Caruaru-PE: Reclamações no sorteio das barracas para o São João

Houveram Reclamações. Talvez essa seja a palavra mais adequada para o sorteio das barracas que serão instaladas no Parque de Eventos Luiz Lua Gonzaga, no São João 2014, que gerou tumulto nesta quarta-feira (14).

Comerciantes que trabalham há mais de 20 anos falam que pessoas de outras cidades e estados foram prestigiadas, enquanto quem é de Caruaru ficou prejudicado. O comerciante, Josenildo Amorim, esbravejou.

“O prefeito tá jogando esse sorteio para a justiça, dizendo que ela definiu o sorteio dessas barracas, e o prefeito está ficando de fora disso. A gente é daqui, vota para vereador, prefeito e não prioridade. Gente de outras cidades foram sorteados, as pessoas da cidade não foram. Isso é uma injustiça com a gente. Eu sou pai de família, precisamos trabalhar para dá comer aos nossos filhos. Como vou trabalhar pelo amor de Deus”, disse Josenildo.

Lucineide Maria, relata que são muitos os prejuízos que os comerciantes terão.

“Faz 21 anos que trabalho no São João e esse ano fiquei de fora, porque colocaram o povo de outras cidades, e nós não temos o que fazer. Eu comprei material para trabalhar no São João e não tem onde vender. Eu tô devendo aluguel. A gente espera o ano todinho para trabalhar no São João, e quando chega o dia, a gente fica fora”, lamentou Lucineide.

Os vencedores têm até esta sexta-feira (16), para efetuar o pagamento no valor de R$ 1.600. Caso haja desistência, os inseridos no cadastro de reserva terão a oportunidade de concorrer a uma barraca.

essa 1

TV Replay, o que é bom se repete!

Caruaru-PE: Mulher é assassinada a tiros no parque 18 de maio (Imagens fortes – Impróprias para menores de 18 anos)

Foi assassinada a tiros por volta de 1 hora da tarde desta segunda-feira (07), a comerciante, Alda Lúcia da Silva, de 43 anos, que morava na rua Estrada de Campina, no bairro Vassoural. A vítima estava em seu estabelecimento, uma barraca no Parque 18 de Maio, quando foi morta com três tiros, sendo um na boca que transfixou a cabeça, um na região lombar esquerda e outro na nuca.

De acordo com a Polícia Militar, a vítima estava na barraca, um barzinho, atendendo a sua clientela e foi surpreendida com a chegada de um homem não identificado, que na frente de todos, anunciou um assalto e efetuou os disparos contra a vítima que morreu no local. Segundo a polícia, a vítima que deixou quatro filhos, era suspeita de está envolvida com o tráfico de drogas.

Ainda no local do crime, os soldados Adriano, Leonel e J. Neto da ROCAM, prenderam um suspeito de participação no crime, Heleno Junior da Silva Souza, de 21 anos, que mora na rua Cícero Pedreira, no bairro São João da Escócia, estava na cena do crime e por ser conhecido do policiamento como assaltante, os policiais foram em sua direção para abordá-lo e o mesmo jogou um pacote com 4 cápsulas de revólver 38 deflagradas. Ao ser indagado, ele disse que teria encontrado as cápsulas ali próximo, foi detido e encaminhado a Delegacia de Homicídios, para prestar depoimento.

Este foi o 1º homicídio do mês de abril em Caruaru e até agora já somam 34 pessoas assassinadas na cidade de 2014. O corpo da vítima foi encaminhado ao IML local.

DSC07438

DSC07441

DSC07444

DSC07462

DSC07465

DSC07468

DSC07473

DSC07482

DSC07487

DSC07503

DSC07504

DSC07490

Um dos projéteis localizados estava com cabelos da vítima.

Um dos projéteis localizados estava com cabelos da vítima.

DSC07509

O ex-presidiário Heleno Junior, estava com 4 capsulas deflagradas.

O ex-presidiário Heleno Junior, estava com 4 capsulas deflagradas.

Os comissários Severino (Biu) e Ivanildo, iniciaram a investigação no local.

Os comissários Severino (Biu) e Ivanildo, iniciaram a investigação no local.

Os soldados Leonel, Adriano e J. Neto, prenderam o suspeito.

Os soldados Leonel, Adriano e J. Neto, prenderam o suspeito.

O Oficial de Operações do Dia do 4º BPM, Tenente Pessoa, esteve no local.

O Oficial de Operações do Dia do 4º BPM, Tenente Pessoa, esteve no local.

O perito criminal Dr. Carlos Henrique, informou que a vítima foi atingida com 3 tiros.

O perito criminal Dr. Carlos Henrique, informou que a vítima foi atingida com 3 tiros.

O delegado de Homicídios Dr. Márcio Cruz, esteve no local.
O delegado de Homicídios Dr. Márcio Cruz, esteve no local.

TV Replay, informações é aqui!

Caruaru-PE: Comerciante de Carapotós é preso pela equipe do Malhas da Lei

O Cabo Erivaldo e os soldados Teotônio, Jair e Manuela da equipe Malhas da Lei de Caruaru, prenderam na tarde desta ultima segunda-feira (31), o comerciante, Josael Manoel da Silva, conhecido por “Baião” de 53 anos, que mora no sítio Carapotós, zona rural de Caruaru.

Há alguns anos, Josael, que é dono de uma mercearia no sítio, se desentendeu com um outro morador da localidade, dentro do seu estabelecimento, e segundo ele, após ser chamado de cabra safado por três vezes, se armou com uma faca-peixeira e desferiu um golpe contra o desafeto.

Condenado há 3 anos e 6 meses de detenção pelo crime de lesão corporal, Josael foi encaminhado ao presídio de Caruaru.

MALHAS-DA-LEI

altAlOAQVFax3h7xXqmxMVreH4J3_3bczxPtZadc7hlBVGx

TV Replay, o que é bom se repete!

Lajedo-PE: Polícia Civil desarticula esquema de furto e desvio de mercadoria

Policiais civis da Delegacia de Lajedo prenderam em flagrante delito o comerciante Cassiano Martins de Melo, de 24 anos e Gerson Francisco da Silva Filho, de 20 anos de idade.

Segundo as investigações, o acusado Gerson, juntamente com outros dois indivíduos conhecidos por “Max” e “Venâncio” furtavam as mercadorias do depósito atacadista do mercadinho “DAESKINA”, na cidade de Lajedo e as vendia a receptadores de outras cidades, sendo um deles o Cassiano Martins, comerciante da cidade de Canhotinho-PE. A polícia ainda investiga a participação da esposa do acusado Gerson, tendo em vista que ela é gerente de estoque do estabelecimento comercial “DAESKINA”.

Gerson foi autuado em flagrante pelo crime de furto e Cassiano pelo crime de receptação qualificada. No estabelecimento do Cassiano, a polícia encontrou boa parte da mercadoria furtada. Ambos foram recolhidos à Cadeia Pública de Lajedo, onde permanecem à disposição da Justiça.

Sem título 1

Sem título

TV Replay, o que é bom se repete!

Caruaru-PE: Polícia Civil elucida latrocínio

A Polícia Civil através da equipe da 3ª Delegacia de Caruaru, apreendeu um menor de 17 anos nesta quarta-feira (24), e elucidou um latrocínio, ocorrido no dia 17 de maio deste ano na cidade, quando foi assassinado o comerciante, Francisco de Assis Bezerra, de 65 anos, que era conhecido por “Chico da Cebola”, morto dentro de casa, na rua Santa Rosa, no Loteamento Encanto da Serra, em frente a Ceaca. Segundo a esposa, o comerciante foi assassinado com um tiro na cabeça na sua frente e dos filhos, após os bandidos invadirem sua casa pela porta dos fundos e anunciarem o assalto. Como a vítima disse que não tinha dinheiro, acabou morta na frente da família.

Chico da Cebola, foi morto com um tiro na cabeça

Chico da Cebola, foi morto com um tiro na cabeça

5

Delegado Márcio Cruz

Delegado Márcio Cruz

O delegado do caso Dr. Márcio Cruz, concluiu que quatro indivíduos praticaram o crime. Segundo ele, tiveram participação: Eduardo José da Silva, vulgo “Duda”, Antonio João da Silva, vulgo “Tony”, ambos de 18 anos e dois menores, todos residentes no sítio Cipó, zona rural de Caruaru. Para o delegado, “Duda”, “Tony” e o outro menor, praticaram o latrocínio contra o “Chico da Cebola”, pois o outro adolescente que foi morto recentemente em uma troca de tiros com a polícia em Bezerros, era funcionário da vítima e informou aos comparsas que o cidadão estaria com uma quantia de aproximadamente de 20 a 30 mil reais para efetuar um pagamento no dia seguinte em Santa Maria da Boa Vista-PE, para pagar um carregamento de cebola. Mas a vítima, não se sabe o porquê, guardou o dinheiro em outro local e por não terem localizado o dinheiro, os bandidos se revoltaram e o “Tony” matou a vítima atirando em sua cabeça. 

"Duda" é um dos acusados dos dois latrocínios

“Duda” é um dos acusados dos dois latrocínios

"Tony"

“Tony”

O menor apreendido foi acusado de arquitetar o assalto ao comerciante em Caruaru

O menor apreendido foi acusado de arquitetar o assalto ao comerciante em Caruaru

O menor apreendido é irmão do “Duda”, que além da morte do comerciante, também teve participação na morte do policial militar da reserva, Arlindo Félix de Melo, de 68 anos, morto com três tiros no centro de Sairé. O menor apreendido, também teve participação no assalto a uma banda de Forró, em Sairé e o mesmo foi entregue na Funase de Caruaru.

7 8

 

 

 

 

 

Comerciante é assassinado a tiros em Caetés

Foi assassinado em Caetés, o comerciante André Alves da Silva, 41 anos, morto com tiros de pistola. Segundo a polícia dois elementos chegaram em uma moto e dispararam várias vezes contra a  vítima que se encontrava defronte a um Bar na Av. Luiz Pereira Junior, centro de Caetés. André residia na Rua Ananias Gerino de Melo, no centro da cidade, e chegou a  ser  socorrido para o hospital local, mas não resistiu e morreu.

Os tiros atingiram o homem no rosto, abdome e pescoço, diligencias foram feitas pela Polícia Militar com o intuito de prender os matadores, porem sem êxito.

O corpo da vítima foi encaminhado ao IML de Caruaru.

Polícia Militar prende em Caruaru comerciante com carga de televisores roubados

Foto: Policia Militar

Através de investigações do NIA (Núcleo de Inteligência do Agreste) do 4º BPM, a GE Caça Homicida 01, prendeu na manhã de ontem, o comerciante, Adriano Alves de Melo, de 36 anos, residente na 3ª Travessa Rodopiano Florêncio, no bairro Salgado. Na casa dele foram localizados 43 Televisores de plasma, 23 sistemas de freios da marca Bosch e 55 filtros de ar, todos sem notas fiscais.

Inicialmente o comerciante que já responde a processo na justiça de São Paulo por contrabando, informou que a mercadoria teria sido adquirida naquele Estado, e que se tratavam de produtos contrabandeados do Paraguai, só que estes produtos são fabricados no Brasil. Ele disse ainda que adquiriu cada TV por R$ 800 e que estava vendendo a pequenos comerciantes por R$ 1.200 cada. Mesmo assim ele não informou nomes nem de quem comprou, tampouco a que estava vendendo.

O acusado juntamente com a mercadoria foram apresentados na Delegacia Regional, onde o delegado de plantão Dr. Marcos Carvalho, através de pesquisa descobriu que os televisores foram de uma carga tomada de assalto há 15 dias no Estado do Piauí. Diante do exposto, a autoridade policial autuou o comerciante em flagrante no artigo 180, inciso 1º, ou seja receptação dolosa, que não cabe fiança e o acusado foi encaminhado para a Penitenciária Juiz Plácido de Souza, onde permanecerá a disposição da justiça.

Foto: Policia Militar

Foto: Policia Militar

Foto: Policia Militar

Foto: Polícia Militar

MATÉRIA PRODUZIDA POR: Adielson Galvão.