Cachoeirinha-PE: Secretaria de Saúde promove campanha preventiva ao câncer de mama nesta quarta-feira (24)

A Secretaria Municipal de Saúde de Cachoeirinha promoverá nesta quarta-feira (24) uma série de atividades que marcam o mês de prevenção e combate ao câncer de mama. As ações que integram o Outubro Rosa são promovidas em diversas unidades de saúde do município, no sentido de conscientizar as mulheres quanto à importância do autocuidado.

c1034feeb8e544b33d1fc604d40ae043_XL

O evento será realizado na Academia das Cidades, e trará profissionais que estarão esclarecendo questões relacionadas à saúde da mulher, além de ofertar consultas médicas voltadas à prevenção do câncer de mama.

A programação envolverá mutirão de:

  • Testes Rápidos;
  • Aferição de PA;
  • Testes de HIT;
  • Vacinas;
  • Atendimento Médico;
  • Atendimento Nutricional;
  • Atendimento Social
  • Atendimento Psicológico;
  • Agendamento para emissão de RG e de Carteira de Trabalho.

Segundo o Inca, o câncer de mama pode ser detectado em fases iniciais, aumentando consideravelmente as chances de tratamento e cura. Por isso, é importante que as mulheres na faixa de rastreamento, aquelas acima de 50 e até 69 anos, ou, com histórico da patologia na família, procurem periodicamente o serviço de saúde para realização do exame.

Sintomas

Podem surgir alterações na pele que recobre a mama, como abaulamentos ou retrações, inclusive no mamilo, ou aspecto semelhante à casca de laranja. Secreção no mamilo também é um sinal de alerta. O sintoma do câncer palpável é o nódulo (caroço) no seio, acompanhado ou não de dor mamária. Podem também surgir nódulos palpáveis na axila. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), o câncer de mama é o segundo tipo mais frequente no mundo. Mais comum entre as mulheres, ele responde por 22% dos casos novos a cada ano.

Prevenção

Evitar a obesidade, através de dieta equilibrada e prática regular de exercícios físicos, é uma recomendação básica para prevenir o câncer de mama, uma vez que o excesso de peso aumenta o risco de desenvolver a doença. A ingestão de álcool, mesmo em quantidade moderada, é contraindicada, pois é fator de risco para esse tipo de tumor.

Embora a hereditariedade seja responsável por apenas 10% do total de casos, mulheres com história familiar de câncer de mama, especialmente se uma ou mais parentes de primeiro grau (mãe ou irmãs) foram acometidas antes dos 50 anos, apresentam maior risco de desenvolver a doença. Esse grupo deve ser acompanhado por médico a partir dos 35 anos.

Primeira menstruação precoce, menopausa tardia (após os 50 anos), primeira gravidez após os 30 anos e não ter tido filhos também constituem fatores de risco para o câncer de mama.

O Outubro Rosa foi criado no início da década de 90, mesma época em que o símbolo da prevenção ao câncer de mama, o laço cor-de-rosa, foi lançado pela Fundação Susan G. Komen for the Cure e distribuído aos participantes da primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York (EUA) e, desde então, promovido anualmente em diversos países.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>