Caruaru-PE: Raffiê Dellon critica postura da Prefeita Raquel Lyra após ser “desconvidado” para ministrar palestra em evento

O coordenador da Ciretran/Caruaru, Raffiê Dellon, emitiu uma nota com tom crítico sobre um evento que vai ser realizado a partir desta segunda-feira (21) pela gestão municipal. De acordo com Dellon, ele havia sido convidado, oficialmente, pela coordenadora de Promoção das Pessoas com Deficiência, Rosimary da Apodec, para ministrar uma palestra na Abertura da Semana Municipal da Pessoa com Deficiência, que estava marcada para hoje, às 9h, na Faculdade Maurício de Nassau.

Ofício

Ofício enviado pela Secretaria Executiva de Direitos Humanos convidando o Diretor da Ciretran

Na nota, Dellon informa que na sexta-feira passada recebeu a informação que teria sido desconvidado para participar da ação. Ele subiu o tom contra a prefeitura de Caruaru. Segue abaixo a íntegra da nota:

“As atitudes da Prefeitura de Caruaru resumem o vazio que significa esse Governo. Eu já vi muita pequenez na forma de fazer Política, mas nada tão pequeno ou mesquinho ao que fui vítima neste final de semana. Recebi com muito carinho e satisfação o convite de Rosimary da Apodec, Coordenadora de Promoção das Pessoas com Deficiência da Prefeitura de Caruaru, para realizar uma Palestra na Abertura da Semana Municipal da Pessoa com Deficiência, que estava marcada para amanhã, segunda-feira, dia 21, às 9hs, na Faculdade Maurício de Nassau. O tema da palestra seria: “Isenção de Impostos na compra de veículos e gratuidade na Carteira Nacional de Habilitação”.

Como se pode observar na imagem abaixo, recebi o convite na data de 27 de Julho, assinado pela Secretária Executiva de Direitos Humanos. O que acontece é que na Sexta-Feira, antes de ontem, recebi a ligação de Rosimary, pessoa integra, guerreira, que merece nosso respeito e é uma lutadora da causa, afirmando que quando o Gabinete da Prefeita soube que eu era um dos palestrantes, foi mandado que ela me desfizesse o convite. Que coisa feia, hein?!

Lamento que a Prefeitura de Caruaru use dessa forma retrógada, atrasada, ultrapassada da época dos coronéis, e rasteira de fazer gestão, aliás, não se pode usar a palavra “gestão” em um emaranhado de desorganização, desencontros, limitação, falta de ação política e inércia, que se transformou essa tentativa de 8 meses de mandato. É um Governo que no primeiro ano nos comprova que já terminou. E isso já é reflexo nas próprias pessoas que votaram nesse projeto fracassado de gerir Caruaru.

É importante ficar claro que minha palestra era institucional, eu iria além de representar a CIRETRAN de Caruaru, explanar dois assuntos importantíssimos e do interesse direto da Pessoa com Deficiência em sua semana. Vale salientar também, que, para comprovar que não faço Política com o fígado ou olhando cor partidária ou ideológica, quando pensei em criar o Fórum do Trânsito e do Transporte da Cidade, a primeira coisa que me passou na cabeça foi que a DESTRA, que é a Autarquia de Trânsito da Cidade, encabeçasse o Fórum.

Pensando assim, de modo coletivo, de modo institucional, que quando criamos o Conselho das Autoescolas de Caruaru, convidamos a DESTRA para explanar e divulgar o Curso de Pilotagem Defensiva, na nossa cabeça, o caruaruense está em primeiro lugar, independente de opinião política.

Da mesma forma que na próxima semana farei questão de ir pessoalmente protocolar o Ofício no Gabinete da Chefe do Poder Executivo de Caruaru, a convidando para fazer a abertura do Fórum Permanente do Trânsito e do Transporte de Caruaru.

A nossa diferença é essa: Fazer Política Pública pensando nas pessoas de Caruaru e não no partido político, na própria família, ou no pensamento ideológico. A eleição acabou há quase um ano. Está mais do que na hora da Prefeita aparecer para os caruaruenses e mostrar algum tipo de resultado, algum tipo de ação, fazer algo, sair do ar-condicionado do seu gabinete, colocar as promessas da campanha em prática.

E qual a conclusão que chegamos? Que na Semana da Pessoa com Deficiência, a Prefeitura de Caruaru está bastante Deficiente de Democracia, Deficiente de Respeito, Deficiente de Visão de Administração e Deficiente de Profissionalismo de Gestão. Que tudo isso mude, para o bem da Cidade! Caruaru não tem dono.

Raffiê Dellon é coordenador da CIRETRAN Caruaru

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>