Cachoeirinha-PE: Câmara de Vereadores emite nota justificando adiamento de reunião

Segue a motivação que ensejou o adiamento da deliberação do Projeto de Resolução nº 002/2014, que trata das Contas da Prefeitura Municipal de Cachoeirinha, referente ao Exercício Financeiro de 2010, a qual está “sub judice“, perante a Côrte de Contas do Estado de Pernambuco, o que levou ao adiamento da Reunião Extraordinária que seria realizada no dia 10/02/2014, como se explicita no Ofício nº 010/2014, oriundo deste Poder Legislativo Municipal.

20140217_201433 20140217_201509 20140217_201619 20140217_201645 20140217_202524

 

TV Replay, informações é aqui!!!

Cachoeirinha-PE: Vereador Cícero de Cabanas, justifica voto rejeitando prestações de contas do Ex-Prefeito Roberto Gilson Raimundo

Esteve em votação nesta quarta-feira (05.02.2014), na Casa Legislativa Vereador Cícero Cintra, as Prestações de Contas do Ex-Prefeito, Roberto Gilson Raimundo, que se referiram ao exercício de 2007.

Na ocasião, o Vereador Cícero de Cabanas usou a Tribuna da Câmara para justificar seu voto a favor da decisão do TCE, onde as contas do ex-prefeito foram rejeitas por irregularidades.

cicero

Confira!

Reunião ocorrida em 05.02.2014.

Assista, comente, curta, compartilhe e divulgue. Mande sugestões e críticas. Nossos contatos:

  • Facebook: TV REPLAY
  • Email: tvreplay@tvreplay.com.br
  • Sitewww.tvreplay.com.br

TV Replay, o que é bom se repete!

Cachoeirinha-PE: Vereador Branco de Otaviano, justifica voto rejeitando prestações de contas do Ex-Prefeito Roberto Gilson Raimundo

Esteve em votação nesta quarta-feira (05.02.2014), na Casa Legislativa Vereador Cícero Cintra, as Prestações de Contas do Ex-Prefeito, Roberto Gilson Raimundo, que se referiram ao exercício de 2007.

Na ocasião, o Vereador Branco de Otaviano usou a Tribuna da Câmara para justificar seu voto a favor da decisão do TCE, onde as contas do ex-prefeito foram rejeitas por irregularidades.

Nova Imagem

Confira!

Reunião ocorrida em 05.02.2014.

Assista, comente, curta, compartilhe e divulgue. Mande sugestões e críticas. Nossos contatos:

  • Facebook: TV REPLAY
  • Email: tvreplay@tvreplay.com.br
  • Sitewww.tvreplay.com.br

TV Replay, o que é bom se repete!

Cachoeirinha-PE: Presidente da Câmara, Jonas Eduardo justifica voto, rejeitando prestações de contas do Ex-Prefeito Roberto Gilson Raimundo

Esteve em votação nesta quarta-feira (05.02.2014), na Casa Legislativa Vereador Cícero Cintra, as Prestações de Contas do Ex-Prefeito, Roberto Gilson Raimundo, que se referiram ao exercício de 2007.

Na ocasião, o Vereador e Presidente da câmara, Jonas Eduardo usou a Tribuna da Câmara para justificar seu voto a favor da decisão do TCE, onde as contas do ex-prefeito foram rejeitas por irregularidades.

eduardo

Confira!

Reunião ocorrida em 05.02.2014.

Assista, comente, curta, compartilhe e divulgue. Mande sugestões e críticas. Nossos contatos:

  • Facebook: TV REPLAY
  • Email: tvreplay@tvreplay.com.br
  • Sitewww.tvreplay.com.br

TV Replay, o que é bom se repete!

Cachoeirinha-PE: Vereador Osvaldo Jacinto justifica voto, rejeitando prestações de contas do Ex-Prefeito Roberto Gilson Raimundo

Esteve em votação nesta quarta-feira (05.02.2014), na Casa Legislativa Vereador Cícero Cintra, as Prestações de Contas do Ex-Prefeito, Roberto Gilson Raimundo, que se referiram ao exercício de 2007.

Na ocasião, o vereador Osvaldo Jacinto usou a Tribuna da Câmara para justificar seu voto a favor da decisão do TCE, onde as contas do ex-prefeito foram rejeitas por irregularidades.

osvaldo

Confira!

Reunião ocorrida em 05.02.2014.

Assista, comente, curta, compartilhe e divulgue. Mande sugestões e críticas. Nossos contatos:

  • Facebook: TV REPLAY
  • Email: tvreplay@tvreplay.com.br
  • Sitewww.tvreplay.com.br

TV Replay, o que é bom se repete!

Cachoeirinha-PE: Primeira Câmara do TCE rejeita contas da prefeitura do ano 2011

A Primeira Câmara do TCE julgou irregulares as contas de governo da Prefeitura de Cachoeirinha relativas ao exercício financeiro de 2011. O responsável pela gestão foi o Carlos Alberto, conhecido como Beto de Tôta (PSD), que é também é o atual prefeito.  O relator do processo foi o conselheiro Marcos Loreto. Foram ajustados acordos para a melhoria da gestão da saúde no Município. O gestor terá prazo de 60 dias para o cumprimento dos acordos.

1

De acordo com o seu voto, foram apontadas falhas na elaboração de instrumentos de planejamento da administração municipal – Lei Orçamentária Anual, lei de diretrizes orçamentárias e plano plurianual; além de Inconsistências contábeis verificadas no demonstrativo da dívida fundada interna, e entre peças constantes da prestação de contas e informações disponíveis em sistema informatizado deste Tribunal de Contas (SAGRES) e da Caixa Econômica Federal (SISTN).

Outro ponto observado foi o repasse não integral das contribuições previdenciárias, dando origem a um débito de mais de R$ 1,18 milhão no exercício, em valores históricos, sendo a Administração Municipal reincidente em tal prática, vez que foi observada também nos exercícios de 2009 e 2010.