São Domingos-PE: Acusado de vários homicídios é preso

Durante a manhã de hoje, quinta feira, (14-02-2013), após uma intensa perseguição, a Polícia Militar conseguiu prender Josenildo dos Santos, vulgo “Nildinho”, de 18 anos de idade, acusado de vários homicídios em Santa Cruz do Capibaribe e em São Domingos distrito de Brejo da Madre de Deus.

A operação conjunta entre o Grupo de Apoio Tático Itinerante (GATI), a equipe de Rondas Ostensivas Com Apoio de Motocicletas (ROCAM), a equipe Malhas da Lei e a Guarnição Ordinária, foi desencadeada, após o trio ROCAM se deparar com o meliante na Ponte que liga São Domingos a Capital da Moda.

Segundo informações, após perceber a presença da Polícia, “Nildinho” empreendeu fuga, se evadindo pela Favelinha Beira Rio, as margens do Rio Capibaribe. De imediato foi solicitado reforços e os policiais que integram a 3ª Companhia Independente da Polícia Militar (3ª CIPM) iniciaram as buscas. Ainda de acordo com as informações, o individuo foi encontrado dentro de uma residência, no meio de alguns fardos de tecidos. Ao ser interceptado, “Nildinho” se entregou, sendo localizado na oportunidade, um revólver cal 38, com três munições pinadas, que estavam em poder do mesmo, que foi conduzido para Delegacia de Polícia de Santa Cruz do Capibaribe.

O imputado pode ter praticado mais de oito homicídios, mas segundo o Cabo Junior da ROCAM, ele confessa ter praticado apenas cinco, sendo LucasLuquinha, Lambin, Bebo e Gleydson Emerson Araújo da Silva, “Diguin”, de 19 anos, assassinado em no Bloco Onda Azul no dia 02/02/2013 em São Domingos.

indagado sobre os homicídios de José Severino da Silva, “Zé Torrão” de 60 anos de idade, no dia 28/12/2012 na Rua Beira Rio no loteamento Buraco de Gerson também em São Domingos, “Nildinho” afirmou que não teve participação no crime, confessando que outro elemento identificado por “Val”, comparsa do mesmo, foi o autor do homicídio. Com relação à morte de Rodrigo Gomes Timóteo, mas conhecido por “Digão”, no dia 16/09/2012 em um evento político na cidade de Santa Cruz do Capibaribe, “Nildinho, disse que estava presente, mas quem atirou foi Welley dos Santos Silva, de 17 anos, assassinado no dia 17/09/2012. Sobre a suspeita de ter matado seu próprio comparsa “Welley”, Nildinhotambém negou o crime.

Fonte: Jornal Agreste Notícia

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>