Pernambucano 2014: Central vence o Salgueiro por 1 x 0 e segue vivo na competição

Patativa derrota Carcará no Estádio Lacerdão com gol do meia Danilo Pires e fica a dois pontos de entrar no G4; time sertanejo permanece na quarta posição

Era pra ser um jogo emocionante, digno de final de campeonato. Era pra ser um jogo decisivo, que definiria os rumos de Central e Salgueiro no Campeonato Pernambucano. Era pra ser um jogo com várias chances dos dois lados e muito trabalho para os goleiros. E foi. Todos os ingredientes de uma partida que vale uma vaga nas semifinais do estadual estavam presentes. Com toda pressão do Estádio Lacerdão, quem se deu melhor foi o Central. A Patativa venceu por 1 a 0, com gol de Danilo Pires, e consegue permanecer vivo na luta por uma vaga no G4.

23-03-14.Still001

O resultado deixou o time alvinegro na quinta posição, agora com nove pontos. O Carcará permanece na quarta posição, com 11 pontos. Apenas dois pontos separam as duas equipes, o que deve esquentar a próxima rodada.

O próximo compromisso do Central é na próxima quarta-feira. A Patativa tem o Clássico Matuto contra o Porto-PE, no Lacerdão, às 22h. Já o Salgueiro recebe o Náutico no Estádio Cornélio de Barros, às 20h.

Central pressionando e Salgueiro no contra-ataque

O primeiro tempo começou com todo gás. Só foi o árbitro Sebastião Rufino Filho apitar o início do jogo que as duas equipes começaram a atacar. Passado o ímpeto inicial, ficaram claras as propostas de Humberto Santos e Cícero Monteiro. Central no ataque e Salgueiro esperando os erros do alvinegro. Aos 10 minutos, Deysinho começou a desenhar o que seria o resultado da pressão da Patativa: gols perdidos. Sozinho, o atacante recebeu o cruzamento na área, mas cabeceou fraco.

Na bola parada veio a primeira grande chance do Carcará. Anderson Paraíba bateu uma falta nas proximidades da meia lua e mandou no ângulo do goleiro Juninho, que se esticou todo e tirou a bola com as pontas dos dedos.

Mais rápido e com mais posse de bola, o Central não conseguiu traduzir o domínio em gols. Na verdade, quem mais assustou foi o time sertanejo. Anderson Paraíba e Fabrício Ceará desperdiçaram oportunidades de abrir o placar. Fabrício, inclusive, perdeu um gol com a barra aberta.

Gol da Patativa e Carcará não consegue reagir

Se no início da primeira etapa as ações foram rápidas, na segunda foram mais ainda. No primeiro lance, Anderson Paraíba tocou mal para Moreilândia. O volante não conseguiu chegar, perdeu o tempo da bola, mas não desperdiçou a viagem. Esticou a perna e acertou o meia Luiz Fernando. Como já tinha um cartão amarelo, recebeu o segundo e foi expulso da partida.

Com um atleta a mais, o Central não demorou para aproveitar a superioridade numérica. Aos nove minutos, a equipe alvinegra trabalhou uma grande jogada iniciada por Jean Batista. O lateral lançou Jaílton, que cruzou e achou Danilo Pires. Danilo só precisou escorar de cabeça, no cantinho do goleiro Luciano. Central 1 a 0.

Depois do gol, o Salgueiro ensaiou uma reação, mas não conseguiu pressionar por muito tempo. No restante do segundo tempo, quem mandou na partida foi o Central. O goleiro Luciano salvou o Carcará de sofrer o segundo em várias oportunidades e a Patativa pode comemorar a possibilidade de entrar no G4 já na próxima rodada.

Fonte: Matéria escrita (glogoesporte.com/pe)

Pernambucano 2014: Patativa vence de virada o Porto por 2 x 1

Confira os melhores momentos da partida.

Abaixo siga lance a lance:

DSC00464s

1º Tempo

0 min – Começa jogo entre Central 0 x 0 Porto

3 min – Central cobra falta na área. Zaga do porto corta.

6 min – Porto dá seu primeiro chute a gol. Sem perigo.

10 min – Central pela direita, Danilo Lins cruza e Edson Dias sem marcação, perde o gol

12 min – Central bate forte com Thallis pela direita. No escanteio cabeceia pra fora.

21 min – Falta perigosa para o Central. Bate na barreira e em perigo.

27 min. GOLL!!!! Falta para o Porto, bola levantada na área, Kiros de cabeça faz 1 x 0 para o Porto.

34 min – Ataque combinado do Central, Fernando busca Jean Batista, chega em Everton que chuta fraco.

38 min – Falta para o Porto quer lança na área sem perigo.

40 min – Falta para o Central, frontal ao gol do Porto. Central chuta pra fora.

45 min – Juiz dá 1 min de acréscimo.

46 min – Final do primeiro tempo

INTERVALO

2º Tempo

0 min – Começa o 2º tempo de jogo.

1 min – Falta perigosa para o Central na entrada da área. Jonathan bate perigosa. No escanteio quase que o Central marca.

3 min – Central avança perigosamente e chuta pra o gol.

7 min – Kiros recebe na entrada da área sozinho e tenta colocar, mas perde o gol. No escanteio o Porto perde um gol feito

15 mim – Danilo faz finta no zagueiro e chuta pra fora

17 min – Jonathan chutou forte na rede pelo lado de fora

18 min – GOL!!!!! Central empata com Jonathan de cabeça

19 min -Kiros de cabeça, Porto chega perigoso

29 min – Danillo Lins invade a área e chute em cima do goleiro

33 min – Central vira. Depois de uma grande confusão na área, Jonathan marca.

39 min – Público: 4.273 – Renda: R$ 26.910,00

45 min – Árbitro dá 3 minutos de acréscimo.

48 min – Acaba a partida Central vence 2 x 1 sobre o Porto de virada e assume a terceira colocação.

Pernambucano 2014 – Com gol no último minuto Central empata no sufoco contra o Náutico

Alvirrubro ganhava o jogo até os 47 do segundo tempo, quando Danilo Lins marcou para o alvinegro e frustrou a torcida timbu presente em Caruaru

central_x_nautico

Depois de um ano desastroso em 2013 e um péssimo início em 2014 – eliminado ainda na primeira fase da Copa do Nordeste -, o Náutico entrou em campo pressionado. Mas depois de Hugo abrir o placar ainda no primeiro tempo, a estreia no Campeonato Pernambucano, diante do Central, no Luiz Lacerda, tinha sabor de alívio até o último minuto. Até Danilo Lins mudar a história. Aos 47 do segundo tempo. O gol de empate agrava a crise alvirrubra e ameniza a situação do Alvinegro de Caruaru, derrotado pelo Santa Cruz na estreia. São as duas faces do empate em 1 a 1.

Lisca sabia a importância de mostrar resultado. Depois de muito tempo, o técnico do Náutico se deparou com uma semana exlcusiva de treinos. A falta de um período digno de preparação vinha sendo o maior calo do Timbu, o grande motivo das reclamações. Uma vitória traria certa tranquilidade para a sequência de um trabalho cada vez mais questionado.

Do outro lado, a derrota mudaria de vez o ambiente no Central, dono de uma bela campanha no primeiro turno (2º lugar), ainda sem a participação dos grandes. O resultado minimiza a instalação da crise. Alvinegro e Alvirrubro somam apenas um ponto no hexagonal do segundo turno, mas o Náutico tem um jogo a menos. O Sport lidera com 3, também com uma partida de desvantagem em relação aos demais. Com dois jogos, Santa Cruz e Porto somam os mesmos 3 pontos.

Timbu melhor desde o início

O Náutico merecia o gol antes de abrir o placar. Se o primeiro tempo alvirrubro não chegou a ser primoroso, o time funcionou. Nas chegadas dos laterais João Ananias e Gerley, na velocidade de Marinho e no oportunismo de Hugo. O gol poderia ter saído laos 9 minutos. Cara a cara com o goleiro, Carmona chutou em cima de André. O desfecho de uma rápida triangulação, que começou com Marinho e passou por Hugo.

Minutos depois, a dupla voltou a assustar. Marinho soltou uma bomba de fora da área e a bola raspou no travessão de André. Depois, Hugo foi desarmado na área um segundo antes de finalizar.

Improdutivo na maior parte do tempo, o Central só começou a incomodar depois de sofrer o gol. O Timbu balançou as redes aos 37 minutos. Hugo desviou cruzamento de João Ananinas e, de cabeça, abriu o placar Pouco depois,  Danilo Lins substituiu Jhonatan Goiano. O atacante criou os dois melhores momentos do Central. No primeiro, um chute de fora. No segundo, ele chegou a driblar o goleiro Alessandro.

No último lance, o empate alvinegro

O Central se complicou ainda mais aos 14 minutos do segundo tempo, quando o zagueiro Lúcio acabou expulso. O motivo foi um pisão no rosto de João Ananias. Com um homem a menos, a situação que já era difícil ficou ainda mais delicada. Ainda assim, o Alvinegro se lançou ao ataque.

Sem conseguir o gol que lhe daria a tranquilidade, o Náutico viu o tempo passar e a tensão voltar. Sabia do risco de sofrer um gol nos minutos finais. Sentimento que ganhou forma de vez quando a bola se aproximoui da linha de fundo, já nos acréscimos.

Após a cobrança de falta, um bate-rebate na área criou a situação de gol. Alessandro chegou a fazer uma defesa, mas a bola sobrou para o atacante Danilo Lins, de cabeça, empatar a partida. O gol da explosão de alegria de Danilo, dos demais jogadores do Central e da torcida alvinegra. O último lance da partida. Depois, só deu tempo de bater o centro e escutar apito final. Para os alvirrubros, amargo.

Fonte: (Matéria Escrita/Foto – Globo Esporte.com/PE)

Pernambucano 2014: Central vence por 2 x 1 o Vitória com gol no último minuto

Alvinegro chega aos 31 pontos e segue com chances matemáticas de ser campeão

De olho no título do primeiro turno, o Central foi com tudo pra cima do Vitória, no Estádio Lacerdão, pela 17ª rodada do Campeonato Pernambucano. A Patativa criou boas oportunidades, mas sofreu para conquistar a vitória por 2 a 1, diante do tricolor das Tabocas. Graças ao golaço de Fernando Pires, no último minuto do jogo, o alvinegro continua na briga pelo título do turno.

A missão da Patativa agora é secar o Salgueiro que joga neste domingo (02), contra o Serra Talhada, e vencer sua última partida nesta primeira fase, quarta-feira (05), contra o Ypiranga, no Estádio Otávio Limeira, em santa Cruz do Capibaribe.

Já o Vitória fez seu último jogo pela primeira parte do Pernambucano. Com a derrota, o Tricolor das Tabocas estacionou nos 21 pontos e pode perder a terceira posição, consequentemente a vaga no G3, após o complemento desta e da última rodada da competição.

(Fonte/ Escrita: Globoespoete.com)

Pernambucano 2014: Central vence no sufoco e se classifica para série D

O Central bateu o América-PE, por 1 a 0, no Estádio Ademir Cunha pela 15ª rodada do Campeonato Pernambucano. O resultado positivo diante do Mequinha foi suficiente para a Patativa conseguir classificação para a Série D do Brasileiro e de quebra garantir a vaga no hexagonal do título, com três rodadas de antecedência. A equipe centralina chegou aos 28 pontos e segue firme na vice-liderança do estadual.

O alvinegro folga na próxima rodada e ainda tem pela frente dois jogos nesta primeira fase. Na 17ª rodada o Central encara o Vitória-PE no Estádio Lacerdão diante de sua torcida. No último duelo da fase a Patativa encara o Ypiranga-PE fora de casa.

Já o América-PE segue na lanterna da competição, com apenas 10 pontos conquistados. O Mequinha continua sem vencer com o mando de campo a seu favor. Foram sete partidas disputadas, sendo quatro empates e três derrotas. O próximo confronto do América-PE será contra o Porto-PE, no Estádio Lacerdão, em Caruaru. O jogo está marcado para quarta-feira (29), às 20h.

O jogo

Mesmo com a equipe reserva em campo, o América foi pra cima dos visitantes. Logo no início do jogo, Jackson cabeceou e a bola acertou a trave do Central. Mas o lance não valeu. O árbitro marcou impedimento. Pouco tempo depois o estreante alvinegro, Deizinho, que estava improvisado pela direita foi expulso. O atacante teve que deixar o campo mais cedo após ter chutado a bola no adversário.

Com um homem a mais o Mequinha aproveitou e ficou ainda mais ofensivo. Aos 29 minutos, o goleiro André foi obrigado a fazer uma bela defesa, depois de um chute de fora da área. Mas a velha máxima do futebol já dizia: ‘quem não faz, leva’. Aos 35 minutos, o lateral Jean Batista cruzou a bola na área em cobrança de falta. A bola viajou e chegou no zagueiro Alysson que, sozinho, só teve o trabalho de cumprimentar de cabeça. Um a zero para a Patativa.

Na volta para a segunda etapa, a equipe centralina optou por recuar o time. Com isso, o Mequinha tentou arriscar mais. Mas os donos da casa não acertavam as oportunidades criadas e o tempo foi passando.

O América fez uma verdadeira blitz em campo. Mas nada de conseguir passar pelo goleiro André, do Central, que teve uma grande atuação na partida. No finalzinho do jogo o América-PE ainda cobrou um falta que passou raspando a trave. Mas terminou mesmo América-PE 0 Central 1.

Pernambucano 2014: Central vence Salgueiro e encosta na liderança

Confira a 12ª rodada do Campeonato Pernambucano 2014.
Ouça a narração – Liberdade AM

DSC00027
1º Tempo

Daqui a pouco, rola a bola no Lacerdão.

0min – Começa o 1º tempo aqui no Lacerdão

3min – Primeiro ataque do Salqueiro, a bola sobra para André.

6min – Central tenta colocar pressão mas a zaga do Carcará está atenta.

9min – Central tem a segunda chance de colocar a bola na área com cobrança de falta

11min – Mais uma chance do Salgueiro, Caicó chuta pra fora.

14min – Cobrança de falta para o Salgueiro, André faz grande defesa.

19min – O jogo vem truncado com muitas faltas

22min – Central toca a bola na tentativa de abrir espaço pra chegar ao gol

25min – O Carcará fecha os espaços dificultando a saída de jogo do Central

28min – Cobrança de falta na intermediaria para o Central

30min – Central perde um gol na cara, após cobrança de escanteio, Danilo Lins estava impedido.

35min – Cartão Vermelho – Anderson Paraíba chegou forte em Danilo Pires e já tinha amarelo, foi expulso

Pesqueira 2 x 0 América – 1º Tempo

Vitória 1 x 0 Porto – 1º Tempo

42min – Mesmo com um jogador a menos o Salgueiro não sente a diferença

45min – o árbitro dá 3 minutos de acréscimo, vamos à 48.

48min – Sem muito, final do 1º tempo. Central 0 x 0 Salgueiro.

INTERVALO – A seguir o comentário de Edvaldo Magalhães

2º Tempo

0min – Inicia-se o segundo tempo aqui no lacerdão

Chã Grande 1 x 0 Ypiranga

5min – Cobrança de falta na intermediaria para o Central e ele quase marca

11min – Central substitui Diego Teles por Róger

Pesquira 3 x 2 América

16min – Salgueiro substitui Fabrício Ceará por Yeren

17min – Central perde oportunidade uma inacreditável de gol

21min – Waderley fica de cara com o goleiro mas não alcança lançamento

22min – Patativa faz sequencia de ataques mas não consegue finalizar

25min – Gooooooooooooooooollll do Central

34min – Salgueiro assusta Central, quase marcando o gol

Aqui no Lacerdão Público de 7,638 e Renda de R$ 45.550,00

41min – Wanderley em jogada individual chuta por cima do gol

Fim de jogo em Santa Cruz, Chã Grande 1 x 0 Ypiranga

45min – Mais 2 minutos de acrescimo

Fim de jogo em Paulista, América 3 x 3 Pesqueira

47min – Fim de partida no Lacerdão Central 1 x 0 Salgueiro

Caruaru-PE: Veja os gols da vitória do Central por 3 x 1 contra o América

Com vitória, a Patativa subiu para a segunda posição com 11 pontos

O Central conseguiu bater o América, por 3 x 1, no Estádio Lacerdão, na noite desta quinta-feira (26). Em partida válida pela 6ª rodada do Campeonato Pernambucano, a Patativa alcançou a vice-liderança da competição com 11 pontos. O Central folga na próxima rodada. O Mequinha, com o resultado negativo, amargou a terceira derrota do Pernambucano e perdeu uma posição, ficando na 7ª colocação com apenas 4 pontos conquistados. O próximo adversário do América será o Porto-PE, no Estádio dos Aflitos, no próximo domingo (29).

O jogo

Aos 14 minutos o Central teve a primeira grande oportunidade, o Atacante Wanderley chutou cruzado na área e a bola ficou no bate rebate, mas ninguém chegou para completar. A partida ficou bastante movimentada e a Patativa criou várias chances de gol. Nenhuma delas foi aproveitada pelo time da casa.

A oportunidade mais clara do time centralino foi com o lateral Jean Batista, que desperdiçou a oportunidade de abrir o placar de cabeça. E não teve jeito, o primeiro tempo terminou mesmo com Central e América no zero a zero.

Na volta para segunda etapa, o atacante Paulista perdeu um gol nos primeiros minutos de jogo. Mas foi aos 10 minutos que aconteceu o primeiro gol do Central, com Danilo Pires, que aproveitou o rebote para abrir o placar.

Quando os jogadores da Patativa ainda comemoravam o gol, o time do América saiu jogando rápido e, em menos de um minuto, Everaldo aproveitou a euforia dos donos da casa e empatou o jogo.

Aos 35 minutos o atacante Wanderley foi empurrado dentro da área e o árbitro assinalou pênalti. O W11 chamou a responsabilidade e marcou o segundo gol do alvinegro. O goleiro do Mequinha ainda tocou na bola, mas de nada adiantou.

Melhor em campo, a Patativa partiu pra cima. Foi aí que o atacante Danilo Lins fez um verdadeiro gol de placa. Ele tocou levemente por cima do goleiro, fazendo o terceiro gol da Patativa. Estava decretada a vitória: Central 3 a 1 América.

Texto/ Fonte: Globoesporte.com

Caruaru-PE: Central tem primeira vitória contra chã grande no pernambucano

Atacante Danilo Lins, foi o destaque da partida marcando 2 gols da vitória centralina

A vitória sobre o Chã Grande por 3 a 1 na noite desta quarta-feira, no Luiz Lacerda, em Caruaru, levou o Central à liderança (compartilhada com mais três equipes) do Campeonato Pernambucano. Depois do empate com o Porto na primeira rodada, a Patativa agora soma os mesmos 4 pontos de Salgueiro e Vitória-PE, que empataram sem gols no Carneirão, e do próprio Porto, que venceu o Ypiranga por 2 a 0 fora de casa. Destaque da partida, o atacante Danilo Lins marcou duas vezes. Mizael descontou para o time visitante. O Chã Grande chegou a Caruaru com a missão de conquistar os primeiros pontos no estadual. Na estreia, derrota para o Vitória-PE, por 1 a 0, dentro de casa.

O jogo

dsc07524

Foto: (Vital Florêncio/ Globoesporte.com)

A noite foi do Central. Logo no início do jogo, o atacante Danilo Lins, começou a desenhar o resultado que iria garantir a vitória da Patativa, e marcou os dois primeiros gols da larga vitória. O primeiro gol saiu depois de uma cobrança de escanteio, o goleiro Rodrigo da Raposa, não achou nada e Danilo empurrou para as redes.

O segundo gol do atacante, foi uma pintura. Recebeu a bola na entrada da área, deixou a zaga para trás, e apenas tocou na saída do goleiro, fazendo Central 2 a 0. Com o resultado, o time da casa começou a impor o ritmo do jogo. O ataque alvinegro estava em noite inspirada, o terceiro gol foi do atacante Wanderley, o conhecido W-11. Foi um torpedo de longe, ele conseguiu colocar a bola no ângulo esquerdo do goleiro adversário. O dono da casa começou a tocar mais a bola e esperou o fim do primeiro tempo. E foi assim que as equipes entraram para os vestiários com um 3 a 0 para o Central.

Por Caruaru, PE

Caruaru-PE: Central vence amistoso antes da estréia no Pernambucano 2014

O último teste do Central antes do Campeonato Pernambucano aconteceu neste domingo (01), contra o CSP-PB. A Patativa venceu a partida por 4 x 1, destaque para Wanderley Mesquita que marcou 3 gols ainda no primeiro tempo. O técnico Paulo Moroni teve a oportunidade de tirar as interrogações que ainda existiam no time alvinegro antes da estreia do estadual. A equipe do Central tem pela frente, logo no primeiro jogo da competição, um clássico contra o Porto, no próximo domingo (08), no Lacerdão.

TV Replay, o que é bom se repete!

 

Caruaru-PE: Elenco do Central SC foi apresentado nesta segunda (04)

No fim da tarde desta Segunda-feira (04) o elenco centralino foi apresentado nos vestiários do estádio Luiz José de Lacerda. Vinte atletas se apresentaram ao técnico Paulo Moroni e à comissão técnica.

Os presidentes Chico Noé e João Tavares falaram aos jogadores da importância de vestir a camisa alvinegra, destacando o objetivo de fazer uma campanha vitoriosa, à altura da tradição da Patativa.

Em seguida o grupo foi ao gramado, onde iniciou os trabalhos físicos com o preparador Guilherme Bérgamo.

Fonte: Central Sport Club

Caruaru-PE: Três chapas irão concorrer as eleições do Central S.C.

As eleições para presidência do Central, irá acontecer no dia 17 de outubro, e terá 03 chapas concorrendo.

Chapa Unidos pelo Central, com Transparência

Chico Noé – Presidente Executivo
Jandoval Bezerra – 1º Vice
César Veloso – 2º Vice
Onofre Barroso – Secretário
André – Tesoureiro

Conselho Deliberativo:
João Tavares – Presidente
Kiki Beltrão – Vice
Demóstenes Feliz – 1º Secretário
Milton Figueiredo – 2º Secretário

Conselho Fiscal: Sérgio Pepeu, Mário César Afonso e Rubens Oliveira;
Suplentes: Francisco Bezerra ( Chico da Agremil ) e Bernardo José Cysneiros.
Tem 120 membros no conselho deliberativo.
_________________________________________________________________________

Chapa União, Força e Compromisso:

Sivaldo Oliveira – Presidente Executivo
Clóvis Lucena – 1º Vice
Adauto Freire – 2º Vice
João Candido – Secretário
Clênio Lima – Tesoureiro

Conselho Deliberativo:
Márcio Porto – Presidente
Cláudio Mendonça – Vice
Leonardo Chaves – 1º Secretário
Alberto Freire – 2º Secretário

Conselho Fiscal: José Silva, Divanilson Galindo e Augusto Soares (não confirmado); Suplentes: João de Deus, Batista Bijuteria e Anderson Gervásio.
Tem 55 membros no conselho deliberativo.
_________________________________________________________________________

Chapa Coração Alvi-Negro

Lícius Cavalcante -Presidente Executivo
Airton Júnior – 1º Vice
Everaldo Torres (Restaurante A Fazendinha) – 2º Vice
Tony da Pizzaria – Secretário
Luiz Quintino – Tesoureiro

Conselho Deliberativo:
Biu Contador – Presidente
Alexandre do Carrancão – Vice
Éder Oliveira da Silva - 1º Secretário
Wanderley Francisco de Oliveira Júnior – 2º Secretário

Conselho Fiscal: Adv. Roberto Vasconcelos, Carlos Henrique dos Santos e Sérgio Bezerra.
Tem 62 conselheiros.

Qual a melhor chapa para comandar o clube no próximo biênio, na sua opinião ???

Confira a programação do aniversario de 93 anos do central

O diretor social do Central, Airton Júnior, divulgou em entrevista ao nosso repórter Sérgio Marques a programação dos 93 anos de fundação do Alvinegro patativa.

O aniversário da patativa acontecerá amanhã (sexta feira) dia 15/06/2012.

7h: Queima de fogos no Lacerdão

7h30min: Hasteamento das bandeiras do Central, de Caruaru, a de Pernambuco e a do Brasil.

8h: Café da manha na sede do clube

20h: Jogo entre Central Máster e Seleção Pernambucana Máster

22h: Bolo e refrigerantes para convidados.