Cachoeirinha-PE: Suposto boato onde teria um irmão estuprado irmã, após exame sexológico menor não foi violada

Na manhã desta segunda-feira (27.04) policiais militares foram informados de um caso de estupro na Vila La Casa, um dos bairros de Cachoeirinha.

Na ocasião,  a companheira de um jovem de 19 anos teria relatado ao efetivo que o rapaz teria tido relações sexuais com sua própria irmã, uma menina, menor de idade.

Os policiais saíram em busca do “autor” do possível delito, que não foi localizado, tendo o mesmo evadido-se do local.

As partes foram encaminhadas até a delegacia para prestar queixa e de imediato acionado o Conselho tutelar.

Na noite desta terça-feira (28), a TV Replay recebeu uma ligação de familiares da possível vítima, a menor de idade, onde nos foi comunicado que após exame sexológico, nenhuma violação foi apresentada.

Os nomes dos envolvidos foram preservados; a menor para evitar-se a exposição, conforme lei; e acusado, por ter-se constatado, segundo informações da família, que nada ocorreu.

1

TV Replay, nós estamos onde a notícia está!

2 ideias sobre “Cachoeirinha-PE: Suposto boato onde teria um irmão estuprado irmã, após exame sexológico menor não foi violada

Todos os cometários são de responsabilidade de seus autores e não significa o pensamento da TV Replay. Cada um responderá por suas próprias ações.

  1. Meu Deus! Que família desajustada. Essa companheira que fez a falsa acusação deveria ser processada por tal atitude. Se os policiais tivessem pego o rapaz, o mesmo estaria todo machucado de tanto apanhar por um crime que não cometeu ou mesmo ter sido linchado. Nada foi constatado. Não houve violação nenhuma. Que barbaridade. Que acusação ridícula. Punição para essa maluca, Luiz Félix.

  2. Infelizmente, parecia ser uma acusação falsa, mas na verdade, o próprio irmão tem culpa e não concluiu o ato por circunstâncias alheais a sua vontade. Desgraçado, pena de morte é o mínimo para esse tipo de crime. Que ele pague cruelmente por seu crime e se for preso, no presídio vire mocinha. Canalha, verme nocivo, indigno de viver em sociedade. Luiz Félix.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>