Caruaru-PE: Justiça suspendeu processo de cassação de mais seis vereadores

Mais uma decisão a favor dos vereadores indiciados pela Operação Ponto Final. Por determinação do Juiz José Fernando dos Santos Souza, estão suspensos os processos na Comissão de Ética da Câmara envolvendo os vereadores Louro do Juá (Solidariedade), Val de Cachoeira Seca (DEM), Cecilio Pedro (PTB), Neto (PMN), Pastor Jadiel Nascimento (Pros) e Sivaldo Oliveira (PP).

A situação se soma a do vereador Jajá (sem partido). A defesa alegou que vários procedimentos irregulares foram cometidos pela Comissão de Ética, sendo o principal deles o do vereador Marcel Gomes (PSB), ser relator e denunciante. A decisão suspende o processo de cassação da Câmara desses vereadores e comprova a tese da defesa.

20140523-122054-44454707

TV Replay, o que é bom se repete!

Caruaru-PE: Advogados esperam que cinco vereadores reassumam mandatos hoje

Além de iniciar a defesa presencial dos vereadores na Comissão de Ética da Câmara de Caruaru, os advogados de defesa trouxeram a Casa a notificação da Câmara junto ao Diário Oficial. O texto notifica ao presidente Leonardo Chaves (PSD) e os procuradores da Câmara, José Américo e do município João Alfredo Beltrão. A defesa protocolou a entrega desse documento com a decisão do Desembargador Itamar Pereira na secretaria da Casa, uma vez que o presidente não se encontra na Câmara.

Os advogados aguardam o posicionamento de Leonardo Chaves, mas já estão com um ofício pronto para informar que a decisão do Desembargador não foi cumprida, o que pode ocasionar problemas para o decano na Câmara. Aguardam ser reempossados: Sivaldo Oliveira (PP), Jajá (sem partido), Cecílio Pedro (PTB), Louro do Juá (Solidariedade) e Eduardo Cantarelli (Solidariedade).

20140422-100555

TV Replay, o que é bom se repete!

Caruaru-PE: Jajá: “Ricardo Liberato é uma pessoa imoral e me ameaçou”

O vereador Jajá (sem partido) quebrou o silêncio e rebateu as afirmações do presidente da Comissão de Ética da Câmara de Caruaru, Ricardo Liberato (PSC), que ele teria atrapalhado no andamento da Comissão de Ética, no caso envolvendo ele e o vereador Romildo Oscar (PTN).

Ele rebateu as informações e voltou a abriu a caixa de ferramentas contra o líder do governo na Câmara. “O que tenho a dizer ao irresponsável do vereador Ricardo Liberato é que ele é imoral. Cheguei a participar da Comissão de ética e citei o nome dele na ata que foi registrada na Câmara, que ele vivia me ameaçando, tentando me chantagear, veio o vereador Zé Ailton e disse que isso não ia dar em nada e pediu para que eu deixasse pra lá, vamos enrolar a população e principalmente a imprensa. Quando tinha reunião a noite na Câmara e ia levar o datashow, o vereador Ricardo Liberato mandava mensagem e pedia para eu maneirar e pegar leve, isso ocorreu várias vezes para me intimidar”, disse.

Ele disse ainda que Liberato não tem condições de ficar na presidência da Comissão de ética. “Faltei sim algumas vezes a reunião da Comissão de ética, mas dizer que protelei, isso não é verdade. Ele deveria dar explicações sobre a casa da família alugada a prefeitura e sobre o cargo que ocupa lá sem bater o ponto. Como ele pode falar de ética?”, indagou.

download

TV Replay, o que é bom se repete!

Fonte: http://blogdomarioflavio.com.br/vs1/

Caruaru-PE: Liberato diz que Comissão de Ética não funcionou por causa de firulas de Jajá

A Comissão de Ética da Câmara de Caruaru foi acionada uma única vez nessa atual Legislatura. A meta era investigar um desentendimento entre os vereadores Jajá (sem partido) e Romildo Oscar (PTN). No entanto, a suposta investigação não deu em nada. Os prazos foram perdidos e a situação caducou.

Procurado pela nossa equipe o presidente da Comissão, vereador Ricardo Liberato (PSC), jogou toda a responsabilidade para Jajá, que segundo ele, fez de tudo para travar o andamento da Comissão.

“Diante da situação, a comissão de ética deu prosseguimento às ações legais e cabíveis, como determina o regimento interno. Desta forma, em dados momentos, o vereador Jajá pediu prazo para tratamento de saúde. Nós demos vários prazos porque o parlamentar começou a pedir mais prorrogações, dizendo que precisava inclusive ser cirurgiado. Por isso ocorreu o atraso, culminando então com a prisão dele”, disse.

images

TV Replay, o que é bom se repete!

Fonte: http://blogdomarioflavio.com.br/vs1/