Altinho-PE: Comprovado! Ex-companheiro mandou matar a mulher

Após grandes suspeitas de que Edjalma Sebastião de Andrade Silva, 22 anos, teria mandado executar a ex-companheira, Josilene da Silva Simões de 22 anos, morta a tiro dentro de casa no loteamento Novo Altinho, na noite da sexta-feira dia 25/04, a polícia comprovou o fato.

11

A equipe do DEAH (Departamento de Apuração de Homicídios) da Polícia Civil, esteve na cidade e descobriu que a vítima estava separada do esposo, Edjalma Sebastião de Andrade Silva, de 22 anos, que está vivendo maritalmente com outra mulher.

Na Delegacia enquanto era interrogado o telefone de Edjalma tocou, um agente atendeu e a pessoa que ligava já foi dizendo o seguinte:

 “O serviço está pronto, só precisei dar um tiro e a vaca morreu! Agora falta você me entregar o prêmio”. 

Se fazendo passar pelo mandante do crime, o agente indagou a pessoa do outro lado da linha: – “onde ele estava?” e o mesmo respondeu que já estava em Recife e depois entraria em contato para receber o prêmio.

Diante do que o policial tinha acabado de ouvir, o acusado foi indagado e acabou confessando o crime. Ele disse que tinha se separado da companheira, com quem tinha a filhinha de 11 meses, mas mesmo cumprindo com o seu papel de pai pagando a pensão alimentícia, a mulher não estava mais permitindo que ele visse a filha e tinha se negado a voltar para ele. Chateado com o que estava acontecendo ele confidenciou isso ao tal amigo do Recife, que ele se negou a fornecer o nome e o amigo prometeu acabar com o sofrimento dele, mas para isso ele teria que lhe pagar uma recompensa, mas o marido preso disse que não foi acertado nenhum valor, coincidentemente o acusado vendeu uma moto esta semana. 

O ex-marido da vítima, foi autuado em flagrante pelo homicídio e foi recolhido a cadeia pública de Altinho.

TV Replay, informações é aqui!