‘Lista da morte’ faz nova vítima em Chã Grande

A “lista da morte”, que circula na cidade de Chã Grande, na Zona da Mata Pernambucana, desde 2016, fez mais uma vítima, no último fim de semana: o jovem José Moisés Avelino, de 17 anos. Policiais da Delegacia de Polícia da 67ª Circunscrição da Cidade afirmam que o inquérito sobre a morte do rapaz já foi instaurado, independente da lista. Segundo a polícia, assim como dos outros crimes, este seria de difícil elucidação. 

Suposta "lista da morte" que tem sido divulgada desde 2016, na cidade de Chã Grande. Foto: Reprodução/Internet

Suposta “lista da morte” que tem sido divulgada desde 2016, na cidade de Chã Grande.
Foto: Reprodução/Internet

De acordo com os policiais, o executor do crime, muito provavelmente, não seria morador da cidade. Este seria alguém de fora que viria apenas para realizar o crime, o que dificulta as investigações e a elucidação dos fatos. Ao todo, dez pessoas que tiveram seus nomes divulgados na lista já foram executadas. Há quinze dias, outro jovem, que também fazia parte da lista, sofreu um atentado à tiros, mas conseguiu sobreviver.

A lista foi divulgada pela primeira vez em 2016, na parede do cemitério da cidade, com dezenove nomes e apelidos dos “escolhidos”. Dos dezenove nomes, sete já estão mortos. No ano passado, uma nova versão foi divulgada no mês de março, em uma escola abandonada no centro da cidade. Da nova lista, três já foram executados. Ainda segundo a policia, as vítimas das execuções teriam envolvimento com tráfico de drogas.

Por Folhape

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>