Caruaru-PE: Central perde para o Campinense, e TV Replay faz projeção para a classificação

O Campinense derrotou o Central por 1×0, neste domingo (14.09), no Estádio Ernani Sátiro (Amigão), em Campina Grande-PB, pela 9ª rodada da 1ª fase do Campeonato Brasileiro da Série D.

O Central começou bem o jogo, foi pra cima do adversário, mas, ao 06 minutos de jogo perdeu o lateral-esquerdo Jean Batista, que se machucou e entrou Bebeto em seu lugar. E aos 19 minutos do 1º tempo, num erro do zagueiro Sinval e do volante Diego Góes, que foram na mesma jogada, a bola sobrou para Zé Paulo, que entrou na área e foi derrubado por Góes, pênalte para a raposa e expulsão de Diego Góes.

A cobrança de pênalte, foi feita pelo atacante Wanderley (ex-Central), que fez 1×0 para o rubro-negro paraibano. Com um homem a mais, o Campinense administrou a vitória. No 2º tempo, com a saída de Andrezinho, que cansou, para a entrada de Jailton, o time caiu de rendimento, e após a saída do meia Tiago Lima, que não estava jogando bem, para a entrada de Erivelton, o time alvi-negro subiu de produção, criou algumas oportunidades de marcar com Jailson, que não conseguiu empatar.

No mesmo grupo A3, o Baraúnas derrotou o Jacuipense, por 2 á 0, em Mossoró-RN, e está na briga pela classificação. Decidindo aqui em Caruaru, contra o Central no próximo domingo, onde só a vitória lhe interessa. O outro jogo do grupo no próximo domingo será entre Jacuipense, que já está classificado em 1º lugar e Coruripe que briga pela classificação. O Campinense já encerrou a sua participação na competição.

A situação atual do grupo é a seguinte: em 1ª lugar Jacuipense classificado com 13º pontos ganhos, na vice-liderança está o Central com 09 pontos e 01 gol positivo no saldo, em 3º lugar o Coruripe com 09 pontos e 01 gol negativo no saldo, em 4º lugar e já desclassificado o Campinense que tem 09 pontos e 03 gols negativos no saldo e não tem mais nenhum jogo a cumprir e na lanterna está o Baraúnas com 08 pontos ganhos.

O Central para se classificar, só depende dele, e para isso tem que vencer o Baraúnas no próximo domingo no Lacerdão com placar que não permita que o Coruripe possa abrir diferença de 3 gols.

O Coruripe para se classificar precisa vencer o Jacuipense domingo em Feira de Santana-BA e torcer para que o Central perca ou empate o seu jogo, ou o Coruripe vencer por diferença de 02 gols e o Central perca pelo menos por 1×0.

O Baraúnas para se classificar precisa vencer o Central e torcer para o Coruripe perder ou empatar com o Jacuipense.

hqdefault

TV Replay, o que é bom se repete!

Caruaru-PE: Central derrota o Belo Jardim e Volante quer voltar ao clube

O elenco do Central de Caruaru está se preparando para disputar o Campeonato Brasileiro da Série D, e realizou na tarde desta quarta-feira (09.07), no Estádio Luiz José de Lacerda (Lacerdão), um jogo treino contra o Belo Jardim (que vai disputar a Série A2 de Pernambuco).

No 1º tempo o Central fez 1×0 através do atacante Andrezinho e Nael empatou para o Belo Jardim após uma cobrança de falta. No 2º tempo o meia-atacante Jailton fez um belo gol em cobrança de falta. No final o Central venceu por 2×1.

O Técnico Humberto Santos do Central utilizou uma equipe no 1º tempo e outra no 2º tempo. Os times tiveram estas formações:

1º tempo: Juninho, Adriano Ferreira, Saulo, Egon e Jean Batista; Eduardo Eré, Luiz Henrique, Erivelton e Bebeto; Andrezinho e Luizão.

2º tempo: Juninho, Wálber, Sinval, Henrique e Jaime; Nathan, Hélder, Jéferson Maranhão e Jailton; João Paulo e Fábio Silva (Paulo Victor).

A novidade foi a presença do volante Fernando Pires, que é da cidade de Sanharó, foi revelado pelo Central, deixou o clube no final do Campeonato Pernambucano deste ano, foi para o Santo André (SP), retornou e quer uma nova chance no clube. Segundo os dirigentes, vai depender do Técnico Humberto Santos, se ele aceitar, o atleta disputará a Série D pela Patativa.

No próximo sábado o Central joga amistosamente contra o Treze, no Estádio Presidente Vargas (PV), em Campina Grande, a partir das 20:15.

Confira!

09 07 14 Caruaru PE Central 2 x 1 Belo Jardim.Still001TV Replay, o que é bom se repete!

Caruaru-PE: Central derrota o Treze em amistoso preparatório para a Série D

Central e Treze jogaram amistosamente neste domingo (06) no Estádio Luiz José de Lacerda (Lacerdão), em Caruaru. O jogo serviu de observação para o treinadores das equipes. Humberto Santos do Central, está preparando a equipe para disputar a Série D, a partir do próximo dia 20 de Julho, contra o Baraúnas em Mossoró-RN. Já o Técnico Givanildo Oliveira do Treze, está preparando a sua equipe para voltar a disputar os jogos da série C, interrompidos devido a Copa do Mundo Fifa 2014 no Brasil.

Foi um bom jogo, com vários lances de perigos dos dois lados. O Treze tomou a iniciativa e teve a primeira real chance de marcar com Luciano, que chutou pra fora. O Central respondeu numa bola cruzada na área, mas, Erivelton e Luizão não chegaram na bola.

O primeiro gol da partida saiu após o zagueiro Egon ser empurrado dentro da área por Pity, o atacante Luizão que estreou com a camisa do Central, cobrou o pênalti , marcando 1 x 0 Central.

O segundo gol do Central saiu no segundo tempo, dos pés do volante Eduardo Eré, que chutou de primeira e com força no canto esquerdo do goleiro Gilson, que não pode evitar, Central 2 x 0 Treze. A partir daí, os dois treinadores mexeram completamente nos times.

No finalzinho do jogo, o atacante Bruno Aquino fez boa jogada pela direita, cruzou e o volante Erick do Central e o atacante Hélio Paraíba do Treze vinham correndo em direção ao gol, tocando na bola, que foi parar nas redes, a arbitragem deu gol para Hélio Paraíba. Final Central 2 x 1 Treze. O próximo jogo entre as duas equipes será no próximo sábado no Estádio Presidente Vargas (PV), em Campina Grande, ás 16h.

Ficha técnica da partida:

O Central venceu com: Juninho; Adriano Ferreira (Erick), Saulo (Sinval), Egon e Jean Batista (Jaime); Eduardo Eré, Luiz Fernando ( Hélder), Bebeto (Paulo Victor) e Erivelton (Jailton); Luizão (Fábio Silva) e Andrezinho (Jéferson Maranhão). Técnico: Humberto Santos.

O Treze perdeu com: Gilson, Osmar (Bruninho), Pity, Oliveira (Álisson Santana) e Guto (Fernandes); Jardson Sapé (Leanderson), Alan Bahia (Charles Vágner), Johnathan (Leandro Soares) e Luciano (Birungueta); Bruno Aquino e Tiago Souza (Hélio Paraíba). Técnico: Givanildo Oliveira.

Árbitro: Anderson Freitas (FPF)
Assistentes: Antônio Lopes e Narcísio Lima (LDC)

Confira!

06 07 14 Caruaru PE - Central 2 x 1 Treze.Still001TV Replay, o que é bom se repete!

Brasileirão 2013 – Série D: Botafogo/PB faz 3 x 1 e vence o Central nos pênaltis

No tempo normal, 3 a 1 para o Belo. Nos pênaltis, 5 a 3. Equipe está classificada para as quartas de final e vai decidir vaga na Série C de 2014

O Botafogo-PB venceu neste domingo o Central de Caruaru e está classificado para as quartas de final do Campeonato Brasileiro da Série D. Foi um dia épico para o botafoguense, que viu o time vencer por 3 a 1 no tempo normal, devolver o placar sofrido no jogo de ida, e nos pênaltis se classificar de forma irretocável. Com seus cinco marcadores marcando seus pênaltis. A partida começou às 16h e terminou já pela noite com muita festa por parte dos jogadores e torcedores do clube pessoense.

Com o resultado, o Belo está classificado para as quartas de final e vai decidir uma vaga na Série C do ano que vem. O adversário vai ser decidido apenas na terça-feira, com o jogo entre Tiradentes e Sergipe, em Fortaleza. Se o Tiradentes se classificar, o primeiro jogo é em João Pessoa e o segundo em Fortaleza. Se o classificado for o Sergipe, o jogo decisivo é em João Pessoa.

Na primeira partida entre Sergipe e Tiradentes, 2 a 2 em Aracaju. Assim, um 0 a 0 ou um 1 a 1 classifica o Tiradentes. Um 2 a 2 leva a decisão para os pênaltis. Qualquer outro empate é do Sergipe. Quem vencer também está classificado.

Dois gols em 45 minutos

O primeiro tempo começou equilibrado. Com os dois times procurando o gol. Luiz Fernando e Andrezinho chegaram primeiro para o Central, mas depois Celico respondeu duas vezes e colocou o time de João Pessoa no ataque.

Apesar disto, o primeiro lance de real perigo só aconteceu aos 13 minutos da etapa inicial. Celico caiu pela esquerda, cruzou para Fausto. Ele estava livre. Iria cabecear em gol, mas no último instante a zaga do Central conseguiu cortar.

O Belo precisava do resultado. Ia para cima. E em cinco minutos inspirado conseguiu os dois gols que lhe classificaria. Aos 25 minutos, Pio meteu de cabeça em gol. Juninho se atrapalhou e entrou com bola e tudo. Aos 30, Lenílson aproveitou uma confusão na área e soltou uma bomba para ampliar. Era um 2 a 0 que provocava delírio no Estádio Almeidão.

De repente, contudo, o Botafogo parou. Com o resultado que lhe classificava, se acomodou. E pouco depois perdeu o craque Lenílson, que saiu de campo machucado. Entrava Fábio Neves em campo. O jogo caiu de ritmo e aos 41 o Central quase empatou com Andrezinho.

Um para cada lado e pênaltis

No segundo tempo, o time pernambucano começou como tinha terminado o primeiro. No ataque. Tentou e conseguiu diminuir aos 19 minutos. Após um cruzamento na área, Ítalo subiu mais do que a zaga e fez 2 a 1. Era um resultado que colocava o Central nas quartas de final.

A partir daí, o Belo voltou a acordar. E passou a atacar. Muito mais com o coração do que com tática ou técnica. O tempo, contudo, passava. E o placar permanecia inalterado. Trinta e um minutos. Rafael Aidar chutou, mas Ítalo cortou. Aos 33, Aidar de novo. Passa para Pio, mas este acertou a trave. Trinta e oito. Falta. Pio ajeitou a bola de forma cuidadosa e a meteu na cabeça do uruguaio Mario, que entrava no início da etapa final.

Foi um gol que levou o jogo para os pênaltis. Mas antes o Central ainda teve uma última chance. Aos 42 minutos, Erivelton obrigou Remerson a fazer uma bela defesa.

Era uma festa o Estádio Almeidão, que lotado empurrava o time. Nas cobranças decisivas, Pio, Mario, Ferreira, Fábio Neves e Fausto marcaram todas as cinco cobranças botafoguenses. Pelo lado do Central, Erivelton, Marcelo Pinheiro e Xinho marcaram. Andrezinho perdeu. E com o 5 a 3, Júnior Maranhão nem precisou ir para a cobrança. O Botafogo já estava classificado.

Fonte: Globoesporte.com
Reportagem: Edvaldo Magalhães/ Vídeo