Blog de Airton Sousa: Lá se foi 2017 agora é esperar o ano novo

                                    2018

São quase dois anos que o nosso blog está no ar. Informando, criticando, elogiando, passando a limpo as notícias nos mais diversos seguimentos, tudo  dentro de um critério de franqueza e imparcialidade, como sempre  foi  a linha desse cronista. Daí a credibilidade atingida durante trinta e quatro anos de profissão, mesmo entendo que não é possível agradar a todos.

Cabe nesse instante um agradecimento, sem citarmos nomes ou pessoas, afim de não incorrermos no erro de esquecer alguns. Contudo sintam-se abraçados, na expectativa de que em 2018 outra vez seremos parceiros e amigos. No rádio, na televisão e agora na mídia social através deste blog, a certeza de que estamos contribuindo de  uma maneira ou de outra, para a propagação do esporte de uma maneira geral.

Falando agora de futebol, podemos dizer especificamente que para Pernambuco não foi um ano de resultados positivos, se não vejamos: O Santa Cruz e o Náutico tiveram campanhas decepcionantes  a nível Nacional com a queda para a terceira divisão e com um desastre dos seus administradores, além de nenhuma conquista na região, também a  perda do Campeonato Estadual.

Agora é esperar que o trauma possa surtir o efeito preciso, com uma boa campanha no Estadual, na Copa do Nordeste e na Copa do Brasil. Sonhar um pouco faz bem, desde que esse sonho esteja dentro na realidade. Avançar na Copa do Nordeste, também na Copa do Brasil esse é o propósito para a próxima temporada.

Quanto ao Sport, também não foi diferente. O Campeonato Estadual conquistado contra o Salgueiro, dentro de um clima de muita dúvida na última partida. Veio a expectativa das Copas do Nordeste, Brasil e Sul-Americana também decepcionando a torcida e finalmente o décimo quinto colocado no Campeonato Brasileiro classificando-se  no último jogo.

Para 2018, a obrigação de se profissionalizar, de criar uma estrutura digna do nome, dos gastos e da sua torcida, o Sport terá o Campeonato Estadual, a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro. Muito pouco porque o que prevaleceu foi a prepotência da diretoria, não admitindo participar da Copa do Nordeste, porque tinha a certeza que teria a Sul-Americana e a Libertadores em suas mãos, puro engano o Clube só terá três competições para 2018.

Com relação aos principais clubes do interior: O Salgueiro perdeu o título injustamente para o Sport, não conseguiu avançar nas Copas do Nordeste e Brasil. Finalmente desfez parte do time e espera com novos nomes recuperar a sua imagem. Quanto ao Central, um ano desastroso técnica e financeira, no entanto a esperança com a nova diretoria e com o investimento que está acontecendo, que o time possa dá alegria ao seu torcedor no novo ano. Feliz 2018…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>