Blog de Airton Sousa – A pobreza do futebol de Pernambuco

20171214214821307741oA diretoria tricolor pobre de idéias, opções, criatividade e organização, encontrou como a melhor opção demitir o treinador PC Gusmão. Até aí, mesmo que precipitadamente, admissível. No entanto, caberia parar, pensar e tomar uma outra medida, que não a contratação de imediato do técnico Roberto Fernandes.

Roberto Fernandes já demonstrou no próprio Náutico, várias vezes que é um treinador doméstico, apenas doméstico. Talvez a conquista do Pernambucano, sem olhar a maneira como aconteceu, levou os dirigentes do Santa Cruz a olharem o treinador como o Salvador da Pátria, esquecendo de analisar o início do Náutico no brasileiro da série C.

Foi o que podemos dizer, trocar seis por meia dúzia. E os problemas financeiros, técnicos e as carências de contratações, tudo isso como será resolvido de um dia para outro? onde todos sabemos a situação que o clube vive, e com certeza Roberto Fernandes sabe também, talvez ele tenha assumido o compromisso de aceitar tudo da maneira como está.

É uma vergonha o nosso futebol, hoje perdendo para Alagoas, Paraíba, Sergipe, Rio Grande do Norte e em um tempo não muito distante também para o Ceará e Bahia. Porém, apenas dizer a torcida o que sempre se diz em um momento desses; é pagar para ver, com todo esse chove não molha como tudo será resolvido. Não sei se podemos desejar ao Roberto Fernandes, boa sorte ou, meus pêsames.

Blog de Airton Sousa: Começam os jogos das quartas de final

 5-10

Nesta quarta-feira (14), teremos três jogos valendo a classificação para as semi-finais do Campeonato Pernambucano. No Lacerdão, o Central joga contra o América, em Salgueiro, o Salgueiro enfrenta ao Vitória, na Ilha do Retiro o clássico entre o Sport e a equipe do Santa Cruz.

Falando do jogo do Lacerdão, o time patativa que atravessa uma das suas melhores fases, joga contra o América, levando ao seu favor vários aspectos: O seu próprio campo, o apoio da sua torcida, a defensiva menos vazada da competição, além da qualidade e do conjunto que o time possui.

Espera-se um público superior a 3.000 torcedores, mesmo porque a campanha  do alvi-negro é uma das principais razões para que o torcedor compareça. O técnico Mauro Fernandes, com exceção de Danilo Quipapá tem todo o elenco ao seu dispor, sabendo-se que o respeito ao adversário tem que acontecer. Porém temos que colocar a patativa como favorita.

Também no sertão, e desta feita na cidade de Salgueiro, o Carcará enfrenta a equipe do Vitória. Situações opostas, enquanto o time salgueirense cresceu nos últimos quatro jogos, com a chegada do técnico Sergio China, o Vitória está de ladeira abaixo, tendo a sua última vitória contra o Central, na Arena de Pernambuco, depois só resultados negativos.

O Salgueiro é favorito nesse jogo, levando-se em consideração vários aspectos: O apoio do torcedor, o seu próprio campo, a temperatura, além da aplicação tática que o time vem utilizando, principalmente nos seus jogos em casa. A vantagem é do time sertanejo, diante do vitória fragilizado.

Finalmente o clássico entre o Sport e o Santa Cruz na Ilha do Retiro. Não há de se referir as duas equipes, sem lembrar os incidentes do último jogo. Esperando-se que a  lição do último jogo possa ter surtido efeito e que haja as providências devidas na noite desta quarta-feira (14). Algumas medidas  foram tomadas para que não haja incidentes.

Quanto ao jogo, não tem favorito levando-se em consideração tudo que aconteceu na última partida. O Sport com problemas de entrosamento e rendimento técnico, onde Nelsinho Batista até agora não conseguiu dá um sentido de conjunto ao grupo. Enquanto que o treinador tricolor tem conseguido bons progressos e resultados com o seu grupo.