Efetivo do NIA prende mais um elemento acusado de tráfico e desarticula ponto de droga

Coruja.

                                    Coruja.

Os policiais estavam monitorando um ponto de droga na Rua dos Operários, quando avistaram dois elementos comprando a droga,  Allef Paz de Araújo, vulgo “Coruja” de 19 anos, que mora na Rua Voluntários da Pátria. Policiais da Gt-18-112 e da ROCAM foram acionados e ambos obtiveram êxito detendo os três envolvidos.
Após detidos, a Polícia encontrou com o Alexsandro Alexandre da Silva, vulgo “Dudinha” de 27 anos, dois papelotes de maconha.  Dudinha é foragido do CRA (Penitenciaria de Canhotinho). Há 4 anos ele cumpre pena sob acusação de ter praticado um homicídio no ano de 2006 em Garanhuns e foi condenado pela justiça há mais de 21 anos de prisão e cumpriu apenas 3 anos e 8 meses e fugiu para o Sítio Riacho Fundo, no município de Caetés onde estava escondido, e veio a Garanhuns apenas para comprar a droga.
O outro detido foi Adriano Carvalho, 27 anos, morador da Rua dos Operários no bairro da Liberdade. Com Adriano, a Polícia encontrou apenas um papelote de maconha. Dudinha e Adriano confirmaram aos policias que compraram à droga a “Coruja”.
Os policiais fizeram uma revista na residência onde “Coruja” reside, mas não encontraram nenhuma droga.

Os três foram apresentados na 2ª DEPOL para serem tomadas as providências cabíveis por parte da autoridade policial.

Prisão por prática de homicídio na cidade Caetés

Policiais Civis da cidade de Caetés se deslocaram para a cidade de Venturosa, com o objetivo de dar cumprimento aos Mandados de Prisão Temporária em desfavor de CARLOS JOSÉ DE MELO “CARLINHOS“, de 24 anos de idade, e IVANILDO SEVERIANO DA SILVA”NIDO“, de 48 anos de idade. Ambos são indiciados pelo homicídio praticado no dia 16/12/2012, por volta das 02:00 da madrugada no Povoado Ponto Alegre, zona rural de caetés/PE. A vítima era a pessoa de Wellington Rodrigues de Melo, de 20 anos de idade, o qual teve a sua cabeça esmagada por uma pedra de aproximadamente 60 KG.

Comerciante é assassinado a tiros em Caetés

Foi assassinado em Caetés, o comerciante André Alves da Silva, 41 anos, morto com tiros de pistola. Segundo a polícia dois elementos chegaram em uma moto e dispararam várias vezes contra a  vítima que se encontrava defronte a um Bar na Av. Luiz Pereira Junior, centro de Caetés. André residia na Rua Ananias Gerino de Melo, no centro da cidade, e chegou a  ser  socorrido para o hospital local, mas não resistiu e morreu.

Os tiros atingiram o homem no rosto, abdome e pescoço, diligencias foram feitas pela Polícia Militar com o intuito de prender os matadores, porem sem êxito.

O corpo da vítima foi encaminhado ao IML de Caruaru.