Náutico: Para Moacir Júnior, o empate foi com sabor de vitória

Bastante aliviado técnico alvirrubro enalteceu poder de reação do grupo

Bastante aliviado técnico alvirrubro enalteceu poder de reação do grupo

Quando o árbitro da partida, Marcelo de Lima Henrique, assinalou o fim do jogo, o semblante do treinador Moacir Júnior era de um alívio sem igual. O gol de empate do Náutico, marcado pelo atacante João Paulo aos 47 minutos do segundo tempo, amenizou a pressão que mais uma derrota traria para o comandante timbu.

O placar final apontava um empate em 1×1 contra o Central, mas para Moacir não tinha nada de empate, pois a sensação foi de vitória diante de tudo o que aconteceu no jogo e da reação exercida por seu time que viu o primeiro tempo ser totalmente dominado pela equipe adversária, mas que mudou o cenário na etapa complementar.

Mesmo comemorando o empate, Moacir Júnior reconheceu falhas, principalmente no gol do Central logo no início do jogo: “O gol deles acabou surgindo, mais uma vez, de uma infelicidade individual. Não foi uma coisa coletiva. Tanto que o nosso goleiro, o Júlio César, trabalhou pouco no jogo. Isso significa que o coletivo funcionou”, comentou.

Sobre a mudança de atitude no segundo tempo, Moacir Júnior falou sobre o assunto:

TV Replay, o que é bom se repete!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>