Blog de Airton Sousa – Brasil vence primeiro amistoso – Sport empata e tem situação mais complicada ainda

                               neymargbyjug

Sexta-feira (07), a Seleção Brasileira realizou o seu primeiro amistoso, após o fracasso na Copa da Rússia. O adversário sem tanta expressão e a Seleção conseguiu vencer sem muitos obstáculos, pelo placar de 2 x 0. Os gols foram construídos todos na segunda fase, deixando a torcida apreensiva.

Algumas experiências foram feitas pelo treinador Tite, a exemplo de Fabinho, Dedé, Artur, Paquetá, Everton e Richarlísson, colocando assim nas mãos do treinador a expectativa das mudanças posteriores, já que a intenção quando da colocação dos novos atletas é para acompanhar as mudanças e o possível crescimento.

Entendendo-se que vitória é vitória, e deixa a esperança que as renovações possam trazer ao treinador a condição de melhorar o rendimento, visto que a decepção da perda da copa está inerente na mente do torcedor, e será necessário  que a seleção tenha um crescimento tal, que os resultados sejam convincentes.

Na próxima terça-feira (11), a seleção realizará o segundo amistoso dessa sequencia, desta feita contra a fraca seleção de El Salvador. Não podemos considerar como um teste, mais sim um jogo em que a seleção tem a obrigação de vencer bem, e deixar a expectativa  para os novos amistosos, até chegar a Copa América do próximo ano.

Falando agora do Campeonato Brasileiro, o Sport entrou em campo no sábado (08) na Ilha do Retiro, desta feita contra a boa equipe do Cruzeiro. O resultado do jogo, levando-se em consideração as necessidades do time, foi um empate desastroso porque o Sport terá que contabilizar oito vitórias, e com o empate foram mais dois pontos perdidos.

Quanto ao time, nada mudou. As mesmas fragilidades anteriores, um poder ofensivo que não assusta, uma equipe com defeitos que são repetidos a cada partida. Especificamente no jogo contra o Cruzeiro, podemos dizer que a arbitragem e a incompetência de Raniel contribuíram para que a derrota mais uma vez não acontecesse.

Aos 28 minutos do primeiro tempo, a arbitragem pisa na bola, quando anulou um gol legítimo de Barcos,  uma bola que sobrou após um cruzamento de Mancuello. O árbitro anulou o gol errando totalmente, porque o jogador Marcão dava condição de jogo ao atacante Cruzeirense. Muitas reclamações por parte do Cruzeiro, porém nada adiantou.

O primeiro tempo, diante do erro do árbitro terminou zero a zero. Na segunda fase, duas mudanças aconteceram de inicio, Raul Prata e  Jair, onde o Sport apresentou um pouco de crescimento, no entanto nada de conseguir o seu intento, pois o empate seria um desastre para o rubro-negro.

Aos 31 minutos, um lançamento de Raniel para David que foi derrubado na área, o árbitro marcou pênalti,  e Raniel cobrou mal dando a   Magrão a chance de  evitar o gol, sendo este pênalti o trigésimo terceiro  que Magrão defendeu, evitando assim mais uma derrota do Sport. Porém pela situação, o empate não foi um bom resultado.

Com o empate o Sport tem a sua situação ainda mais complicada na tabela. Faltam 14 rodadas para o término da competição, onde o Sport tem a obrigação de vencer oito partidas, se quiser escapar do rebaixamento para a segunda divisão. É grave a situação do rubro-negro, que vê cada vez mais próximo o rebaixamento.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>