Caruaru-PE: Comut define valor de R$ 2,10 para nova tarifa de ônibus

Após quatro anos sem reajuste a tarifa do transporte coletivo em Caruaru será reajustada. Por maioria de votos os 15 membros decidiriam pelo aumento no valor da passagem. O valor de R$ 1,80 vai subir para R$ 2,10. Nove entidades votaram a favor, três contra e outras três se abstiveram do voto. A reunião foi tensa e durou quase três horas para decidir pelo reajuste.

A decisão foi contestada pelo representante da associação dos moradores das Rendeiras, Pedro Thiago. “Para nós houve uma arbitrariedade aqui hoje, não poderia haver essa votação, mas o que mais me admira é ver o vereador Rozael vir aqui e votar contra o trabalhador. Esse sim honra os votos dos eleitores”, disse em tom de ironia pelo voto do parlamentar, que representou a Câmara a votou a favor do reajuste.

Para o representante da Associação das Empresas do Transporte de Passageiros de Caruaru, Ricardo Henrique, houve uma forma de corrigir uma distorção com a tarifa, já que a situação estava insustentável. “A gente consegue resolver um problema nesse grande espaço de tempo que a gente estava esperando e hoje o Comut ratifica uma tarifa que já foi apreciada desde o ano passado, por meio da planilha de insumos e da própria Destra, para validar essa tarifa”, disse.

De acordo com o presidente do Comut, Sirone Rodrigues, ele vai comunicar imediatamente ao prefeito Zé Queiroz (PDT), para que o decreto seja assinado. “Tivemos hoje a ratificação da tarifa que foi aprovada no ano passado. Vamos levar ao prefeito a opinião dos membros que é da revisão na tarifa, no valor de R$ 2,10, que já foi aprovada no ano passado”, disse.

819b3b9a34e035e323b6a6f2e97e5d4c

TV Replay, o que é bom se repete!

Fonte: http://www.liberdade.com.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>