Gameleira-PE: Cerca de 4 mil pessoas acompanharam os filmes exibidos pelo Cine Sesi em praça pública

Aconteceu durante todo o final de semana, iniciando na última sexta-feira (16) e encerrando no domingo (18), o Cine Sesi Cultural, que teve sua estrutura toda montada na Av. Agamenon Magalhães no centro da cidade de Gameleira, Zona da Mata Sul do Estado.

??????????????????????????????? g1

Na noite da sexta-feira, (16), dois filmes de curta metragem foram exibidos;  O primeiro “A memória e imaginação de Halder Gomes”; o segundo, “História de Salú”, este último contou a história de um menino chamado Salú, que era pobre e morava no interior do Estado de Pernambuco, numa cidade chamada Aliança, que sonhava em ser um grande artista, mais tarde seu sonho é realizado, ele torna-se conhecido em todo Brasil, como o grande Mestre Salú.

Fechando a primeira noite, foi exibido o filme de longa metragem CINE HOLLIÚDY (comédia), contando que no interior do Ceará, na década de 70, a população da cidade desfrutavam de um bem até então desconhecido, o cinema, porém, com a chegada da televisão  as pessoas foram afastadas dos cinemas.  É aí que Francisglevdisson entra em ação. Ele é o proprietário do Cine Holiudy, um pequeno cinema da cidade que tinha a difícil missão de se manter vivo como opção de entretenimento.

g2

O evento que foi gratuito, animou a todos, principalmente as crianças que além de muitas risadas, comeram pipoca distribuída gratuitamente pela organização do evento. 

g4

g6

Entrevistamos a Professora da rede pública, Érica Cristina, de 41 anos, que falou da importância do evento:

g7

 “A importância do Cine SESI é poder trazer para nós do interior a experiência única de assistir o espetáculo da sétima arte na rua junto das nossas famílias; para que possamos ir a um cinema, é preciso sair para a capital, e participando desse evento que também é cultural, podemos crescer de forma cultural. Achei que o projeto teve uma boa estrutura, que pôde proporcionar que eu trouxesse minha irmã e meus dois  filhos, Cauã e Pedro, para se divertirem, afinal não é todos os dias que temos cinema em nossa cidade”.

O aposentado Cícero Francisco também falou da alegria de assistir um filme numa tela de tamanho de cinema:

g8

g9

“É satisfatório ao ver as pessoas sorrindo mesmo passando por uma crise intensa, eu estou aqui feliz; tenho 52 anos, nasci e me criei em Gameleira,  pela primeira vez vim em um cinema coletivo, é emocionante para mim, falar que em minha época não tinha as mesmas oportunidades, hoje antes do término da minha vida, estou sendo contemplado com este momento, nunca pensei de assistir um filme numa tela tão grande, só tenho a agradecer aos organizadores, agradecer a vocês da TV Replay que está cobrindo, ao meu Deus, por dar esta dádiva de está aqui e a moça que fez a pipoca, pense numa pipoca saborosa.”

No sábado (17), foi a vez do gênero “drama”, com exibição dos curtas: sobre saúde e o Pimenta, e o longa metragem “A Busca”.

Encerrando o evento, em sua última noite, domingo (18), com a exibição dos curtas: Oficina cultural e Leonel e o pé de vento, fechando com o longa metragem “Croods”.

???????????????????????????????

Para o produtor, Raimundo Bento, o objetivo do projeto foi alcançado:

g10

“Proporcionar as pessoas a importância da sétima arte, levando entretenimento de qualidade, incentivando o pensamento das pessoas,  preencher o vazio que é o direito de ir a um cinema de qualidade, são os nossos  objetivos, e passado os três das do projeto, podemos ver que restauramos a cultura das salas de cinemas, sem falar que é gratificante dar o direito as pessoas de ter acesso gratuito a cinema de primeiro mundo. O cinema aberto gratuitamente traz união, deixando uma semente onde passa; a ideia do projeto é também trazer a esperança das pessoas que fecharam suas salas de cinema, repensar e ter suas salas reabertas, o brasileiro gosta muito de cinema, antigamente em cada cidade havia uma sala de cinema hoje com as novas tecnologias essa cultura ficou para trás, apenas nas cidades grandes existe cinema até mesmo nos bairros.”

O  diretor da juventude da cidade, José Mário da Silva, falou da mobilização dos jovens e do trabalho realizado na conscientização da valorização da cultura em detrimento a ociosidade:

g11

“Estou feliz ao ver projetos como esse sendo realizados em nossa cidade, sabemos que os jovens são esquecidos pelos governantes em todo o mundo, principalmente nos interiores, estou crente que nossa cidade está dando passos para acompanhar o futuro, estamos com muitos projetos novos que em breve estaremos colocando em ação, para ajudar os nossos jovens, trazendo-os da ociosidade e alguns do mundo das drogas e da criminalidade.”

O Evento reuniu diversas autoridades locais, políticos e principalmente a população; segundo os organizadores, cerca de mil a mil e quinhentas pessoas participaram do evento em cada noite, totalizando um público final de 4 mil pessoas.

???????????????????????????????

A Polícia Militar, não registrou nenhuma ocorrência durante os três dias do projeto, segundo informações do 21º BPM.

g13

A programação para o ano de 2016 do Cine SESI Cultural, ainda não foi divulgada, mas já recebemos informações do Produtor, que assim que essa programação sair irá mandar em primeira mão para nossa equipe, portanto acompanhe conosco as próximas matérias e veja se a sua cidade foi contemplada com o projeto.

TV Replay, o que é bom se repete!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>