sabemos que há muito o Santa Cruz é perseguido pelo rebaixamento na série A, do Campeonato Brasileiro. Desta feita, o algoz foi o time da Ponte Preta, na cidade de Campinas(SP). O primeiro tempo até que foi razoável para o time Pernambucano, terminando 0 x 0, deixando o torcedor tricolor com um pouco de esperança, mais era só o primeiro tempo. Faltava ainda os 45 minutos do segundo tempo, e aí a história seria outra.

Já no início do segundo tempo, aos 6 minutos, o atacante Roger, aproveita a falha de marcação, e abre o placar para a macaca campineira e então, o Santa Cruz se entrega ao adversário a cada minuto, impotente, sem reação. Aí, não demora e sai o segundo gol, através do jogador Maycon, aos 24 minutos, de novo com um apagão geral do tricolor, em razão da limitação do time. O terceiro gol veio em seguida, o jogador William Pottker, sai do campo da Ponte Preta, abre espaço, avança, penetra e faz o terceiro gol, aos 28 minutos, fechando o placar de 3 x 0, a favor da Ponte Preta.

Inalterável a posição do Santa Cruz na tabela, décima nova, a exemplo do que vem acontecendo há muito tempo, e observe-se que o América também perdeu, se não o tricolor fecharia a rodada, na lanterna mesmo. O técnico Doriva jogou o chapéu, um pouco tarde, porém jogou, e agora a curiosidade é a seguinte: Que argumento ele vai usar, nas preleções? Quarta-feira o time joga contra o Botafogo, no Arruda. Fique imaginando, caro torcedor, o que pode acontecer nesse jogo.